Falso cardiologista é preso em hospital de Curitiba

Andreza Rossini


Um homem de 44 anos foi preso em um hospital do bairro Batel, em Curitiba, suspeito de se passar por médico residente em cardiologia. Ele foi flagrado por policiais da Delegacia do Estelionato (DE), de Curitiba, enquanto andava pelo hospital, na última sexta-feira (17).

Os policiais investigavam o suspeito há quatro meses e apreenderam itens como um diploma falso do curso de medicina de uma universidade de Cochabamba, na Bolívia, jaleco e estetoscópio.

“Após receber informações de que essa pessoa se passava por médico nós iniciamos as investigações e contatamos a fraude”, explica o delegado-titular da DE, Wallace de Oliveira Brito completando que “a delegacia entrou em contato com a instituição de ensino que confirmou a suspeita da polícia”.

Ainda de acordo com o delegado, a DE já vinha investigando golpes ocorridos em hospitais de Curitiba e Região Metropolitana (RMC), onde o foco dos estelionatários é o desfalque financeiro de familiares de pessoas internadas nas unidades de Terapia Intensiva (UTIs). “Com o pretexto de medicar o paciente com medicamentos que o hospital não possuí, estes estelionatários induzem a vítima a depositar valores para esse fim”, explica.

O homem que já possui passagens pela polícia responderá pelos crimes de estelionato, falsidade ideológica e documental, como também exercício ilegal da medicina. Ele aguarda preso à disposição do Poder Judiciário.

Previous ArticleNext Article