Gaeco prende investigadores da Polícia Civil

Fernando Garcel


Agentes do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do núcleo de Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, cumprem na manhã desta terça-feira (11), três mandados de prisão contra investigadores da Polícia Civil. Os policiais são investigados por prática de crimes contra a administração pública e associação criminosa.

Dos mandados, dois são de prisão preventiva, quando não há prazo para liberação do investigado, e um de prisão temporária, além de mandado de suspensão da função pública de um dos réus.

A ação dá continuidade às operações que já tiveram o cumprimento, no dia 3 de outubro, de mandados de busca e apreensão nas residências dos investigadores e na sede da 6ª Subdivisão Policial de Foz do Iguaçu.

> Policiais Civis são presos pelo Gaeco no Paraná

As investigações começaram após informações de que os policiais estariam se apropriando de produtos provenientes de contrabando, realizando abordagem às vítimas na BR-277. Na primeira fase das diligências, no início do mês, um investigador foi preso em flagrante por posse irregular de munição e teve sua prisão convertida em preventiva.

A Corregedoria da Polícia Civil está acompanhando o caso.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="390532" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]