Sem categoria
Compartilhar

Grafiteiros homenageiam 324 anos de Curitiba com exposição na Mercadoteca

Enquanto a prefeitura de São Paulo trava uma batalha contra os grafiteiros, aqui em Curitiba as manifestações artísticas..

Guilherme Grandi - 24 de março de 2017, 17:45

Os quatro artistas do coletivo &quotOs Invisíveis&quot criarão desenhos com base no tema &quotCuritiba 324 Anos&quot. [foto: reprodução Facebook]
Os quatro artistas do coletivo &quotOs Invisíveis&quot criarão desenhos com base no tema &quotCuritiba 324 Anos&quot. [foto: reprodução Facebook]

Enquanto a prefeitura de São Paulo trava uma batalha contra os grafiteiros, aqui em Curitiba as manifestações artísticas de rua são incentivadas por grandes empresas. Neste domingo, a partir das 13h30, a Mercadoteca abre as portas para a primeira edição do projeto Arte Urbana, com curadoria do arquiteto urbanista Rodrigo Ramon Rodrigues.

A ação tem como objetivo desenvolver através do incentivo cultural as mais diversas formas de arte urbana, expandindo a oportunidade para artistas urbanos, escultores, pintores, grafiteiros, músicos, entre outros. A ação apoia artistas da cidade e do estado que geralmente não possuem espaços ou infraestruturas para divulgação de seus trabalhos.

Desta forma, estarão reunidos neste primeiro momento do projeto os membros do grupo coletivo “Os Invisíveis”. O trabalho deles, na apresentação de domingo, será traduzido através de painéis com a utilização de técnicas de grafite sobre tela com o tema "Curitiba 324 anos". Neste evento serão montados quatro pequenos palcos sobre pallets com painéis, e cada um dos artistas poderá desenvolver o seu trabalho ao mesmo tempo em que os clientes poderão acompanhar os movimentos e a criação de cada obra. Os desenhos ficarão expostos por seis meses, e depois leiloadas.

O coletivo "Os Invisíveis" é formado por quatro 'artistas urbanos', como eles próprios se denominam com seus apelidos: o tatuador Andrigo, chamado também de Cyne; o ilustrador Eduardo, ou Bemcs; o arquiteto Rodrigo, conhecido como Digãoo; e o repentista Theo, ou Jubylew.

Serviço:

"Arte Urbana - Curitiba 324 Anos"

Domingo, dia 26, a partir das 13h30, na Mercadoteca

Rua Paulo Gorski, 1309, Mossunguê

Entrada gratuita.