Homem é condenado a 20 anos por morte de haitiano

Fernando Garcel


A Justiça condenou um homem a 20 anos de prisão por homicídio qualificado em Campo Largo, na Região Metropolitana de Curitiba, por crime cometido em 2013. O Ministério Público do Paraná, por meio da 2ª Promotoria de Justiça da Comarca, atuou na acusação.

A vítima, um homem de 22 anos de nacionalidade haitiana, foi encontrado morto, amarrado, com múltiplos ferimentos e com o órgão genital decepado colocado na boca.

Para a Justiça, houve “plena intenção em humilhar a vítima e sua honra, deixando uma mensagem velada de que merecia ser morta”. O homem, de 32 anos, foi preso um mês após o crime pela policia de Campo Largo. Ele já havia sido condenado em Santa Catarina por um latrocínio, crime seguido de morte, em Itapoá (SC) e cumprirá pena pelos dois crimes.

 

Previous ArticleNext Article