Jovem é assediada e agredida em casa noturna no Batel

Andreza Rossini


Metro Curitiba

Uma mulher de 26 anos foi agredida na madrugada de sexta para sábado em uma casa sertaneja, no Batel, após ter sido assediada e ofendida.

Em relato postado nas redes sociais, a jovem que usava um vestido curto com estampa de oncinha, disse que os agressores falaram que ‘pela minha roupa eu pedi aquilo’ e que ‘piranha é assim mesmo’.

Antes da agressão, ela detalhou o que aconteceu. “Ao recusar drinks, convites para sair, ignorar as investidas e simplesmente tentar aproveitar a minha noite juntamente dos meus amigos, eu disse “não quero não sou obrigada a te beijar e nem nada do gênero”, eu fui xingada da forma mais esdrúxula que conheço por um ser humano que não deve ter mulheres na família ou não sabe o valor do respeito”.

Amigos da jovem saíram em sua defesa e a discussão começou. Quando a situação parecia resolvida, a mulher declarou que ela e um amigo foram atacados pelas costas. “O fato dele ter o dobro da minha altura e do meu peso, não me impediram de defender o meu amigo e me defender”, escreveu. Quando os seguranças apartaram, ela notou um corte no braço. “Fui atendida no ambulatório e agradeço a postura que a casa teve para resolver a situação e o respeito e atenção que tiveram comigo”.

Em nota, a casa noturna disse que repudia qualquer tipo de violência e que prestou toda a assistência necessária para a cliente. “Nossos coordenadores estão verificando as imagens das câmeras de segurança para tomar as devidas providências com os responsáveis pela agressão e deve prestar todo o auxílio à polícia para a resolução do caso”.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="424197" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]