MDB repudia tratoraço na aprovação da previdência estadual

Pedro Ribeiro


 

Em referência à aprovação, pela Assembleia Legislativa, da proposta de alteração da aposentadoria dos servidores públicos do Estado, o Diretório Estadual do MDB do Paraná manifesta oposição e repúdio à medida e diz que “o governador a base de bombas, repete as mesmas práticas de seu antecessor, Beto Richa, ao fazer um ajuste fiscal nas contas do Estado, usando o bolso e a carreira dos servidores públicos para supostamente fazer caixa”.

Segundo texto do MDB, assinado pelo presidente do partido, ex-deputado federal, João Arruda, “esse mesmo grupo, que desde 2015 foi sistematicamente quebrando o fundo de previdência público do funcionalismo, aprovou nesta quarta-feira, 4 de dezembro, uma reforma que onera mais ainda os professores, policiais e demais categorias do serviço público estadual”.

O governo afirma que a proposta é para que as contas do Estado entre em ordem, para que haja investimentos em saúde e educação. Tal incoerência é uma afronta ao bom senso, já que este governo é a continuidade do governo anterior, e que atualmente propõe até mesmo o fechamento de escolas e turmas do ensino médio noturno.

“A hipocrisia é tanta, que na mesma semana que atacam os servidores, propagam que houve um crescimento econômico no estado de mais de 2,5%. O bolo do crescimento é fatiado apenas para o andar de cima, para o andar de baixo nem as migalhas”, destaca o texto da oposição.

 

Previous ArticleNext Article
Pedro Ribeiro
Pedro Ribeiro, jornalista editor-chefe do Paraná Portal