Mulher simula sequestro para escapar de dívida com ex-marido em Cascavel

Mariana Ohde


Uma mulher simulou o sequestro do ex-marido para que não precisasse pagar a ele uma dívida de R$ 5 mil. O crime aconteceu em Cascavel e resultou na prisão da mulher, de dois jovens contratados por ela para simular o falso sequestro e na apreensão de um adolescente de 17 anos, também suspeito de envolvimento.

De acordo com os policiais, a mulher ligou para o ex-marido na quarta-feira (11) para que ele fosse até a sua casa receber o dinheiro que ela devia. O home chegou ao local por volta das 10h30 e foi abordado, logo após estacionar o carro, pelos jovens contratados pela ex-companheira. Armados, eles o obrigaram a dirigir até um cemitério no bairro Santos Dumont.

Ao chegar ao local, os suspeitos simularam o sequestro e pediram que a vítima ligasse para alguém da família, pedindo que levasse a quantia em dinheiro para eles. O homem ligou para a ex-mulher e pediu para que ela desse os R$ 5 mil aos sequestradores. A suspeita chegou ao local e entregou um envelope vazio aos suspeitos, conforme haviam combinado previamente. Ela foi liberada e os jovens ficaram com a vítima por mais um tempo. Eles roubaram mais R$ 700 em dinheiro, que estavam no bolso do homem, atiraram em seu carro e o liberaram em seguida.

A vítima registrou um Boletim de Ocorrência na delegacia após ser solta. O Grupo de Diligências Especiais (GDE) passou a investigar o caso e foi até a casa da mulher para ouvi-la. A mulher entrou em contradição durante seu depoimento e acabou confessando o crime.

Com isso, a equipe policial chegou aos outros envolvidos. Um jovem de 19 anos foi encontrado em sua residência. No local, foi apreendido um revólver de calibre 38, com três munições intactas. Outro jovem de 20 anos, com quem a mulher negociou a simulação, foi preso no bairro Paulo Godói. Já o adolescente foi apreendido no Parque dos Ipês. Com ele, foi encontrada uma motocicleta roubada em novembro de 2016.

Os maiores estão detido no Setor de Carceragem de Temporária da 15ª Subdivisão Policial (SDP), onde foram autuados pelo crime de roubo agravado. Já o adolescente foi encaminhado ao Centro de Socioeducação (Cense), após ter sido autuado pelo mesmo crime e ainda por receptação.

Previous ArticleNext Article
Mariana Ohde
Repórter no Paraná Portal