Polícia cumpre um mandado de prisão e 15 de busca e apreensão em Curitiba

Andreza Rossini


Um homem de 22 anos foi preso, nesta terça-feira (28), suspeito de cometer quatro assassinatos  na Vila Nossa Senhora da Luz, na Cidade Industrial de Curitiba (CIC). Outros 15 mandados de busca e apreensão são realizados pela Polícia Civil, durante a operação “Versículos”.

Na casa do suspeito preso, a polícia apreendeu 600 gramas de maconha, uma réplica de fuzil, munições ponto 40, duas balanças de precisão e máscaras – utilizada para intimidar as pessoas. Um adolescente de 15 anos foi apreendido com 300 papelotes de cocaína.

De acordo com investigações constatadas pela Divisão de Homicídio e Proteção a Pessoa, o homem preso é conhecido como “Preto” e integrante de uma das gangues rivais que atuam no bairro. A rivalidade acontece porque os grupos criminosos disputam frequentemente a liderança da região para realizar o tráfico de drogas.

Segundo a Polícia Civil, as quatro mortes cometidas na região, tem relação com o tráfico de drogas. Todas as vítimas foram assassinadas com disparo de arma de fogo. As investigações apuraram também, que o principal suspeito de ter cometido esses homicídios foi “Preto”. “Através de um trabalho de investigação que durou cerca de quatro meses, conseguimos chegar até este homem que é apontado como o suspeito da prática desses crimes”, comenta o delegado titular da DHPP, Fábio Amaro.

O suspeito foi preso pelos quatro homicídios e autuado em flagrante por tráfico de drogas e posse de munição de uso restrito. Ele está à disposição da Justiça. Já o adolescente apreendido com os papelotes de cocaína, responderá pelo ato infracional de tráfico de drogas. Ele foi encaminhado para a Delegacia do Adolescente (DA) de Curitiba.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="421745" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]