Suspeito de matar estudante é preso

Julie Gelenski


Com Metro Jornal Curitiba

A polícia prendeu ontem o suspeito de matar Matheus Zawadzki, de 21 anos, um estudante que cursava o 2º ano de agronomia na UFPR (Universidade Federal do Paraná).

Na última terça (13), o jovem foi assassinado com sete tiros no momento em que saía de casa em São José dos Pinhais, na região metropolitana de Curitiba. O autor do crime, um rapaz de 18 anos, chamado Júlio César Bonetti, que teria matado Matheus porque o estudante se recusou a pagar o conserto do carro dele.

Os dois se envolveram em um acidente de trânsito há cerca de um mês na saída de uma festa rave em Piraquara. “O suspeito começou a ameaçar a vítima caso ela não pagasse o conserto do automóvel, fato esse que motivou o crime”, explicou Michel Teixeira, delegado-adjunto da Delegacia de São José dos Pinhais.

Segundo Teixeira, os dois vinham trocando mensagens ofensivas desde o acidente.

Com o suspeito, foram apreendidos um revólver calibre 38 de numeração raspada, um veículo Gol prata de placas adulteradas, que teria sido usado no crime, e 54 gramas de crack.

O jovem já era investigado por outros delitos, segundo a polícia, que ainda busca os coautores do crime e o carro, o gol prata que aparece na foto, também possui alerta de roubo.

Previous ArticleNext Article