Sintonia Fina - Pedro Ribeiro
Compartilhar

Bolsonaro à frente no Paraná e Ratinho JR venceria no primeiro turno

O senador Alvaro Dias, segundo a pesquisa IRG, teria, se as eleições fossem hoje, 60% dos votos, o que equivaleria a 3.800.000 votos.

Pedro Ribeiro - 19 de maio de 2022, 20:40

Foto/Divulgação
Foto/Divulgação

 

O senador Alvaro Dias, segundo a pesquisa IRG, teria, se as eleições fossem hoje, 60% dos votos, o que equivaleria a 3.800.000 votos.

Pesquisa IRG no Estado do Paraná sobre as eleições presidenciais e ao governo paranaense, divulgada nesta quinta-feira, 19, mostra que o presidente Jair Bolsonaro (PL) está à frente do ex-presidente Lula (PT) com 47,56%, contra 38,80%. Ciro Gomes (PDT), tem 5,65%, João Dória (PSDB), 3,66% e Simone Tebet (MDB), 1,77%.

No Paraná, o governador Ratinho Junior (PSD) lidera com 55,3% (podendo vencer no primeiro turno), seguido de Roberto Requião (PT), com 21,00%, e Cesar Silvestre Filho (PSDB), com 3,2%. Nenhum desses candidatos pontuou, 13,6% e não sabe, 4,6%.

Ao Senado, o senador Alvaro Dias (Podemos) lidera com 60,40% (votos válidos), seguido pelo Dr. Rosinha (PT), com 12,75%. Depois vem Paulo Martins, com 9,53%, Guto Silva (PP) com 6,04% e Orlando Pessuti (MDB) com 5,77%.

Em relação aos votos válidos ao Senado Federal, Alvaro Dias teria, se as eleições fossem hoje, 3.600 mil votos. O segundo colocado, Dr. Rosinha faria 700 mil votos e o terceiro, Paulo Martins, 600 mil. Guto Silva teria 370 mil votos e Orlando Pessuti, 120 mil.

A pesquisa foi registrada no TSE com o número 08030 e ouviu 1.500 eleitores.