Sintonia Fina - Pedro Ribeiro
Compartilhar

Bolsonaro agora critica o ministro da Justiça, Sergio Moro

 Além do ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, agora o presidente Jair Bolsonaro também está criticando..

Pedro Ribeiro - 30 de março de 2020, 15:41

Marcos Corrêa/PR
Marcos Corrêa/PR

 

Além do ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, agora o presidente Jair Bolsonaro também está criticando o ministro da Justiça, Sergio Moro, acusando-o de distanciamento em relação à crise do coronavírus.

Bolsonaro teria reclamado no fim de semana do ministro Moro, dizendo que o ministro “só pensa nele” e “não está fazendo nada” para ajudar o governo na batalha que o presidente trava com os governadores.

Moro tem se isentado de abraçar o discurso de Bolsonaro, que defende que as pessoas fora do grupo de risco voltem ao trabalho. Nesta segunda-feira, o ministro da Justiça, que já sofre pressão nos bastidores, deu seu recado no Twitter: “Prudência no momento é fundamental”.

No Supremo Tribunal Federal, as conversas de bastidores estão em torno das posições de Bolsonaro em relação ao seu descumprimento das determinações do Ministério da Saúde e das recomendações da Organização Mundial da Saúde, para que todos fiquem no isolamento.

Fontes do TSF dizem que se Bolsonaro levar adiante sua ideia de reabrir o comércio a medida será barrada pela Corte.