Sintonia Fina - Pedro Ribeiro
Compartilhar

Em livro, Gustavo Fruet fala sobre os “donos da cidade”

Gustavo Fruet, que comemora 25 anos de vida pública, fala sobre sua travessia de vida em livro que marca sua trajetória no Congresso nacional e na Prefeitura de Curitiba

Pedro Ribeiro - 16 de maio de 2022, 11:00

Foto/Divulgação/PDT
Foto/Divulgação/PDT

 

 

Não tenho o conteúdo do livro, mas posso avaliar que se trata, também, de um desabafo. O deputado federal, Gustavo Fruet, escreve sua trajetória de vida, onde deverá contar tudo, principalmente sobre o período turbulento em que passou quando foi prefeito de Curitiba e teve que enfrentar, segundo ele, os “donos da cidade”. Fruet está completando 25 anos de vida pública.

Fruet conta, com propriedade, sobre sua participação na CPMI dos Correios, que acabou revelando um dos maiores escândalos de corrupção do Brasil: o Mensalão. Seus protagonistas estão até hoje comandando o Congresso Nacional através do famigerado “Centrão”.

Na obra, o ex-prefeito vai além do passado e presente, e trata ainda do futuro das cidades e da influência da inteligência artificial, eletromobilidade, internet das coisas, smart cities, 5G e das mudanças climáticas na vida humana.

“Ao longo da minha trajetória na vida pública, convivi com o que há de melhor e de pior na política. Confesso que não foram muitos os momentos de tranquilidade. O fato é que desde muito pequeno acompanhava meu pai, Maurício Fruet, nas suas batalhas. Toda aquela paixão e os momentos de enfrentamento contra a acomodação, despertaram em mim a vontade de seguir os passos na política, que se apoiam muito na intuição, vocação e, quando possível e com o tempo, um pouco de planejamento. Acredito que tenha chegado a hora de compartilhar essa experiência”, destaca Fruet.