Sintonia Fina - Pedro Ribeiro
Compartilhar

Lula deve pedir desculpas ao povo brasileiro

  Um metalúrgico da região metropolitana de Curitiba, com bandeira da CUT enrolada ao corpo, gritava, h..

Pedro Ribeiro - 07 de abril de 2018, 19:19

 

 

Um metalúrgico da região metropolitana de Curitiba, com bandeira da CUT enrolada ao corpo, gritava, histericamente, que se não fosse pelo Lula, ele não tinha casa e seu filho não estava na escola. Quer dizer que todas as pessoas que possuem casa própria e quem filhos na escola devem se ajoelhar a Lula.

 

A cena, gravada em vídeo, me chamou a atenção. Quer dizer que o bancário, o trabalhar no comércio, o funcionário público, o mecânico, o marceneiro, o frentista e outros trabalhadores, inclusive o rural, não os invasores de terras, não conseguiriam ou não conseguiram, com seus esforços e trabalho, comprar uma casa e colocar filhos nas escolas.

 

A histeria tomou conta. Os ataques à imprensa e principalmente o desrespeito às leis, aos juízes, são uma afronta à segurança nacional e â democracia. O que vimos, nestas últimas 15 ou 20 horas, foram agressões, deboche.

 

Qualquer cidadão brasileiro, hoje, deveria se envergonhar e exigir respeito em nome do meu país. Lula, um cidadão normal ou ex-presidente da República tem que prestar contas com a justiça, senão vira baderna e foge ao controle.

 

Lula deveria vir à Nação e pedir desculpas ao povo brasileiro, porque ele foi condenado à prisão por corrupção e formação de quadrilha. Ele foi julgado pela corte máxima, pelos guardiões da Constituição e foi condenado, queira seus seguidores ou não.

O que vimos, nestas 20 horas, foi, infelizmente, um festival de deboche, regado a cerveja, churrasco, missa à falecida e agressões, como uma jornalista da Band News que levou um soco de um petista covarde. As lideranças do partido deveriam ter vergonha.

 

Mais insano ainda é dizer que Lula enquadrou o juiz Sergio Moro, não comparecendo na Polícia Federal, no horário estipulado. O problema será dele, Ele terá que responder por mais essa arrogância.

 

O homem que diz ser o mais honesto do mundo é, também, segundo o Google, o mais corrupto do planeta. Como Lula quer a ir à anistia internacional e à ONU, se é um condenado que se recusa a prestar contas com a justiça de seu país.

 

Cito, aqui, frase do ex-presidente Lincoln: “pode-se enganar todos por algum tempo; podem-se enganar alguns por todo o tempo; mas não se pode enganar todos por todo o tempo”.