Sintonia Fina - Pedro Ribeiro
Compartilhar

Negociação com servidores trava no TC e Richa libera recursos a escolas

  O governo até teria a intenção de honrar o compromisso com os servidores públicos, mas o Tribunal de ..

Pedro Ribeiro - 08 de novembro de 2016, 09:24

 

 

O governo até teria a intenção de honrar o compromisso com os servidores públicos, mas o Tribunal de Contas do Estado travou tudo. Conversa daqui, dali, cálculos apresentados pelo Governo do Estado, durante reunião com sindicatos de servidores, nesta segunda-feira (07), mostram que, mesmo sem reajuste em 2017, o funcionalismo terá ganho real por meio do pagamento de promoções e progressões previstas.

Durante a reunião, o secretário da Fazenda, Mauro Ricardo, e o chefe da Casa Civil, Valdir Rossoni, falaram sobre as finanças estaduais e a ressaltaram a importância de o Paraná manter o equilíbrio financeiro. Ricardo disse que a situação financeira do Estado não está boa, mas muito longe da de um estado como o Rio de Janeiro, enquanto Rossoni afirmou que vai negociar a cláusula com o Tribunal de Contas para resolver a pendenga.

Escola 1000

Nesta terça-feira, o governador Beto Richa autoriza o início dos repasses para as escolas selecionadas para receber recursos do programa "Escola 1.000". São R$ 100 milhões do orçamento do Estado, divididos entre 1.000 colégios estaduais de todas as regiões do Paraná. Foram abertas contas específicas para o depósito da verba. Os depósitos começam a ser feitos nesta terça-feira (8) e devem estar finalizados até sexta-feira (11).pedro.ribeiro