Sintonia Fina - Pedro Ribeiro
Compartilhar

No Couto Pereira, uma festa do torcedor e das crianças

O Coritiba foi campeão paranaense neste domingo e o diferencial foi a festa de sua torcida com a presença de crianças e mulheres no estádio. O futebol ganha com isso.

Pedro Ribeiro - 04 de abril de 2022, 08:07

Foto/Divulgaçao
Foto/Divulgaçao

Deixando as manobras políticas de lado, vamos comentar um pouco sobre futebol. O que vimos, neste domingo, no Couto Pereira, onde o Coritiba sagrou-se campeão paranaense e acumula 39 títulos estaduais, foi um show da sua torcida, com 28 mil pessoas no estádio, principalmente a presença de crianças e mulheres.

Há muito tempo não se via, pelo menos no Couto Pereira, grande número de crianças e mulheres no estádio, o que significa o retorno da torcida jovem aos estádios e a confiança das famílias.

O Coritiba venceu o Maringá por quatro a dois em uma partida bem disputada, onde o time do Noroeste chegou a estar na frente no primeiro tempo, ameaçando o título do Coritiba que reagiu na segunda etapa.

Outro detalhe que chamou a atenção neste domingo no estádio, foi a solidariedade da torcida coxa branca, em especial a Império, que saudou com aplausos os jogadores do Maringá na final da partida. Em ato solidário, alguns atletas cederam suas camisas a torcedores.

Soma-se a isso, os aplausos e agradecimentos ao ex-atleta e presidente Renato Follador, falecido vítima da covid e à atual diretoria, comandada pelo executivo Juarez de Moraes.

Foi uma bela festa e estão de parabéns não apenas os coxa-brancas que saíram vitoriosos, mas sua torcida, seus dirigentes e principalmente o futebol paranaense que voltou a ter um grande público em seus estádios, tanto na Arena da Baixada como no Couto Pereira e nos estádios do interior.

Veja mais sobre a esta coxa-branca deste domingo nas páginas de esporte do Paraná Portal.