Sintonia Fina - Pedro Ribeiro
Compartilhar

Rasgando seda a Barros

  Brasília - O ministro da Saúde, Ricardo Barros, participa de audiência pública na Comissão Mista de Planos..

Pedro Ribeiro - 28 de fevereiro de 2018, 10:44

 

Brasília - O ministro da Saúde, Ricardo Barros, participa de audiência pública na Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização (Antonio Cruz/Agência Brasil) Brasília - O ministro da Saúde, Ricardo Barros, participa de audiência pública na Comissão Mista de Planos, Orçamentos Públicos e Fiscalização (Antonio Cruz/Agência Brasil)

Ricardo Barros, que deve deixar o Ministério da Saúde em abril para se candidatar à reeleição na Câmara Federal e ajudar sua esposa, Cida Borghetti, na campanha ao Governo do Estado, tem mais um motivo para esbanjar alegria: “Meu maior acerto foi a escolha do Ricardo. 

Um gestor extraordinário”, disse o presidente Michel Temer.

Eu acho que o meu acerto maior foi a escolha do Ricardo. Um gestor extraordinário”, disse Temer  durante a cerimônia de entrega da “Medalha de Mérito Oswaldo Cruz” no Palácio do Planalto. 

Com todos os médicos que eu falo rotineiramente só recebo elogios em relação à gestão do Ricardo Barros. Ele foi capaz de promover uma economia extraordinária nos gastos supérfluos e inadequados”, acrescentou o presidente Michel Temer que pediu aplausos à gestão de Ricardo Barros. 

Em quase dois anos, Ricardo Barros economizou mais de R$ 4,6 bilhões com a revisão de contratos, corte de cargos e medidas de gestão. Os recursos foram reaplicados na ampliação e melhoria dos serviços prestados pelo SUS.

 pedro.ribeiro