Rodrigão - Coritiba - Botafogo - Campeonato Brasileiro Série B

Rodrigão brilha e Coritiba vence Botafogo para se manter no G-4 da Série B

Após o final da seca de gols na última rodada novamente Rodrigão foi decisivo para o Coritiba, marcando o gol da vitória por 1 a 0 sobre o Botafogo, na noite desta sexta-feira (1), que garantiu a manutenção da equipe alviverde no G-4 do Campeonato Brasileiro da Série B.

O duelo válido pela 32ª rodada da Série B foi realizado no Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto.

A vitória recolocou o Coritiba na terceira posição da Série B, com quatro pontos de vantagem para o América Mineiro, atual quinto colocado da competição.

Já o Botafogo se afasta cada vez mais do G-4 da Série B. A equipe do interior paulista está atualmente a sete pontos de distância do Atlético Goianiense, primeira equipe dentro da zona de acesso à elite do Campeonato Brasileiro.

PRÓXIMOS JOGOS

As duas equipes voltam a campo no início da próxima semana, pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

O Coritiba recebe o Sport Recife em duelo direto pelo G-4, na próxima segunda-feira (4), às 20h.

Já o Botafogo viaja para Barueri para encarar o Oeste na Arena Barueri, na próxima terça-feira (5), às 19h15.

O JOGO

O Coritiba foi para a partida com dois desfalques importantes. Rafinha com lesão muscular e Robson poupado devido ao desgaste físico deram lugar a Thiago Lopes e Serginho.

Mesmo com os desfalques, o Coritiba conseguiu abrir o placar logo aos 15 minutos. Em jogada de bola parada, Giovanni rolou para Juan Alano, que cruzou na medida para Rodrigão. O atacante ganhou da zaga e cabeceou firme para balançar as redes.

Aos 26 minutos, o Coritiba perdeu William Matheus lesionado. O lateral sentiu fortes dores na coxa e teve que ser substituído por Patrick Brey.

O Botafogo voltou melhor para o segundo tempo e criou suas melhores chances de gol nessa etapa. Primeiro Marlon Freitas invadiu a área e finalizou firme no poste esquerdo.

Aos cinco minutos, nova ação do Botafogo. Murilo Henrique recebeu na entrada da área e finalizou rasteiro para Alex Muralha espalmar.

No escanteio, o Botafogo bateu a bola curta e Marlon Freitas avançou para bater cruzado perto do travessão de Alex Muralha.

Nova chance do Botafogo aos 19 minutos. Murilo Henrique bateu falta da intermediária e acertou mais uma vez o travessão.

O Botafogo criou mais uma oportunidade aos 36 minutos. Após cruzamento da esquerda, Bruno Moraes desviou no primeiro poste e Erick Luiz chegou um pouco atrasado para finalizar para o gol.

No último lance do jogo, o Botafogo quase conseguiu o empate. Nadson cobrou falta da esquerda no primeiro poste e Erick Luiz finalizou rente ao poste direito.

Coritiba - Cuiabá - Campeonato Brasileiro Série B

Coritiba empata com Cuiabá e perde chance de se consolidar no G-4

Em um jogo com quatro gols marcados de bola parada, o Coritiba empatou com o Cuiabá por 3 a 3, na noite desta terça-feira (29), e perdeu boa chance de abrir vantagem no G-4 do Campeonato Brasileiro da Série B.

Serginho, Rodrigão e Róbson marcaram os gols do Coritiba, enquanto Paulinho, Jefinho e Damián Escudero anotaram os gols do Cuiabá.

O duelo atrasado da 25ª rodada da Série B foi realizado na Arena Pantanal, em Cuiabá.

Com o empate, o Coritiba chegou aos 49 pontos e continua na quarta posição da Série B, tendo apenas um ponto de vantagem para o América Mineiro, primeira equipe fora do G-4 da competição.

Já o Cuiabá cai para a 12ª posição com 41 pontos e ainda precisa conseguir pelo menos mais duas vitórias para se garantir matematicamente na Série B em 2020.

PRÓXIMOS JOGOS

As duas equipes voltam a campo nesta sexta-feira (1), pela 32ª rodada da Série B.

O Coritiba viaja até Ribeirão Preto para encarar o Botafogo no Santa Cruz, às 19h15.

Já o Cuiabá recebe o Bragantino, na Arena Pantanal, às 22h30.

O JOGO

Coritiba - Cuiabá - Campeonato Brasileiro Série B
Rodrigão comemora final de jejum de 11 jogos sem gols. Foto: Reprodução/Twitter Coritiba

A partida iniciou truncada, mas aos 18 minutos o Coritiba chegou ao seu primeiro gol. Giovanni cobrou falta da direita no segundo poste e Serginho cabeceou firme para abrir o placar.

Só que o Cuiabá conseguiu rapidamente o empate. Aos 23 minutos, Jean Patrick bateu falta da direita e Paulinho de peixinho cabeceou firme. Alex Muralha ainda tocou na bola, mas não conseguiu evitar o gol.

Mas aos 31 minutos o Coritiba voltou a ficar na frente do placar. Rafinha cobrou escanteio da direita aberto e Rodrigão ganhou da marcação para encerrar jejum de 11 jogos sem marcar.

O Cuiabá ainda teve boa chance aos 47 minutos. Paulinho foi até a linha de fundo e cruzou rasteiro para Felipe Marques. O atacante finalizou, mas a bola explodiu em Romércio e foi para longe do gol.

O Coritiba teve a chance de marcar seu terceiro gol no primeiro minuto do segundo tempo. William Matheus finalizou cruzado e Matheus Nogueira espalmou. No rebote, Rafinha armou a finalização, mas Paulinho colocou o corpo na frente da bola, que saiu pela linha de fundo.

Melhor para o Cuiabá que buscou nova igualdade no marcador aos quatro minutos. Jean Patrick novamente cobrou falta com precisão e Jefinho subiu entre os zagueiros para balançar as redes.

Só que aos 19 minutos, o Coritiba novamente assumiu a liderança do jogo. Rafinha avançou pela direita e fez o cruzamento. A zaga do Cuiabá não conseguiu afastar e a bola sobrou para Róbson, que limpou a marcação e finalizou rasteiro no canto direito para marcar o gol.

O Cuiabá respondeu aos 20 minutos. Jean Patrick foi a linha de fundo e cruzou na pequena área para Jefinho. O atacante pegou de primeira e a bola passou perto do travessão.

E aos 38 minutos, o Cuiabá igualou mais uma vez o placar. Damián Escudero recebeu na entrada da área, ajeitou a bola para o pé esquerdo e finalizou com efeito para marcar um belo gol.

Rodolfo - Paraná Clube - Londrina - Campeonato Brasileiro Série B

Paraná Clube vence o Londrina e encosta no G-4 da Série B

Melhor durante todo o jogo, o Paraná Clube pressionou o Londrina até conseguiu o gol da vitória aos 36 minutos e conquistar importante triunfo na briga pelo G-4 do Campeonato Brasileiro da Série B, na noite desta segunda-feira (28).

O gol da vitória foi marcado por Rodolfo.

O duelo válido pela 32ª rodada da Série B foi realizado na Vila Capanema, em Curitiba, para um público de 2.901 torcedores.

O Paraná Clube chegou aos 47 pontos e fica a apenas um ponto do rival Coritiba na briga pelo G-4 da Série B. A equipe alviverde joga duas vezes nesta semana e pode ampliar essa vantagem sobre o tricolor.

Já o Londrina fica estacionado com 35 pontos e pode ver o Figueirense chegar a mesma pontuação, caso vença o Vitória no final de semana, e só não entraria na zona de rebaixamento pelo número de vitórias (10 a 7 contra os catarinenses).

PRÓXIMOS JOGOS

As duas equipes voltam a campo na próxima terça-feira (5), pela 33ª rodada da Série B.

O Londrina viaja até Goiânia para encarar o Atlético Goianiense no Antônio Accioly, às 19h15.

Já o Paraná Clube tem um duelo direto pelo G-4 da Série B contra o América Mineiro, no Independência, às 20h30.

O JOGO

A primeira chance de gol da partida foi do Paraná Clube. Matheus Anjos bateu falta da esquerda e Fernando Neto resvalou na bola para bela defesa de César em cima da linha.

O Paraná Clube chegou novamente aos dez minutos. João Pedro foi lançado pela direita e cruzou rasteiro. Antes da chegada dos atacantes, César se jogou e fez o corte para salvar o Londrina.

A pressão do Paraná Clube continuou aos 20 minutos. Matheus Anjos bateu falta da esquerda e Leandro Almeida escorou de cabeça no travessão.

O Paraná Clube reclamou de pênalti não marcado aos 24 minutos. Guilherme Santos cruzou na área e Jenison dividiu com Lucas Costa, com a bola batendo no braço aberto do zagueiro. O árbitro mandou o jogo seguir.

O Paraná Clube seguiu forte no início da segunda etapa. Após escanteio cobrado por Matheus Anjos, Leandro Almeida apareceu no segundo poste e a bola passou perto do poste esquerdo.

Aos 11 minutos, foi em César que o Paraná Clube parou. Primeiro, Léo Príncipe finalizou da entrada da área e o goleiro espalmou. No rebote, Jenison finalizou à queima roupa e o arqueiro fez novo milagre para salvar o Londrina.

O Londrina teve sua melhor chance aos 25 minutos. Matheus Neris roubou bola no meio de campo e puxou contra-ataque até a entrada da área, quando bateu cruzado para boa defesa de Thiago Rodrigues.

Nova chance para o Paraná Clube aos 33 minutos. Pimentinha fez jogada pela direita, fintou a marcação e finalizou cruzado perto do poste direito.

Mas aos 36 minutos, o Paraná Clube não perdeu a oportunidade de balançar as redes. Matheus Anjos bateu falta no segundo poste, Jenison jeitou de cabeça para trás e Rodolfo aproveitou saída atrapalhada de César para finalizar para o gol vazio.

O Londrina ainda criou uma chance no último minuto de jogo. Após bola cruzada por Higor Leite, a bola sobrou para Germano que finalizou em cima de Thiago Rodrigues e o goleiro do Paraná Clube segurou firme para garantir a vitória.

Londrina - Oeste - Campeonato Brasileiro Série B

Londrina perde para Oeste e segue na beira da zona de rebaixamento

Mortal no contra-ataque, o Oeste bateu o Londrina por 2 a 0, na noite desta sexta-feira (25), e manteve o Tubarão na beira da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro da Série B.

Os gols do Oeste foram marcados por Fábio.

O duelo válido pela 31ª rodada da Série B foi realizado no Estádio do Café, em Londrina.

Com a vitória, o Oeste chegou a 38 pontos e abriu sete pontos de vantagem para o Figueirense e para o Vila Nova, primeiras equipes dentro da zona de rebaixamento da Série B.

Já o Londrina fica estacionado com 35 pontos e pode ver catarinenses e goianos diminuírem a distância para a equipe para apenas um ponto.

PRÓXIMOS JOGOS

As duas equipes voltam a campo na próxima semana, pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

O Londrina viaja para Curitiba para encarar o Paraná Clube, na próxima segunda-feira (28), às 20h.

Já o Oeste recebe o CRB na Arena Barueri, no próximo sábado (2), às 16h30.

O JOGO

A primeira chance de gol foi do Oeste aos 12 minutos. Mazinho roubou bola de Dirceu no comando de ataque e encontrou Fábio na área. O atacante finalizou rasteiro e César espalmou para escanteio.

Nova chance do Oeste aos 18 minutos. Elvis bateu falta e a bola voltou espirrada na entrada da área. Salomão emendou de primeira e a bola passou perto do poste direito.

O Londrina criou sua primeira chance aos 31 minutos. Após cruzamento da esquerda, André Moritz ganhou da marcação e cabeceou perto do travessão.

O Oeste criou a primeira chance de gol do segundo tempo. Elvis cobrou falta na marca do pênalti e Dirceu escorou para trás, quase enganando o goleiro César.

Aos nove minutos, o Oeste abriu o placar. Mazinho fez jogada pela esquerda e rolou para Bonilha. O meia finalizou na trave e a bola sobrou para Fábio, que apenas finalizou para o gol vazio.

Nova chance do Oeste aos 15 minutos. Elvis lançou Mazinho, que rolou para o meio da área. Sem goleiro, Fábio deixou a bola escapar e perdeu chance incrível.

O Londrina respondeu aos 24 minutos. Luidy encontrou Léo Passos, que finalizou cruzado para fácil defesa de Luis Carlos.

Só que aos 28 minutos, o Oeste ampliou o placar. Elvis fez lançamento para Fábio, que invadiu a área e finalizou firme para balançar as redes.

E aos 44 minutos, quase o Oeste fez o terceiro. Elvis novamente encontrou Fábio e o centroavante saiu cara a cara com César. O atacante finalizou rasteiro e o goleiro fez bela defesa.

Coritiba empata com Operário e pode sair do G-4 da Série B

Em duelo equilibrado e com resultado que não agradou nenhuma das equipes, Coritiba e Operário empataram em 0 a 0, na noite desta quinta-feira (24), e podem ver o América Mineiro abrir vantagem no G-4 do Campeonato Brasileiro da Série B.

O duelo válido pela 31ª rodada da Série B foi realizado no Couto Pereira, em Curitiba, com um público de 21.510 torcedores.

O Coritiba chega aos 48 pontos com o empate e precisa que o América Mineiro não vença o Atlético Goianiense, nesta sexta-feira (25), para se manter no G-4 da Série B.

Já o Operário fica na oitava posição com 44 pontos, quatro pontos abaixo do Coritiba.

PRÓXIMOS JOGOS

As duas equipes voltam a campo na próxima sexta-feira (1), pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, em duelo diretos pelo G-4 da competição.

O Coritiba viaja para Ribeirão Preto para encarar o Botafogo no Santa Cruz, às 19h15.

Já o Operário recebe o Atlético Goianiense no Germano Krüger, às 20h30.

O JOGO

Rafinha foi o principal articulador do Coritiba durante a partida. Foto: Geraldo Bubkian/AGB

O jogo começou travado e a primeira chance de gol foi do Operário aos 22 minutos. Marcelo recebeu na área e ajeitou para Índio finalizar perto do poste direito.

O Coritiba respondeu aos 35 minutos. William Matheus recebe na esquerda e finalizou cruzado perto da meta.

Nova chance para o Coritiba aos 42 minutos. Diogo Mateus cruzou rasteiro na marca do pênalti e encontrou Rodrigão. O atacante dominou com giro, mas bateu torto e perdeu grande chance.

O Operário respondeu aos 43 minutos. Marcelo tocou para Lucas Batatinha na área e o atacante finalizou firme para defesa em dois tempo de Alex Muralha.

A primeira chance do segundo tempo foi do Operário. Marcelo fez o cruzamento e Cléo Silva bateu de primeira com perigo a meta.

O Coritiba respondeu no ataque seguinte. Diogo Mateus cruzou da direita e a bola chegou em Robson no segundo poste. O atacante finalizou de peixinho, mas a bola passou à direita do gol.

Aos 13 minutos, nova chance do Coritiba. Rafinha roubou bola no ataque e cruzou na marca do pênalti. Rodrigão ganhou da zaga e de ponta de chuteira finalizou para bela defesa de Rodrigo Viana. No rebote, Juan Alano finalizou de primeira perto do travessão.

Rodrigo Viana apareceu novamente aos 18 minutos. Giovanni recebeu na esquerda e soltou a bomba. O goleiro do Operário teve que se esticar para mandar a bola para escanteio.

O Operário respondeu aos 26 minutos. Marcelo cruzou no segundo poste e Cléo Silva ajeitou de cabeça para Uilliam, mas o atacante não conseguiu cabecear em cheio e a bola ficou fácil para a defesa de Alex Muralha.

A última chance do Coritiba foi aos 36 minutos. Igor Jesus foi lançado na área e finalizou cruzado para boa defesa sem rebote de Rodrigo Viana.

Sport - Paraná Clube - Campeonato Brasileiro Série B

Sport marca no final de jogo e Paraná Clube se afasta do acesso

O Paraná Clube conseguia uma vitória importante até os 35 do segundo tempo, mas o Sport buscou a virada por 2 a 1, na noite desta quarta-feira (23), e o tricolor ficou ainda mais distante do acesso no Campeonato Brasileiro da Série B.

Fabrício abriu o placar para o Paraná Clube, enquanto Hernane e Guilherme viraram para o Sport

O duelo válido pela 31ª rodada da Série B foi realizado na Ilha do Retiro, em Recife.

A vitória aproximou o Sport do líder Bragantino, diminuindo a vantagem entre as equipes para apenas três pontos.

Já o Paraná Clube pode ver Coritiba e América Mineiro abrindo seis pontos de vantagem na briga pelo retorno à elite do Campeonato Brasileiro.

PRÓXIMOS JOGOS

As duas equipes voltam a campo na próxima semana, pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

O Paraná Clube recebe o Londrina na Vila Capanema, na próxima segunda-feira (28), às 20h.

Já o Sport viaja até Campinas para encarar o Guarani no Brinco de Ouro da Princesa, na próxima quinta-feira (31), às 19h15.

O JOGO

O Sport teve sua primeira chance logo aos quatro minutos. Norberto cruzou da direita e Hernane cabeceou para bela defesa de Thiago Rodrigues.

Thiago Rodrigues apareceu novamente aos 17 minutos. Guilherme recebeu na direita, fintou um defensor e bateu rasteiro para boa defesa do goleiro.

Aos 29 minutos, o Sport parou mais uma vez no goleiro do Paraná Clube. Guilherme bateu escanteio na marca do pênalti e Hyuri ganhou da marcação para cabecear no canto esquerdo. Thiago Rodrigues voou e espalmou a bola.

Antes do final do primeiro tempo, o Sport teve nova chance. Leandrinho recebeu na entrada da área e finalizou no poste esquerdo.

A primeira chance de gol do segundo tempo foi do Sport. Leandrinho foi lançado e bateu firme para boa defesa de Thiago Rodrigues.

Mas a bola parada ajudou o Paraná Clube aos 28 minutos. Matheus Anjos bateu escanteio e Fabrício ganhou dos zagueiros para abrir o placar.

Só que o Sport não desistiu e foi buscar o empate aos 35 minutos. Hernane recebeu na intermediária e arriscou a finalização. A bola pegou efeito e não deu chances para defesa de Thiago Rodrigues.

E aos 41 minutos, o Sport conseguiu a virada. Hernane recebeu na área e bateu cruzado. Thiago Rodrigues espalmou e Guilherme mandou o rebote para o fundo das redes.

Londrina - Vitória - Campeonato Brasileiro Série B

Londrina vence Vitória e se afasta da zona de rebaixamento da Série B

Mesmo com o Vitória tendo as melhores chances do jogo, foi o Londrina quem comemorou e saiu com a vitória por 1 a 0, na noite desta sexta-feira (18), e se afastou da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro da Série B.

Raí Ramos marcou o gol da vitória do Londrina.

O duelo válido pela 30ª rodada da Série B foi realizado no Barradão, em Salvador.

Com a vitória, o Londrina chegou a 35 pontos e ocupa momentaneamente a 14ª posição da Série B, cinco pontos acima do Vila Nova, primeira equipe dentro da zona de rebaixamento.

Já o Vitória caiu para a 16ª posição, apenas três pontos acima do Vila Nova. Caso a equipe goiana vença o Coritiba neste sábado (19), as equipes vão terminar a rodada empatadas em pontuação, com o rubro-negro baiano ficando a frente do rival pelo número de vitórias (8 a 7).

PRÓXIMOS JOGOS

As duas equipes voltam a campo no próximo final de semana, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

O Londrina recebe o Oeste no Estádio do Café, na próxima sexta-feira (25), às 19h15.

Já o Vitória viaja para Campinas para encarar a Ponte Preta no Moisés Lucarelli, no próximo domingo (27), às 16h.

O JOGO

A primeira chance de gol foi do Vitória aos 20 minutos. Felipe Garcia lançou Jordy Caicedo. O atacante saiu na cara de César e finalizou em cima do goleiro e no rebote a bola bateu na mão do equatoriano e o ataque foi paralisado.

Aos 25 minutos, nova chance do Vitória. Wesley avançou pela esquerda, fintou Matheus Biaqui e Alemão, mas na hora do cruzamento a bola pegou efeito e acertou a rede pelo lado de fora.

O Londrina respondeu aos 28 minutos. Matheusinho lançou Matheus Bertotto, que invadiu a área e cruzou para trás. Antes de Paulinho Moccelin chegar na bola, Martín Rodríguez saiu do gol e ficou com a bola.

O Vitória quase anotou seu gol aos 32 minutos. Thiago Carleto bateu escanteio e Felipe Garcia ganhou da marcação para mandar a bola perto do poste esquerdo.

Aos 36 minutos, nova boa jogada de Felipe Garcia. O meia lançou Jordy Caicedo, que adiantou demais e chutou em cima de César. A bola bateu no atacante e quase entrou no gol, saindo à esquerda da meta.

A primeira chance do segundo tempo foi do Vitória. Felipe Gedoz bateu falta da intermediária perto do poste esquerdo de César.

O Vitória novamente levou perigo aos 19 minutos. Yan bateu da intermediária e César tentou encaixar e quase aceitou o chute.

A primeira chance do Londrina foi aos 26 minutos. Paulinho Moccelin foi lançado na direita e finalizou cruzado para boa defesa de Martín Rodríguez.

O Londrina continuou no ataque e aos 31 minutos abriu o placar. Raí Ramos recebeu na esquerda, cortou Everton Sena e bateu no ângulo esquerdo de Martín Rodríguez para marcar um belo gol no Barradão.

A última chance do Vitória saiu aos 38 minutos. Thiago Carleto levantou bola na área e a defesa do Londrina afastou parcialmente. O rebote ficou com Léo Gomes, que finalizou em cima da marcação. A bola ficou com Chiquinho, que chutou a bola perto do poste direito.

Coritiba - São Bento - Campeonato Brasileiro Série B

Coritiba vence São Bento e segue firme no G-4 da Série B

Mortal nos contra-ataques e com um gol logo no primeiro minuto de jogo, o Coritiba venceu o São Bento por 2 a 1, na noite desta terça-feira (15), e segue firme no G-4 do Campeonato Brasileiro da Série B.

Os gols do Coritiba foram marcados por William Matheus e Juan Alano, enquanto Mansur descontou para o São Bento.

O duelo válido pela 29ª rodada da Série B foi realizado no Walter Ribeiro, em Sorocaba.

Com a vitória, o Coritiba se manteve na quarta posição com 46 pontos ganhos, dois acima de América Mineiro e Paraná Clube, primeiras equipes fora do G-4 da Série B.

O Coritiba ainda tem um jogo a menos que os rivais na briga pelo acesso. A equipe vai enfrentar o Cuiabá na Arena Pantanal, no dia 29 de outubro (terça-feira).

Já o São Bento caiu para a lanterna da Série B, com apenas 27 pontos conquistados. A equipe está a cinco pontos do Londrina, primeira equipe fora da zona de rebaixamento da competição.

PRÓXIMOS JOGOS

As duas equipes voltam a campo neste sábado (19), pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

O Coritiba viaja até Goiânia para encarar o Vila Nova no Serra Dourada, às 16h30.

Já o São Bento viaja para Ponta Grossa e enfrenta o Operário no Germano Krüger, às 19h.

O JOGO

Coritiba - São Bento - Campeonato Brasileiro Série B
William Matheus comemora gol que abriu o placar para o Coritiba em Sorocaba. Foto: Reprodução/Twitter Coritiba

O Coritiba abriu o placar logo no primeiro minuto do jogo. Juan Alano recebeu na direita e inverteu a bola. Thiago Lopes ajeitou de cabeça e William Matheus recebeu na frente de Renan Rocha e finalizou para boa defesa do goleiro, mas no rebote a bola sobrou limpa para o lateral finalizar para o o gol vazio.

O São Bento respondeu aos três minutos. Após cobrança de escanteio, Joílson ganhou da marcação e cabeceou perto do travessão de Alex Muralha.

Muralha falhou aos cinco minutos e quase cedeu o empate ao São Bento. Após cruzamento da direita, o goleiro saiu e não afastou a bola e Paulinho Boia foi travado na hora da finalização. No rebote, o atacante chutou firme, mas o arqueiro voltou a tempo para fazer a defesa.

A resposta do Coritiba veio aos 18 minutos. William Matheus recebeu na esquerda e arriscou o chute de média distância para boa defesa de Renan Rocha.

Aos 22 minutos, novo embate entre Paulinho Boia e Alex Muralha. O atacante invadiu a área e finalizou cruzado para bela defesa do goleiro.

Mas aos 40 minutos, quem balançou as redes foi o Coritiba. Rafinha fez belo lançamento para Juan Alano, que invadiu a área e finalizou firme para ampliar o placar.

O São Bento buscou seu primeiro gol ainda no primeiro tempo. Minho fez jogada pela esquerda, invadiu a área e finalizou sem ângulo para defesa com o pé direito de Alex Muralha.

Aos 46 minutos, nova boa intervenção de Muralha. Após cobrança de escanteio, a bola sobrou para Zé Roberto na pequena área. O atacante finalizou de primeira e o goleiro fez bela defesa em cima da linha do gol.

A pressão do São Bento continuou após o intervalo. Em cobrança de falta na meia lua da área, Doriva bateu rasteiro e a bola passou perto do poste esquerdo.

Só que aos 24 minutos o Coritiba não conseguiu segurar mais a pressão. Rodolfo lançou para Zé Roberto, que passou de calcanhar para Mansur. O lateral chegou batendo de primeira a bola bateu na cabeça de Romércio e matou Alex Muralha no lance.

O técnico Milton Mendes foi expulso pela arbitragem aos 34 minutos, após discutir com o dedo em riste para o juiz Wanderson Alves de Sousa.

Nos acréscimos, o São Bento ficou muito perto de empatar o jogo. Minho cruzou da esquerda e a bola passa por toda área e William Matheus salva em cima da linha. No rebote, Sabino corta de cabeça antes da finalização de Zé Roberto e afasta o perigo.

Aos 48 minutos, outra chance para o São Bento. Rodolfo bateu falta da intermediária e a bola passou perto do poste direito de Alex Muralha.

Operário - CRB - Campeonato Brasileiro Série B

Operário empata com o CRB e se afasta da briga pelo acesso na Série B

Com muitas divididas e poucas chances de gol, Operário e CRB não saíram do 0 a 0, na noite desta terça-feira (15), e as duas equipes se afastaram da briga pelo G-4 do Campeonato Brasileiro da Série B.

O duelo válido pela 29ª rodada da Série B foi realizado no Rei Pelé, em Maceió.

Com o empate, o Operário fica na nona posição com 40 pontos, mesma pontuação do CRB, atual oitavo colocado. Ambas as equipes estão a seis pontos do Coritiba, quarto melhor classificado da Série B.

PRÓXIMOS JOGOS

As duas equipes voltam a campo neste final de semana, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

O CRB viaja até o sul catarinense para encarar o Criciúma no Heriberto Hulse, nesta sexta-feira (18), às 19h15.

Já o Operário recebe o São Bento no Germano Krüger, neste sábado (19), às 19h.

O JOGO

Operário - CRB - Campeonato Brasileiro Série B
Jogo foi cheio de divididas no meio de campo e pouca inspiração das equipes. Gustavo Henrique/CRB

A partida começou truncada no meio de campo e apenas aos 41 minutos saiu a primeira chance de gol. Léo Ceará recebeu pelo centro e finalizou perto do poste direito de Rodrigo Viana.

Léo Ceará criou novamente boa chance aos 44 minutos. O atacante finalizou rasteiro perto do poste esquerdo de Rodrigo Viana.

No primeiro lance do segundo tempo, CRB quase abriu o placar. Élton cruzou na área e Léo Ceará ganhou da marcação, mas cabeceou torto e mandou a bola para fora.

O Operário respondeu no minuto seguinte. Uilliam foi lançado, bateu por cobertura sobre Andrey e a bola bateu no travessão.

O CRB voltou ao ataque aos 29 minutos. Alisson Farias fez boa jogada individual, invadiu a área e finalizou cruzado para boa defesa de Rodrigo Viana.

No lance seguinte, Alisson Farias bateu o escanteio e após a bola ser afastada da pequena área, Élton bateu de primeira e Rodrigo Viana defendeu sem dar rebote.

Nos acréscimos, o CRB teve a última chance de gol do jogo. Israel cruzou na área e Edson Cariús ganhou da marcação. O atacante cabeceou com perigo, perto do travessão de Rodrigo Viana.

Judivan - Paraná Clube - Brasil de Pelotas - Campeonato Brasileiro Série B

Paraná Clube vence Brasil de Pelotas e segue colado no G-4 da Série B

Com um gol aos 45 segundo do jogo, o Paraná Clube venceu o Brasil de Pelotas por 1 a 0, na noite desta terça-feira (15), e entrou momentaneamente no G-4 do Campeonato Brasileiro da Série B.

O gol relâmpago do Paraná Clube foi marcado por Judivan.

O duelo válido pela 29ª rodada da Série B foi realizado na Vila Capanema, em Curitiba.

Com a vitória, o Paraná Clube entrou no G-4 com 44 pontos. Para terminar a rodada na posição, a equipe precisa que o Coritiba não vença o São Bento e o América Mineiro ao menos empate com o Vila Nova, em duelos que ocorrem ainda nesta terça-feira.

Já o Brasil de Pelotas fica com 37 pontos na 11ª posição e viu sua vantagem para a zona de rebaixamento diminuir para apenas seis pontos.

PRÓXIMOS JOGOS

As duas equipes voltam a campo neste final de semana, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

O Paraná Clube recebe o Figueirense na Vila Capanema, neste sábado (19), às 19h.

Já o Brasil de Pelotas recebe o Sport no Bento Freitas, neste domingo (20), às 16h.

O JOGO

Matheus Costa - Paraná Clube - Brasil de Pelotas - Campeonato Brasileiro Série B
Mesmo contestado, Matheus Costa mantém o Paraná Clube na briga pelo acesso para a Série A. Foto: Geraldo Bubniak/AGB

Com 45 segundos de partida, o Paraná Clube conseguiu anotar o seu gol. Após saída de bola no meio, a bola chegou até Jhemerson na esquerda. O meia cruzou no primeiro poste e Judivan se antecipou a marcação para cabecear no canto direito e abrir o placar.

Aos nove minutos, nova chance para o Paraná Clube. Guilherme Santos fez boa jogada pela esquerda e cruzou na marca do pênalti. Jhemerson subiu entre os zagueiros e mandou a bola por cima do gol.

O Paraná Clube seguiu na pressão e aos 28 minutos ficou perto do gol novamente. Bruno Rodrigues lançou Alesson, que invadiu a área e finalizou rasteiro para boa defesa de Carlos Eduardo com o pé direito.

Mesmo após o intervalo, o Paraná Clube continuou melhor no jogo. Guilherme Santos cruzou, Ednei tentou cortar e a bola passou raspando o poste esquerdo.

A primeira finalização para o gol do Brasil de Pelotas saiu apenas aos 17 minutos. Diogo Oliveira recebeu na entrada da área e finalizou rasteiro para defesa em rebote de Alisson.

O Paraná Clube quase ampliou aos 48 minutos. Após cruzamento de Bruno Rodrigues, Rafael Furtado recebeu sozinho, mas isolou a bola na hora da finalização.