psg neymar mônaco campeonato francês

Neymar marca e PSG goleia o Mônaco para ampliar vantagem no Campeonato Francês

O PSG goleou o Mônaco por 4 a 1 e ampliou a vantagem na liderança do Campeonato Francês. Mbappé, duas vezes, Neymar, de pênalti, e Sarabia anotaram os gols dos parisienses, enquanto Bakayoko descontou.

O duelo desta quarta-feira (15) foi realizado no estádio Luís II e foi válido pela 15ª rodada do torneio nacional.

Neymar teve mais uma boa atuação, principalmente no primeiro tempo. Além de outras jogadas, ele cobrou uma falta que tirou tinta da trave e quase marcou um golaço de letra. Contudo, o goleiro Lecomte evitou o gol com o pé esquerdo.

Além de converter a cobrança de pênalti, ele deu a assistência para Mbappé marcar o último gol.

TABELA DA LIGUE 1

Com o resultado, o PSG chega aos 49 pontos e seguem na liderança isolada do Campeonato Francês. O segundo colocado é o Olympique de Marseille, com 41.

Já o Mônaco permanece na oitava posição, com 29 pontos. Contudo, o time treinado por Robert Moreno ainda sonha com uma vaga na Champions League. Para isso, a equipe precisa alcançar o quarto lugar, que atualmente é ocupado pelo Nantes, com 32 pontos.

Os times voltam a campo no próximo final de semana. O PSG visita o Lille no domingo (19), às 17h (horário de Brasília). Já o Mônaco recebe o Strasbourg neste sábado (18), às 16h.

NEYMAR EM ALTA NO PSG

Neymar teve mais uma ótima exibição. (Reprodução / Site Oficial do PSG)

Neymar viveu um início de temporada melancólico. Negociou o retorno ao Barcelona, mas o PSG não cedeu. Com a postura, o brasileiro foi vaiado pela torcida e teve sua imagem tirada das lojas oficiais do clube.

Contudo, aos poucos, foi cessando as críticas. Com boas atuações dentro de campo, o camisa 10 vai conseguindo números impressionantes na temporada. Na última partida, contra o próprio Mônaco, ele se destacou por anotar dois gols e participar do terceiro, contra.

Agora, ele voltou a marcar e dar assistência para Mbappé anotar o gol que transformou a vitória em goleada.

Nos últimos oito jogos, Neymar marcou nove gols e deu seis assistências. Na temporada, ele tem 19 jogos – sendo quatro pela seleção brasileira – e 13 gols.

neymar psg onde assistir

Neymar é titular do PSG contra o Mônaco; veja onde assistir e as escalações

O PSG volta a encarar o Mônaco nesta quarta-feira (15), às 17h, pela 15ª rodada do Campeonato Francês. O duelo, que havia sido adiado, marca o reencontro dos clubes após três dias já que as equipes empataram por 3 a 3 no último domingo (12). Na ocasião, Neymar participou dos três gols e foi o craque da partida apesar do resultado ter interrompido a sequência de oito triunfos seguidos dos parisienses. Hoje, o camisa 10 está confirmado entre os titulares.

Onde assistir? O jogo, realizado no estádio Louis II, será transmitido com exclusividade pelo DAZN.

PSG COM FOLGA NA LIDERANÇA

Os parisienses lideram a Ligue 1 com 46 pontos, cinco à frente do Olympique de Marseille. Além disso, o time comandado pelo alemão Thomas Tuchel não perde há 13 jogos.

Do outro lado, o Mônaco ainda sonha com uma vaga para a Champions League. A equipe de Robert Moreno é a oitava colocada, com 29 pontos, três a menos que o Nantes, quarto colocado.

NEYMAR TITULARÍSSIMO

O PSG está escalado com uma formação bastante ofensiva: Navas; Dagba, Thiago Silva, Kimpembe e Kurzawa; Gueye e Kouassi; Di María, Neymar, Mbappé e Icardi.

Surpreendeu a ausência de Cavani entre os relacionados. O atacante uruguaio, maior artilheiro da história do clube, foi deixado de fora por Tuchel. O fato aumenta ainda mais as especulações da saída do centroavante no meio deste ano, quando seu contrato se encerra.

Do outro lado, o Mônaco não tem nenhuma mudança no time que entrou em campo há três dias. Com isso, o time está escalado com: Lecomte; Henrichs, Glik, Maripán e Ballo Touré; Bakayoko e Fábregas; Golovin, Keita Baldé e Gelson Martins; Ben Yedder.

MÔNACO x PSG

Data, hora e local: quarta-feira (15/01), às 17h, no Estádio Louis II, na França.

Onde assistir: DAZN.

Mônaco: Lecomte; Henrichs, Glik, Maripán e Ballo Touré; Bakayoko e Fábregas; Golovin, Keita Baldé e Gelson Martins; Ben Yedder. Técnico: Robert Moreno.

PSG: Navas; Dagba, Thiago Silva, Kimpembe e Kurzawa; Gueye e Kouassi; Di María, Neymar, Mbappé e Icardi. Técnico: Thomas Tuchel.

Arbitragem: István Kovács será auxiliado por Vasile Florin Marinescu e Ovidiu Artene. Todos são da Romênia. Por fim, o responsável pelo VAR será Michael Fabbri, da Itália.

psg neymar mônaco ligue 1

Neymar marca dois e comanda o PSG em jogaço contra o Mônaco

Em uma partidaça de NeymarPSG e Mônaco empataram por 3 a 3 neste domingo (12). O duelo, válido pela 20ª rodada da Ligue 1, foi realizado no Parque dos Príncipes, em Paris.

O brasileiro comandou a equipe e participou dos três gols parisienses, anotando dois deles. Contudo, o outro gol saiu do pé dele: o camisa 10 bateu colocado e o zagueiro Ballo-Touré acabou mandando contra a própria meta. Gelson Martins, Ben Yedder e Slimani anotaram os gols dos visitantes.

Nesta temporada, pela Ligue 1, Neymar fez o jogo de número 10. Ao todo, são oito gols marcados e quatro assistências.

Já contando as partidas da Champions League e da Copa da França, são 10 gols e seis assistências em 13 jogos.

CLASSIFICAÇÃO DA LIGUE 1

Com o resultado, os parisienses seguem na ponta da tabela com 46 pontos, cinco à frente do Olympique de Marselha. Até aqui, o time de Thomas Tuchel soma 16 vitórias, um empate e três derrotas – aproveitamento de 80%.

Do outro lado, o Mônaco aparece na oitava posição, com 29 pontos.

O PSG volta a campo, contra o Lille, no próximo domingo (28), às 17h (horário de Brasília). Já o Mônaco recebe o Strasbourg no sábado (27), às 16h, enquanto o Olympique recebe o Angers.

NEYMAR COMANDA O PSG

psg neymar mônaco ligue 1
Neymar comemorando o primeiro gol do jogo. (Divulgação / PSG)

Logo aos dois minutos, Neymar tabelou com Verratti soltou uma pancada, com o pé esquerdo, para abrir o placar.

Entretanto, o Mônaco virou o marcador. Aos seis, Ben Yedder recebeu na frente e foi derrubado por Navas, mas a bola sobrou para Gelson Martins balançar as redes.

Depois, aos 12, Golovin tabelou com Baldé pela esquerda e encontrou Ben Yedder dentro da área. O atacante tirou a defesa com um drible de corpo e bateu firme.

O PSG pressionou e viu Lecomte brilhar na cobrança de falta batida por Neymar. Os visitantes ainda assustaram com Baldé, mas Navas fez uma defesaça para evitar o terceiro.

Aos 23, os parisienses empataram. Neymar chutou colocado e Ballo-Touré desviou contra o próprio gol.

O Mônaco ainda carimbou a trave em uma cabeçada de Glik, mas viu o PSG fazer o terceiro. Mbappé pedalou para cima de Gelson Martins e foi derrubado dentro da área. Neymar foi para a cobrança e bateu no canto.

Na etapa final, o Mônaco chegou ao empate. Gelson Martins finalizou e Marquinhos cortou com um carrinho, mas a bola sobrou para Slimani completar. Inicialmente a arbitragem anulou o gol, mas o VAR entrou em ação e confirmou.

No fim, Neymar criou algumas jogadas, mas não evitou o empate.

neymar psg lille campeonato francês

Recuperado de lesão, Neymar é titular do PSG contra o Lille pelo Campeonato Francês

Neymar está confirmado no time titular do PSG (Paris Saint-Germain) no duelo contra o Lille nesta sexta-feira (22). Os clubes se enfrentam às 16h45 (horário de Brasília), no Parque dos Príncipes, pela rodada 14 do Campeonato Francês. O duelo terá transmissão exclusiva do DAZN.

O brasileiro ficou machucado por mais de um mês após ter uma lesão muscular de grau 2. Ele saiu machucado, com 11 minutos de jogo no amistoso da seleção brasileira contra a Nigéria no dia 13 de outubro. A partida tinha sido realizado em Singapura, mas os exames que constataram a lesão foram feitos em Paris, no dia seguinte.

“Neymar treinou bem por duas semanas e se sente bem. Se tudo der certo durante o treinamento, ele estará com o grupo”, disse o técnico Thomas Tuchel na entrevista coletiva de ontem (21).

A escalação do PSG para a partida é: Navas; Meunier, Thiago Silva, Kimpembe e Bernat; Marquinhos, Matuidi e Draxler; Di Maria, Icardi e Neymar.

O PSG lidera a Ligue 1 com tranquilidade. Com 13 jogos feitos, o time soma 30 pontos – sete a mais do que o Saint-Etienne, segundo lugar.

A equipe de Paris tem 77% de aproveitamento, com 10 vitórias e três derrotas. Por fim, o PSG ainda tem o melhor ataque, com 28 gols marcados.

NEYMAR E LESÕES PELA SELEÇÃO

Essa foi a terceira lesão que Neymar sofre pela seleção brasileira no último ano.

Em novembro de 2018, ele se machucou no amistoso contra Camarões e ficou de fora da eliminação da Champions diante o Manchester United.

Já em junho de 2019, rompeu o ligamento no jogo contra o Catar – último amistoso preparatório do Brasil para a Copa América.

Por fim, vale lembrar que Neymar também foi ausência do PSG na Liga dos Campeões 17/18, quando os parisienses foram eliminados pelo Real Madrid.

PSG x REAL

Neymar durante treinamento no PSG (Divulgação / PSG)

A partida do PSG contra o Lille antecede o jogo mais aguardado da fase de grupos da Champions League. Isso porque os franceses encaram o Real Madrid na próxima terça-feira (26), no estádio Santiago Bernabéu, na Espanha. O duelo acontece às 17h (horário de Brasília) e será transmitido pelo Esporte Interativo.

Na ida, o PSG venceu os merengues por 3 a 0 com brilho de Di Maria. Se vencerem, os parisienses garantem o primeiro lugar do Grupo A.

Atualmente, o time francês lidera a chave com 12 pontos. O Real, em segundo lugar, tem 7 pontos. Club Brugge, com dois pontos, e Galatasaray, com 1, fecham a chave.

neymar psg navas

Técnico do PSG confirma que Navas e Neymar jogam neste sábado

O técnico Thomas Tuchel, do PSG, confirmou que Neymar e o goleiro Keylor Navas devem entrar em campo pela equipe francesa neste sábado (14). Em entrevista coletiva, o alemão ressaltou sua satisfação em contar com o brasileiro nesta temporada e praticamente confirmou que os dois farão suas estreias pelo clube nesta temporada.

“Neymar está com nós, estou muito contente que o mercado de transferências se encerrou. Ele está disponível para amanhã e preparado para jogar.Eu acho que ele vai reencontrar seu sorriso”, disse o treinador. “Se Keylor não se machucar, ele joga amanhã”, completou sobre o goleiro costa-riquense, contratado recentemente.

O PSG encara o Strasbourg neste sábado, às 12h30 (horário de Brasília), pela 5.ª rodada do Campeonato Francês. Os parisienses lideram o torneio nacional com nove pontos, mesma pontuação de Rennes, Nice e Angers.

Por outro lado, Tuchel tem quatro desfalques. Edison Cavani segue se recuperando de uma lesão no quadril. Já Kyllyan Mbappé segue no tratamento para a lesão muscular. Por fim, Thilo Kehrer e Julian Draxler também estão no departamento médico do PSG.

psg cavani navas neymar
Navas (esq.) deve fazer sua estreia pelo PSG. Já Cavani segue em recuperação. Foto: C. Gavelle / PSG

NEYMAR E A DESCONFIANÇA DA TORCIDA DO PSG

A última vez que Neymar defendeu o PSG em um jogo oficial foi no dia 11 de maio, ou seja, há mais de quatro meses. Na ocasião, o PSG venceu o Angers por 2 a 1 na campanha que sagrou o clube como heptacampeão francês.

Desde então, o jogador de 27 anos se envolveu em diversas polêmicas. Manifestou seu desejo de retornar ao Barcelona, mas ficou frustrado com a permanência em Paris. Ele ficou de fora de todos os jogos do PSG até agora, inclusive nos amistosos da pré-temporada. Entretanto, ele voltou a treinar com o grupo há três semanas e aguardava pelo fechamento da janela de transferências.

Agora, Neymar terá dois principais desafios: superar a revolta da torcida e recuperar a boa forma. Na primeira rodada do Campeonato Francês, a torcida do PSG xingou Neymar mesmo sem o camisa 10 estar em campo. A ação dos torcedores fez a diretoria francesa tirar diversas publicidades do jogador em sua loja.

Esportivamente, Neymar está recuperado da lesão que o tirou da Copa América 2019. Nesta temporada, teve as primeiras oportunidades na seleção brasileira. Ele surpreendeu no empate por 2 a 2 contra a Colômbia na semana passada, mas não teve o mesmo nível de atuação na derrota contra o Peru.

 

 

Neymar pega três jogos de suspensão por agredir torcedor

O atacante Neymar foi punido, nesta sexta-feira (10), com três jogos de suspensão, pela Comissão Disciplinar da Federação Francesa, por causa da agressão a um torcedor após a final da Copa da França. O duelo entre Paris Saint-Germain aconteceu no dia 27 de abril. O jogo terminou empatado por 2 a 2, com vitória nos pênaltis do Rennes.

Mesmo com decisão, o atleta poderá entrar em campo neste sábado (11), às 12h (de Brasília), pelo Campeonato Francês, contra o Angers. Isso porque a punição só entrará em vigor a partir do dia 13 de maio.

Dessa maneira, Neymar vai desfalcar o PSG contra Dijon e Reims. O terceiro jogo será na Supercopa da França, que reunirá o campeão francês PSG e o campeão da Copa da França Rennes no dia 3 de agosto, na China.

Ainda, segundo a decisão, em caso de reincidência, Neymar cumprirá mais duas partidas de suspensão de forma automática, além de punição que poderá pegar em novo julgamento.

Por meio de nota, o Paris Saint-Germain disse tendo em conta os insultos sofridos por vários jogadores do clube, incluindo Neymar ao final da decisão da Coupe de France, e os vários elementos transmitidos pelo Paris Saint-Germain à Comissão, o Paris Saint-Germain considera esta sanção severa.

Clube e atleta decidiram recorrer desta decisão para a Comissão Superior de Apelação da FFF.

 

PSG é campeão francês com volta de Neymar, gols de Mbappé e homenagens à Notre-Dame

A festa foi completa neste domingo (21) no Parque dos Príncipes. Neymar voltou aos gramados depois de praticamente três meses afastado, entrou no começo do segundo tempo e agitou a partida, e o Paris Saint-Germain celebrou o título do Campeonato Francês com vitória por 3 a 1 diante do Monaco.

Mbappé marcou os três gols da equipe da casa, enquanto Golovin diminuiu para os visitantes no jogo válido pela 33ª rodada da competição.

Mbappé comemora um dos seus gols. Foto: Divulgação / PSG

A conquista do título francês foi alcançada antes mesmo dos comandados de Thomas Tuchel entrarem em campo. Com o empate do vice-líder Lille com o Toulouse por 0 a 0 nesta manhã, o Paris Saint-Germain garantiu o oitavo troféu da competição com cinco rodadas de antecedência. Com o triunfo de hoje, a equipe de Paris chegou aos 84 pontos.

O retorno de Neymar, que foi ovacionado na hora que o estádio anunciou sua entrada, foi positivo. Apesar de não brilhar, o craque se movimentou bastante e deu uma assistência para um gol, mal anulado.

O astro brasileiro não jogava há quase três meses. A última partida que Neymar havia participado foi no dia 23 de janeiro, quando fraturou o quinto metatarso do pé direito, lesão semelhante à vivida antes da Copa do Mundo da Rússia.

Como antecipado pelo próprio PSG, homenagens foram feitas à Notre-Dame.

Ambas as equipes entraram em campo com camisas personalizadas, com um desenho da catedral. Um bombeiro, que trabalhou para conter o incêndio do local na última semana, deu um pontapé simbólico para o jogo.

Foto: Divulgação / Twitter PSG

Mbappé brilha e PSG segue tranquilo na liderança do Campeonato Francês

Com dois gols da jovem estrela Kyllian Mbappé, o PSG venceu o Caen por 2 a 1, de virada, neste sábado (2) e segue como líder da Ligue 1 sem dificuldades. Já são 71 pontos conquistados em 26 jogos – um aproveitamento de 91%.

São 20 pontos de diferença para o segundo colocado, o Lille, mesmo com desfalques importantes como o brasileiro Neymar. Já o Caen, derrotado dentro de casa, no estádio Michel d’Ornano, continua lutando contra o rebaixamento. O time aparece no 18.º lugar, com 20 pontos.

Com 24 gols, Mbappé se isolou ainda mais na artilharia da competição.

Decisão

Agora, o maior clube francês se prepara para o duelo de volta das oitavas de final da Liga dos Campeões. Depois de vencer por 2 a 0 o Manchester United em Old Trafford, na Inglaterra, as equipes voltam a se encontrar na próxima quarta-feira (6), às 17h, no Parque dos Príncipes.

O jogo

Levando em conta a partida contra o United, o técnico Thomas Tuchel optou por utilizar um time alternativo no torneio nacional. Mesmo assim, o PSG não teve dificuldades em controlar a partida. Foram 25 chutes ao gol adversário, com 73% de posse de bola.

As ações ofensivas passaram pelos pés do argentino Angel Di María, principalmente na etapa inicial. Ele cruzou um escanteio para Marquinhos carimbar a trave. Depois, ele mesmo chutou colocado, mas a bola voltou a bater no poste do goleiro Samba.

Os gols só saíram no segundo tempo. O Caen abriu o placar em bola parada: Casimir Ninga aproveitou a cobrança de falta. Ele dominou com a coxa direita e arrematou firme para o fundo das redes. A vantagem dos donos da casa permaneceu por pouco tempo, já que o zagueiro Zahary abriu o braço no cruzamento de Diaby. Na penalidade, Mbappé deslocou o arqueiro e igualou o marcador.

O gol do triunfo parisiense saiu no finalzinho, já aos 42 minutos. Kurzawa cruzou da esquerda e a bola sobrou do outro lado, para Meunier. O lateral direito belga soltou uma pancada e o zagueiro salvou em cima da linha, mas Mbappé foi rápido e apareceu no rebote para fechar o placar.

Sem Neymar e com reservas, PSG vence antes de ‘decisão’ contra o Real

SÃO PAULO, SP (UOL/FOLHAPRESS)

Sem poder contar com o atacante Neymar, que passou por uma cirurgia neste sábado (3), e com muitos reservas em campo, o Paris Saint-Germain alcançou mais uma vitória no Campeonato Francês ao derrotar o Troyes, por 2 a 0, fora de casa, em jogo válido pela 28ª rodada da competição. Di María e Nkunku anotaram os gols da vitória do time visitante.

Com o resultado, o PSG se mantém tranquilo na liderança do Campeonato Francês, com 74 pontos, 14 a mais em relação ao segundo colocado, o Monaco, que na sexta-feira (2) derrotou o Bordeaux, por 2 a 1, em casa. O time de Paris acumula agora 24 vitórias em 28 jogos no Francês. O Troyes, por sua vez, está em uma situação difícil. Ocupa o 18º lugar, com 28 pontos, e luta para não ser rebaixado.

O PSG utilizou muitos reservas neste sábado por causa do jogo de volta das oitavas de final da Liga dos Campeões, que acontece na próxima terça-feira (6), em Paris, contra o Real Madrid. Na primeira partida, em Madri, o time espanhol venceu por 3 a 1 e pode perder por até um gol de diferença que se classifica para as quartas de final. Já o PSG passa de fase se ganhar por 2 a 0. Se fizer 3 a 1, o duelo vai para os pênaltis. Se o Real anotar dois ou mais gols, a equipe de paris precisa vencer por três gols de diferença.

De olho no Real Madrid, o técnico do PSG, Unai Emery, resolveu poupar alguns jogadores, como Cavani, Mbappé, Pastore e Marquinhos. Eles não foram relacionados nem para a reserva. O brasileiro Daniel Alves começou a partida no banco e entrou no segundo tempo. Dessa forma, o PSG teve Draxler, Lo Celso e Di María no ataque titular.

Mesmo com muitos reservas, o PSG foi muito superior em relação ao rival no primeiro tempo. Teve 68% da posse de bola e deu 11 chutes a gol, contra apenas dois do adversário. A sorte do Troyes é que o goleiro Zelazny estava inspirado e salvou o time com ótimas defesas. Em uma delas, caiu no cantinho para espalmar a bola para escanteio em um chute forte de Lo Celso. Logo depois, Zelazny evitou um gol de bicicleta de Nkunku.

Depois de tanto tentar no primeiro tempo, o PSG precisou de apenas dois minutos da segunda etapa para abrir o placar. A defesa do Troyes não conseguiu afastar uma bola, que sobrou para Draxler tocar para Di María. O argentino ficou cara a cara com Zelazny e deu toque sutil por cima para balançar as redes.

O Troyes parecia não ter forças para reação. Dessa forma, o PSG sofreu poucos sustos na sua defesa. Aos 32 minutos do segundo tempo, o time conseguiu ampliar a vantagem com Nkunku, que estava em posição duvidosa. Jogadores e comissão técnica do Troyes se revoltaram porque viram uma falta a favor pouco antes do gol.

Com muitas mudanças na equipe, Emery levou para o jogo o jovem Timothy Weah, filho de George Weah, melhor jogador do mundo pela Fifa em 1995 e hoje presidente da Libéria. Timothy começou a partida no banco de reservas e entrou em campo aos 34 minutos do segundo tempo no lugar de Lo Celso. Esta foi a sua estreia no profissional.

Na próxima rodada do Campeonato Francês, o Troyes visita o Nantes, no sábado (10), enquanto o Paris Saint-Germain recebe o Metz, no mesmo dia. Antes, porém, o time da capital francesa encara o Real Madrid, pela Liga dos Campeões.