Brasileirão: Vasco e Grêmio vencem fora de casa

Dois jogos fecharam o domingo (10) de Brasileirão. Em Chapecó, o Grêmio derrotou a Chapecoense por 1 a 0, com gol de Luciano. Já em Maceió, o Vasco derrotou o CSA por 3 a 0. Raul, Oswaldo Henríquez e Carlinhos, contra, anotaram os gols dos cariocas.

Com os resultados, CSA e Chapecoense ficam em situação delicada. Os alagoanos amargaram a terceira derrota seguida e ficam na 18ª posição com 29 pontos.

Já a Chape vive um drama ainda maior. Com 22 pontos e na vice-lanterna, o time catarinense está virtualmente rebaixado, assim como o Avaí, último colocado. Contudo, o Leão da Ressacada encara o Botafogo nesta segunda-feira (11), às 20h, encerrando a 32ª rodada do Brasileirão.

vasco csa gremio chapecoense brasileirão
Vasco venceu e convenceu contra o CSA. (Carlos Gregório Jr / Vasco da Gama)

PRÓXIMOS JOGOS

As quatro equipes voltam a campo na semana que vem. No domingo (17), às 16h, o Grêmio encara o líder Flamengo em Porto Alegre e reedita o duelo da semifinal da Libertadores.

No mesmo dia, só que às 18h, a Chapecoense recebe o Ceará na Arena Condá. Às 19h, o CSA visita o Fortaleza no Castelão.

Fechando a 33ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Vasco enfrenta o Goiás. O duelo está marcado para a segunda-feira (18), às 20h, em São Januário, no Rio de Janeiro.

Bahia - Chapecoense - Campeonato Brasileiro

Bahia empata no fim e evita derrota para a Chapecoense em casa

O Bahia arrancou um empate em 1 a 1 com a Chapecoense nesta quarta-feira (6), na Arena Fonte Nova. O gol da igualdade foi marcado pelo meia Marco Antônio nos minutos finais. O atacante Henrique Almeida abriu o placar ainda no primeiro tempo.

Apesar do gol salvador, o Bahia segue incomodado com jejum que agora é de cinco jogos sem vencer, com três derrotas e dois empates.

Com o resultado em casa, a equipe de Roger Machado fica na nona colocação, com 43 pontos, a cinco do Corinthians, o primeiro time no G-6, que dá vaga na Libertadores.

Já a Chapecoense chega à marca de 22 pontos. A oito rodadas do fim do Brasileirão, o time está no 19º lugar, a 11 do Ceará, o primeiro fora da zona de rebaixamento e que entra em campo nesta quinta (7) contra o Internacional, no Castelão.

O time tricolor volta a campo no próximo domingo (10) para enfrentar o líder Flamengo. O jogo será no Maracanã, a partir das 18h. No mesmo dia, às 19h, a Chapecoense recebe o Grêmio.

Chapecoense - Atlético Mineiro - Campeonato Brasileiro

Chapecoense surpreende Atlético Mineiro e se mantém viva no Brasileiro

Com o objetivo de conseguir um milagre nas rodadas finais para se livrar do rebaixamento, a Chapecoense venceu o Atlético Mineiro por 2 a 0, na noite desta quarta-feira (30), e se manteve firme na briga pela permanência no Campeonato Brasileiro.

Os gols da Chapecoense foram marcados por Henrique Almeida e Everaldo.

O duelo válido pela 29ª rodada do Brasileirão foi realizado no Independência, em Belo Horizonte.

A vitória mantém a Chapecoense na 19ª posição com 21 pontos, atualmente nove pontos abaixo do Fluminense, primeira equipe fora da zona de rebaixamento do Brasileiro.

Já o Atlético Mineiro fica com 35 pontos na 13ª posição e ainda precisa somar pontos para se garantir livre do rebaixamento. No momento, a equipe está com seis pontos de vantagem para o Cruzeiro, primeira equipe dentro do Z-4 do Brasileiro.

PRÓXIMOS JOGOS

As equipes voltam a campo neste sábado (2), pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O Atlético Mineiro encara o Fortaleza na Arena Castelão, às 17h.

Enquanto a Chapecoense recebe o São Paulo na Arena Condá, às 21h.

O JOGO

A Chapecoense quase abriu o placar aos três minutos. Dalberto foi lançado e na cara de Cleiton tentou o toque por cima do goleiro. Mas a finalização saiu torta e Guga saiu jogando pelo Atlético Mineiro.

Aos quatro minutos, a Chapecoense teve boa chance com falta na entrada da área. Bruno Pacheco finalizou para bela defesa de Cleiton.

No escanteio, Bruno Pacheco cobrou na marca do pênalti e Henrique Almeida cabeceou para o fundo das redes.

A Chapecoense seguiu melhor no jogo e quase ampliou o marcador aos oito minutos. Dalberto fez a jogada na linha de fundo e cruzou para Roberto. O meia chegou batendo de primeira e a bola passou perto do travessão.

A primeira chance de perigo do Atlético Mineiro foi aos 38 minutos. Otero bateu escanteio e após a rebatida da zaga, Luan recebeu na entrada da área e finalizou perto do travessão de Tiepo.

Nova chance do Atlético Mineiro aos 47 minutos. Luan serviu Nathan, que invadiu a área e finalizou no poste esquerdo.

Só que aos quatro do segundo tempo, quem marcou foi a Chapecoense. Henrique Almeida recebeu na área e finalizou em cima da marcação. A sobra ficou com Everaldo que pegou de primeira para o fundo das redes.

O Atlético Mineiro respondeu aos seis minutos. Cazares fez boa jogada e cruzou para Ricardo Oliveira. O atacante estava sozinho, mas cabeceou mal e a bola foi por cima do gol.

Aos 14 minutos, o árbitro de vídeo entrou em ação. Guga invadiu a área e Dalberto empurrou o lateral. Após a consulta ao VAR, a arbitragem de campo confirmou a penalidade.

Só que Di Santo bateu no canto direito e Tiepo foi buscar para fazer bela defesa.

O VAR novamente apareceu ao anular um gol do Atlético Mineiro. Na jogada, Cazares cobrou escanteio e Réver empurrou Elicarlos, antes de ajeitar de cabeça para Igor Rabello, que empurrou a bola para o fundo das redes. Na consulta ao árbitro de vídeo, a arbitragem de campo invalidou a jogada.

A última chance de gol do Atlético Mineiro saiu aos 51 minutos. Otero bateu falta da intermediária perto do travessão de Tiepo.

Na briga contra o rebaixamento, Fluminense e Chape empatam

Na briga direta contra o rebaixamento, o Fluminense empatou, em 1 a 1, neste sábado (26), pela 28ª rodada do Campeonato Brasileiro. As duas equipes tiveram várias chances, mas não conseguiram vencer a partida. Os gols foram anotados por Everaldo (pela Chape) e Marcos Paulo (para o Flu).

O resultado pode colocar o Fluminense na zona de rebaixamento até o fim da rodada. Já a Chape segue na vice-lanterna da competição.

O JOGO

Fluminense e Chape protagonizaram uma partida movimentada. Os donos da casa criaram várias oportunidades. Com menos de um minuto de jogo, Nenê quase abriu o placar.

Aos 26, a Chape abriu o placar. Bruno Pacheco deixou dois jogadores do Flu para trás e cruzou para Everaldo. O jogador, de cabeça mandou para o fundo das redes.

Na volta do intervalo, aos seis minutos, Danielzinho tabelou com Yony e cruzou rasteiro. Marcos Paulo se adiantou à marcação e deixou tudo igual.

 

Palmeiras - Chapecoense - Campeonato Brasileiro

Palmeiras vence a Chapecoense com gol de Felipe Melo no último minuto

Com gol de Felipe Melo no último minuto do jogo, o Palmeiras venceu a Chapecoense por 1 a 0, na noite desta quarta-feira (16), e se manteve vivo na briga pelo título do Campeonato Brasileiro.

O duelo válido pela 26ª rodada do Brasileirão foi realizado no Allianz Parque, em São Paulo.

A vitória coloca o Palmeiras com 53 pontos, oito abaixo do Flamengo na disputa pelo título.

Já a Chapecoense segue na lanterna da competição com apenas 16 pontos ganhos, dez abaixo do CSA, primeira equipe abaixo da zona de rebaixamento da competição.

PRÓXIMOS JOGOS

As equipes voltam a campo neste domingo (20), pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro.

A Chapecoense recebe o Goiás na Arena Condá, às 19h.

Enquanto o Palmeiras viaja até Curitiba para encarar o Athletico Paranaense, às 19h.

O JOGO

A primeira chance de perigo do jogo foi da Chapecoense. Após rebote de cruzamento, Amaral pegou de primeira e a bola passou com perigo acima do gol de Weverton.

O Palmeiras respondeu aos 14 minutos. Após cruzamento da esquerda, Dudu se antecipou a marcação e escorou perto do poste esquerdo de João Ricardo.

Dudu teve nova chance aos 45 minutos. Após receber passe de Felipe Melo, o atacante invade a área e finaliza perto do poste direito.

O Palmeiras voltou melhor para o segundo tempo e quase abriu o placar aos nove minutos. Após escanteio da esquerda, Bruno Henrique cabeceou para o segundo poste e Luan chegou atrasado para finalizar para o gol.

Aos 11 minutos, excelente chance desperdiçada pelo Palmeiras. Após cruzamento da direita, Deyverson tentou a finalização e o chute saiu torto, mas Willian, quase na linha de fundo, colocou o pé na bola que bateu na trave e saiu.

A pressão do Palmeiras continuou e aos 18 minutos a equipe teve nova chance de gol. Dudu cruzou e a bola passou por todo mundo e chegou em Diogo Barbosa na esquerda. O lateral devolveu na área e Willian cabeceou para boa defesa de João Ricardo.

A situação da Chapecoense ficou ainda pior aos 22 minutos. Dudu puxou contra-ataque e Gum entrou de carrinho e foi expulso de forma direta.

Aos 29 minutos, nova chance perdida por Willian. Dudu cruzou da direita e Willian finalizou de primeira em cima de Douglas e a bola passou perto do poste direito de João Ricardo.

Nova chance do Palmeiras aos 36 minutos. Dudu cruza no segundo poste e Gustavo Gómez cabeceia para o chão para grande defesa de João Ricardo.

No minuto seguinte, nova intervenção de João Ricardo. Felipe Melo recebeu na área e finalizou para boa defesa do goleiro. No rebote, Bruno Henrique escorou de cabeça e a bola passou perto do poste esquerdo.

Mas aos 54 minutos, Dudu ganhou jogada na esquerda e tocou para Bruno Henrique, que finalizou para outra boa defesa de João Ricardo. O rebote voltou para o atacante que rola para o meio da área e Felipe Melo finaliza para o fundo das redes.

chapecoense cruzeiro

Com gol no fim, Chapecoense arranca empate contra o Cruzeiro

Com um gol nos acréscimos do segundo tempo, a Chapecoense empatou com o Cruzeiro por 1 a 1. Dedé abriu o placar pelos mineiros, mas Camilo igualou em gol confirmado pelo VAR (árbitro de vídeo). A partida deste domingo (13) encerrou a 25ª rodada do Brasileirão e foi realizada na Arena Condá.

No final das contas, o resultado não foi bom para ninguém. As duas equipes, que lutam contra o rebaixamento, seguem no grupo dos quatro últimos colocados.

O Cruzeiro chega aos 22 pontos, mas aparece na 18ª posição. Já a Chape segue na lanterna da competição, agora com 16 pontos.

PRÓXIMOS JOGOS

Chape e Cruzeiro voltam a campo nesta quarta-feira (16), às 21h.

Os catarinenses vão enfrentar o Palmeiras, vice-líder, no Allianz Parque.

Já a Raposa recebe o São Paulo no Mineirão.

Fortaleza - Chapecoense - Campeonato Brasileiro

Fortaleza vence Chapecoense e se afasta da zona de rebaixamento

Em duelo direto pela briga contra o rebaixamento, o Fortaleza venceu a Chapecoense por 2 a 0, na noite desta quarta-feira (9), e ganhou fôlego pela sua permanência no Campeonato Brasileiro.

Os gols do Fortaleza foram marcado por Wellington Paulista.

O duelo válido pela 24ª rodada do Brasileirão foi realizado no Castelão, em Fortaleza.

A vitória deixou o Fortaleza na 13ª posição com 28 pontos, cinco acima do Ceará, primeira equipe dentro da zona de rebaixamento.

Já a Chapecoense segue na lanterna do Campeonato Brasileiro com apenas 15 pontos ganhos, dez abaixo do CSA, primeira equipe fora da zona de rebaixamento da competição.

PRÓXIMOS JOGOS

As equipes voltam a campo neste domingo (13), pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O Fortaleza viaja até o Rio de Janeiro para encarar o Vasco em São Januário, às 16h.

Enquanto a Chapecoense recebe o Cruzeiro na Arena Condá, às 19h.

O JOGO

O Fortaleza teve a primeira chance de gol da partida. Carlinhos roubou bola no campo de ataque e tocou para Osvaldo, que cruzou para a área. Wellington Paulista ganhou da marcação, mas cabeceou para fora.

Logo na sequência, Romarinho recebeu no ataque, fez a finta na marcação e finalizou para João Ricardo espalmar.

Aos 29 minutos, a pressão do Fortaleza continuou. Wellington Paulista puxou o contra-ataque e rolou para Osvaldo. O atacante finalizou perto do travessão e quase abriu o placar.

Mas a pressão do Fortaleza continuou no início do segundo tempo e resultou em gol. Romarinho avançou na área e foi atropelado por Campanharo. O árbitro Rodrigo Carvalhaes de Miranda assinalou a penalidade.

Wellington Paulista foi para a cobrança e deslocou João Ricardo para abrir o placar.

A Chapecoense respondeu aos 19 minutos. Camilo bateu escanteio na cabeça de Elicarlos, que escorou perto do poste esquerdo de Marcelo Boeck.

Aos 26 minutos, nova chance para a Chapecoense. Camilo fez cruzamento, Everaldo ajeitou com o peito e Locatelli finalizou para bela defesa de Marcelo Boeck.

Mas aos 35 minutos, o Fortaleza buscou o seu segundo gol. Felipe tocou para Wellington Paulista na entrada da área, fez a finta na marcação e finalizou colocado para ampliar o marcador.

Ainda deu tempo da Chapecoense quase diminuir o placar. Paulão errou no corte e a bola sobrou para Everaldo. O atacante foi para a finalização e parou em boa defesa de Marcelo Boeck.

Aos 50 minutos, nova chance da Chapecoense. Camilo recebeu na entrada da área e finalizou rasteiro no poste esquerdo de Marcelo Boeck.

Flamengo - Chapecoense - Campeonato Brasileiro

Flamengo vence Chapecoense e mantém margem tranquila na liderança

Mesmo com desfalques importantes, o Flamengo venceu a Chapecoense por 1 a 0, na manhã deste domingo (6), e manteve uma vantagem confortável na liderança do Campeonato Brasileiro.

O Flamengo não contou com Gabriel suspenso pelo terceiro cartão amarelo e com Arrascaeta e Filipe Luís lesionados.

Bruno Henrique foi o autor do gol da vitória do Flamengo na primeira etapa de jogo.

O duelo válido pela 23ª rodada do Brasileirão foi realizado na Arena Condá, em Chapecó, e contou com 12.152 torcedores presentes, público recorde da Chapecoense na competição.

A vitória coloca o Flamengo com 52 pontos na tabela do Brasileirão. Caso o Palmeiras não vença o Atlético Mineiro na tarde deste domingo (6), a equipe vai colocar seis pontos de vantagem na liderança da competição.

Já a Chapecoense vai terminar outra rodada na lanterna do Campeonato Brasileiro. Com apenas 15 pontos, a equipe pode ficar a dez pontos de distância da saída da zona de rebaixamento, caso Fluminense e Ceará vençam seus jogos na tarde deste domingo (6).

PRÓXIMOS JOGOS

As equipes já voltam a campo neste meio de semana, pela 24ª rodada do Campeonato Brasileiro.

A Chapecoense viaja para o Ceará, para encarar o Fortaleza no Castelão, às 20h30, desta quarta-feira (9).

Enquanto o Flamengo recebe o Atlético Mineiro no Maracanã, às 20h, desta quinta-feira (10).

O JOGO

Logo no primeiro minuto, o Flamengo levou perigo para a Chapecoense. Após avanço de Renier pela direita, o atacante cruzou rasteiro para Bruno Henrique finalizar perto do poste direito de Tiepo.

Bruno Henrique criou nova chance aos 18 minutos. O atacante recebe pelo meio e finalizou de meia distância no poste esquerdo de Tiepo.

Aos 19 minutos, nova chance para o Flamengo. Pablo Marí se arriscou no ataque e finalizou de meia a distância perto do travessão.

Mas aos 34 minutos, a Chapecoense não conseguiu mais se salvar. Vitinho cruzou da esquerda e Bruno Henrique na mesma linha do zagueiro Douglas, escorou de cabeça para abrir o placar.

O Flamengo quase ampliou aos 43 minutos. Everton Ribeiro bateu escanteio e Rodrigo Caio escorou perto do poste direito de Tiepo.

A Chapecoense criou sua primeira chance de gol aos oito minutos do segundo tempo. Régis foi lançado pela esquerda, invadiu a área e bateu perto do travessão de Diego Alves.

Aos 21 minutos, o Flamengo voltou a criar. Após cruzamento da esquerda, Tiepo não conseguiu afastar a bola, que sobrou nos pés de Everton Ribeiro. O meia tentou bater de primeira, mas o goleiro conseguiu voltar e realizar a defesa.

Everton Ribeiro apareceu bem novamente aos 28 minutos. O meia avançou, fintou Márcio Araújo e bateu na rede pelo lado de fora.

O Flamengo voltou ao ataque aos 33 minutos. Rafinha fez o cruzamento e Pablo Marí ganhou da zaga. O zagueiro cabeceou para o chão e acertou a base da trave direita de Tiepo.

A última chance de gol da Chapecoense no jogo foi aos 43 minutos. Márcio Araújo fez o cruzamento da direita e Everaldo resvalou na bola, que foi no meio do gol para defesa em dois tempos de Diego Alves.

Corinthians - Chapecoense - Campeonato Brasileiro

Corinthians vence a Chapecoense e se mantém vivo na briga pelo título

Sob muita chuva em Chapecó, o Corinthians conseguiu sua terceira vitória seguida no Campeonato Brasileiro e se manteve firme na briga pelo título da competição, com o triunfo por 2 a 1 sobre a Chapecoense, na noite desta quarta-feira (2).

O gol da vitória do Corinthians foi marcado por Danilo Avelar no segundo tempo.

O duelo válido pela 21ª rodada do Brasileirão foi realizado na Arena Condá, em Chapecó.

A vitória mantém o Corinthians na quarta colocação, mas diminuiu a desvantagem da equipe para o líder Flamengo para oito pontos.

Já a Chapecoense segue na lanterna do Campeonato Brasileiro e fica a sete pontos de distância do Fluminense, primeira equipe fora da zona de rebaixamento da competição.

PRÓXIMOS JOGOS

A Chapecoense recebe o Flamengo na Arena Condá, no próximo domingo (6), às 11h

Já o Corinthians viaja até Porto Alegre para encarar o Grêmio, no próximo sábado (5), às 19h.

O JOGO

O Corinthians levou perigo logo no primeiro minuto do jogo. Após cobrança de escanteio, Gil cabeceou em cima da marcação. A bola sobrou para Pedrinho, que finalizou travado e a bola passou perto do travessão.

A Chapecoense respondeu aos 28 minutos. Everaldo recebeu bola no ataque e finalizou firme para boa intervenção de Cássio.

Novamente o Corinthians levou perigo logo no primeiro minuto. Dessa vez, Danilo Avelar fez o cruzamento, a marcação afastou provisoriamente e Pedrinho emendou chute da entrada da área. A bola passou perto do travessão de Tiepo.

O Corinthians voltou a pressionar aos três minutos. Sornoza avançou pelo centro e finalizou perto do poste direito de Tiepo.

Aos nove minutos, a Chapecoense respondeu. Eduardo recebeu na intermediária e finalizou firme para defesa em dois tempos de Cássio.

O Corinthians marcou o seu gol aos 17 minutos. Clayson cobrou escanteio da esquerda e Danilo Avelar subiu na marca do pênalti para escorar no canto direito de Tiepo e abrir o placar.

A Chapecoense teve suas melhores chances no jogo aos 25 minutos. Régis cruzou da esquerda e encontrou Renato Kayser na marca do pênalti. O atacante finalizou de primeira e Cássio fez a defesa, no rebote a bola sobrou para Camilo que emendou o chute. Novamente o goleiro espalmou e salvou o Corinthians.

corinthians chapecoense

Chapecoense quer vencer Corinthians para sair da lanterna do Brasileirão

Chapecoense x Corinthians se enfrentam nesta quarta-feira (2), às 19h15, em jogo adiado da 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. Confira onde assistir e as prováveis escalações!

Vale lembrar que a partida foi adiada por causa da semifinal da Copa Sul-Americana, quando o Corinthians acabou eliminado para o Independiente Del Valle.

A partida será exibida apenas pelo Premiere (pay-per-view).

Com 14 pontos e no último lugar, a Chape não vence há seis jogos, mas pode ultrapassar o Avaí caso vença o duelo. Para isso, o time comandado por Marquinhos Santos conta aposta no experiente meia Camilo e no atacante Arthur Gomes, que fez o gol do empate contra o Athletico-PR.

Do outro lado, o Corinthians ainda sonha com o título e precisa se manter no G4. Com 38 pontos, a equipe de Fábio Carille vem embalada das vitórias sobre o Vasco e Bahia.

Por fim, se vencer em Santa Catarina, o Timão ainda encosta no Santos. As duas equipes terão os mesmos 41 pontos, mas o Peixe ganharia no critério do número de vitórias no Brasileirão: 12 contra 11.

chapecoense corinthians
(Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians/Divulgação)

CHAPECOENSE x CORINTHIANS

Jogo adiado da 21ª rodada do Campeonato Brasileiro

Data, hora e local: quarta-feira (2/10), às 19h15 (horário de Brasília), na Arena Condá, em Chapecó.

Onde assistir: Premiere.

Chapecoense: Tiepo; Eduardo, Douglas (Gum), Rafael Pereira e Roberto; Márcio Araújo, Amaral, Camilo e Bruno Pacheco; Arthur Gomes e Everaldo. Técnico: Marquinhos Santos.

Corinthians: Cássio, Fágner, Manoel, Gil e Danilo Avelar; Ralf, Ramiro e Sornoza; Pedrinho, Clayson e Vagner Love. Técnico: Fábio Carille.

Arbitragem: Daniel Nobre Bins será auxiliado por Lúcio Beiersdorf Flor e André da Silva Bitencourt (todos do Rio Grande do Sul). Já o responsável pelo VAR será Rodrigo Nunes de Sá (Rio de Janeiro).