seleção brasileira brasil colômbia neymar onde assistir

Com Neymar, Brasil encara a Colômbia em primeiro amistoso após Copa América

Com Neymar entre os titulares, o Brasil enfrenta a Colômbia, nesta sexta-feira (6). É o primeiro amistoso da seleção brasileira após o título da Copa América 2019. O jogo está marcado para às 21h30 (horário de Brasília), em Miami, nos Estados Unidos.

Esse será o primeiro dos seis últimos jogos da seleção em 2019. Além dos colombianos, o Brasil vai encarar o Peru na próxima terça-feira (10), em Los Angeles. Mais dois amistosos, sem rivais confirmados, estão programados para outubro. Por fim, em novembro, outras duas partidas amistosas encerram a temporada da seleção.

ONDE ASSISTIR

O jogo contra a Colômbia será transmitido pela Rede Globo, na TV aberta, com narração de Galvão Bueno. Já na TV fechada, o SporTV exibe a partida.

NEYMAR

O camisa 10 da amarelinha voltará a entrar em campo após dois meses e um dia. A última vez que Neymar entrou em campo foi no dia 5 de junho, quando o Brasil derrotou o Catar no último amistoso antes da Copa América.

Com o fim do mercado de transferências, Neymar ficou frustrado de permanecer em Paris. Entretanto, o ambiente da seleção serve para ele recuperar a boa forma e a confiança.

“Ele está recuperado [da lesão]. Ele está pronto para jogar e ajudar. A equipe precisa do Neymar e o Neymar precisa da equipe”, disse Tite, ontem (5), em entrevista coletiva. Além disso, o treinador colocou o jogador de 27 anos como o terceiro melhor do mundo, abaixo de Lionel Messi e Cristiano Ronaldo.

Desde então, Neymar se envolveu em polêmicas. Apresentou-se ao PSG com uma semana de atraso e foi o principal tema dos veículos esportivos de todo o mundo pelas negociações com Barcelona, Real Madrid e Juventus.

neymar seleção brasileira
Ambiente da seleção faz Neymar esquecer da turbulência no PSG. Foto: Lucas Figueiredo/CBF

NOVELA 

BBC, da Inglaterra, destrinchou as negociações por Neymar. Segundo a reportagem, o próprio jogador queria pagar ao PSG parte da transferência ao Barcelona, mas a Federação Francesa proíbe esse tipo de ação. Além disso, a informação é que o Barça não foi tão incisivo. Uma prova disso foi o presidente Joseph Maria Bartomeu não tratar do assunto pessoalmente. Na contratação do meia Frenkie De Jong, vindo do Ajax, o dirigente se reuniu com o jogador.

Já o Real Madrid fez uma proposta de 100 milhões de euros mais três jogadores: Gareth Bale, James Rodríguez e Keylor Navas – que acabou indo para o PSG. Entretanto, os parisienses não gostaram muito da oferta, principalmente pelo salário de Bale. Para fechar, o PSG sentiu que o Real queria se desfazer dos atletas.

Por fim, a Juventus ofereceu 100 milhões de euros e mais o atacante argentino Paolo Dybala, mas essa proposta também foi recusada pelo PSG.

CONVOCADOS

Tite fez a convocação da seleção brasileira no dia 16 de agosto. Os destaques foram os nomes de Ivan, da Ponte Preta, Weverton, do Palmeiras, Jorge, do Santos, e Bruno Henrique, do Flamengo.

Além deles, a presença de Samir, da Udinese, Fabinho, do Liverpool, e Vinicius Júnior, do Real Madrid, foram novidades. Ou seja, dos 23 convocados, 15 estavam no grupo que venceu a Copa América.

Relembre a convocação de Tite para os amistosos contra a Colômbia e Peru:

Goleiros: Éderson (Manchester City), Weverton (Palmeiras) e Ivan (Ponte Preta).

Laterais: Daniel Alves (São Paulo), Fagner (Corinthians), Jorge (Santos) e Alex Sandro (Juventus).

Zagueiros: Eder Militão (Real Madrid), Marquinhos (PSG), Thiago Silva (PSG) e Samir (Udinese).

Meio campistas: Allan (Napoli), Arthur (Barcelona), Casemiro (Real Madrid), Fabinho (Liverpool), Lucas Paquetá (Milan) e Phillipe Coutinho (Barcelona).

Atacantes: Bruno Henrique (Flamengo), David Neres (Ajax), Roberto Firmino (Liverpool), Neymar (PSG), Richarlison (Everton) e Vinicius Júnior (Real Madrid).

BRASIL x COLÔMBIA

Amistoso

Data, hora e local: sexta-feira (5/9/2019), às 21h30, no Sun Life Stadium, em Miami, nos Estados Unidos.

Brasil: Ederson, Daniel Alves, Marquinhos, Thiago Silva, Alex Sandro; Casemiro, Arthur e Philippe Coutinho; Richarlison, Roberto Firmino e Neymar. Técnico: Tite.

Colômbia: David Ospina, Stefan Medina, Yerry Mina, Dávinson Sánchez e William Tesillo; Wilmar Barrios, Mateus Uribe e Juan Cuadrado; Luis Fernando Muriel, Roger Martínez e Duván Zapata. Técnico: Carlos Queiroz.

A arbitragem não foi confirmada pelas confederações.

Morre aos 80 anos Edgardo Andrada. Ex-goleiro ficou famoso por sofrer o milésimo gol de Pelé

Morreu, na última quarta-feira (4), na Argentina, o ex-goleiro Edgardo Andrada, 80. Não foi divulgada a causa da morte do ex-jogador, que defendeu Vasco e Vitória em sua passagem pelo futebol brasileiro. Ele ficou marcado por sofrer o milésimo gol de Pelé, em cobrança de pênalti, no Maracanã, em 19 de novembro de 1969.

Ficou na história a imagem do argentino socando o gramado do estádio carioca enquanto o craque celebrava o gol histórico. O guarda-metas vascaíno acertou o canto da batida do camisa 10 do Santos, mas não evitou que a rede fosse balançada nem que o campo fosse invadido na festa do rei do futebol.

Aquele era o primeiro ano de Andrada no Vasco, clube que ele defenderia até 1975, participando das campanhas vitoriosas no Campeonato Carioca de 1970 e no Campeonato Brasileiro de 1974. Ele ainda vestiu a camisa do Vitória, em 1976, antes de voltar a seu país e encerrar a carreira no Colón.

Sua trajetória foi iniciada no Rosario Central, onde ganhou o apelido El Gato e se tornou ídolo. Com 284 partidas em dez anos, ele é o atleta da posição que mais vezes jogou pelo time. Nascido em Rosário, o jogador também atuou pela seleção argentina na Copa América de 1963 -a equipe ficou na terceira colocação.

Após deixar o futebol, em 1982, Andrada contribuiu com o PCI (Pessoal Civil de Inteligência), órgão que participava da espionagem e da repressão na ditadura militar da Argentina. Foi acusado de ter participado da execução de dois militantes políticos. Ele negou e foi absolvido em julgamento no país.

daniel alves são paulo psg

Daniel Alves acerta com São Paulo e retorna ao futebol brasileiro

Daniel Alves é o novo jogador do São Paulo. O clube divulgou a contratação do lateral, capitão da seleção brasileira, na noite desta quinta-feira (1).

“Sonhar é possível e realizar também….. um dia sonhei com meu primo jogar no São Paulo e no Barcelona, hoje estou realizando a parte que faltava desse sonho!”, postou em seu Instagram.

Com 40 títulos, Daniel Alves foi campeão da Copa América 2019. Além disso, foi eleito o craque da competição.

Daniel  estava sem clube desde junho. Ele anunciou sua saída do PSG enquanto defendia a seleção brasileira e vivia uma indefinição.

Apesar de ter propostas de grandes clubes europeus, preferiu o retorno ao futebol brasileiro. O jogador pretende ser convocado para a Copa do Mundo 2022 e por isso optou por ter um vínculo maior.

Seu nome foi especulado no Manchester City, para voltar a trabalhar com o técnico Pep Guardiola, e ao Barcelona, clube que defendeu entre 2008 e 2016.

CARREIRA

Daniel Alves é o jogador mais vezes campeão da história do futebol. São 40 taças conquistadas: 23 pelo Barcelona, 5 pelo PSG, 5 pelo Sevilla, 4 pela seleção brasileira, 2 pela Juventus e um pelo Bahia, onde foi revelado.

Agora Dani Alves deve ter tranquilidade para ser titular do time do técnico Cuca. Isso porque o único concorrente no setor são-paulino é o jovem Igor Vinícius.

Confira o anúncio do São Paulo:

tite

Opinião: o título da Copa América foi o respiro de Tite

A nona conquista do Brasil em Copa América serviu para algumas coisas. A primeira delas, em uma visão macro, foi para aproximar da seleção canarinho aos rivais Uruguai (15) e Argentina (14) no número de taças. A segunda foi que Tite ganhou alívio.

Ele sofreu com o revés para a Bélgica. Se Everton virou o xodó da torcida e Gabriel Jesus teve sua ressurreição, o treinador de 58 anos segue vivendo com pressão. Tite foi vaiado por boa parte dos públicos ao longo dos jogos.

Ele não só carrega a pressão de comandar a seleção mais vezes campeã mundial, mas tem que justificar suas escolhas e o porquê que a amarelinha não mostra todo seu potencial dentro de campo. O troféu ameniza tudo isso e dá o respiro necessário para seguir.

Neste ano, serão apenas seis mais amistosos. Dois deles, nos dias 6 e 10 setembro, nos Estados Unidos, estão confirmados: Colômbia e Peru. Em 2020, começam as Eliminatórias, além da próxima edição da Copa América.

RENOVAÇÃO?

Daqui para frente, muito se fala em renovação. Dos 23 convocados da Copa do Mundo da Rússia por Tite, oito foram ausência nesta Copa América: Danilo, Marcelo, Pedro Geromel, Fred, Renato Augusto, Paulinho, Douglas Costa e Taison. Ou seja, quase 30% do grupo mudou.

Dos campeões na Copa América, dar para apostar em 14 remanescentes para 2022: Alisson, Ederson, Daniel Alves, Eder Militão, Marquinhos, Alex Sandro, Casemiro, Arthur, Lucas Paquetá, Coutinho, Richarlison, David Neres, Everton e Neymar. Esses só saem se tiverem quedas em seus rendimentos, assim como foi com Marcelo em sua última temporada pelo Real Madrid.

Thiago Silva, Filipe Luís, Willian e Roberto Firmino vão ter que mostrar muito serviço para continuar.

PROMESSAS

O problema (para Tite) é a fartura de bons jogadores. Nenhum outro país no mundo revela tantos jogadores de alto nível.

Na lateral esquerda, Alex Telles, Guilherme Arana e principalmente Renan Lodi têm amplas condições de defenderem a amarelinha. O novo lateral do Atlético de Madrid tem muito a evoluir, ainda mais sob o comando de Diego Simeone.

No ataque, são três principais promessas: Vinicius Junior, Rodrygo e Pedro.

daniel alves

Daniel Alves desconversa sobre novo clube e mira a Copa do Catar, quando terá 39 anos

Craque da Copa América, Daniel Alves está livre no mercado. Aos 36 anos, o lateral direito é credenciado a jogar em qualquer clube do mundo. Acumula passagens (e títulos) por Sevilla, Barcelona, Juventus, PSG na Europa, mas ainda não revela seu próximo destino.

“Saio daqui satisfeito e não tenho seleção e nem clube. Estou desempregado e aberto à ofertas. Se o Marca me fizer uma, não diria não”, brincou ele em resposta ao jornal espanhol. Já com jornalistas brasileiros, Daniel Alves voltou a brincar: “Próximo emprego? Repórter”, arrancando gargalhadas.

Vale destacar que o lateral é jogador mais vitorioso do mundo. São 40 títulos na carreira de 18 anos de carreira profissional. Atrás dele, aparecem Pelé (37 títulos) e o trio Andrés Iniesta, Ryan Giggs e Maxwell, com 35 troféus cada.

Porém, o atleta ainda luta por um sonho: disputar a Copa do Mundo do Catar. Daniel terá 39 anos, mas nem isso o faz mudar de ideia.

E melhor, diz isso publicamente desde que foi cortado da lista dos convocados por Tite para o Mundial da Rússia.

“Quando eu machuquei, deixei a mensagem que iria lutar para a próxima Copa. E não mudou meu pensamento. Confio muito no meu trabalho, no cuidado que tenho com bebida e na minha profissão”, completou Daniel Alves.

Agora, resta definir qual será o futuro de Daniel Alves. Um possível retorno ao Barcelona não é difícil de acontecer, ainda mais se Neymar também selar sua volta à Espanha.

anitta copa américa

Anitta se diz realizada após apresentação na Copa América: “não falta nada”

A cantora Anitta, 26, foi aplaudida por sua apresentação na final da Copa América, neste domingo (7). Ela cantou com o porto-riquenho Pedro Capó, 38.

Eles fizeram duetos em suas músicas. Anitta escolheu o seu sucesso mundial “Downtown”, que originalmente ela canta com J. Balvin.

Já Capó executou a canção “Calma”. O estilo ousado da brasileira, que foi toda de branco à apresentação, foi criado pela fashion designer Helô Rocha.

No meio da apresentação, Anitta fez uma homenagem e disse: “Luz ao mestre João Giberto”, para lembrar a morte do pai da bossa nova, neste sábado (6).

A carioca disse que não esperava o convite para fazer parte do encerramento da Copa América. Ela já se apresentou na abertura dos Jogos Olímpicos no Rio, em 2016, a cantora já cantou com Iggy Azalea fez parcerias com Snoop Dogg e Madonna.

Com tanta coisa no seu currículo, ela diz que não falta nada em sua lista. “Posso ser sincera? Não falta nada. Tive todos esses momentos lindos na minha carreira, momentos que, por mais focada e determinada que eu seja, não imaginava viver. Estou no momento só de agradecer mesmo. Tudo o que acontecer daqui para à frente será um plus. Não posso pedir mais nada”.

O show da cantora no encerramento do evento esportivo foi um dos assuntos mais comentados no Twitter. A maioria dos internautas disse que era esperado que Anitta fosse vaiada por causa de sua posição política. O evento teve a presença do presidente Jair Bolsonaro e do ministro da Justiça Sérgio Moro. Aplaudida, os fãs da cantora comemoram nas redes sociais.

O próximo passo de Anitta é sua turnê no exterior. “Vou me dedicar a esses shows e estou muito feliz. Mas até o final do ano ainda tem muita coisa para acontecer, com os feats [parcerias] internacionais que estão por vir. A agenda está cheia”, afirmou Anitta por meio de sua assessoria de imprensa.

willian lampard chelsea

Ex-companheiros, Willian elogia Lampard antes do reencontro no Chelsea: “fantástico”

O atacante Willian ficou animado com o novo treinador do Chelsea. Frank Lampard, ex-meio campista e ídolo dos Blues, atuou com o brasileiro na temporada 12/13, antes do inglês sair para atuar no Manchester City.

“Joguei com ele por um ano. Como jogador foi fantástico e é uma grande pessoa. Espero que possa fazer o melhor pelo Chelsea”, disse o brasileiro ao Paraná Portal na zona mista após o título na Copa América.

Vale lembrar que a saída de Eden Hazard aumenta a responsabilidade de Willian. Na última temporada, sob o comando do italiano Maurizio Sarri, o brasileiro atuou em 36 das 38 rodadas da Premier League. No entanto, ele só atuou durante os 90 minutos em 10 duelos.

Além disso, o brasileiro marcou seis gols e deu oito assistências no torneio nacional.

Os dois atuaram juntos na temporada 12/13. Foto: Reprodução

FÉRIAS

Contudo, antes de pensar na temporada na Inglaterra, Willian vai descansar um pouco. Ele estava aproveitando as férias em Israel com a família quando foi chamado, de última hora, para substituir Neymar. Ele foi aproveitado por Tite ao longo dos jogos e até marcou gol na goleada sobre o Peru pela fase de grupos.

Remanescente das duas últimas Copas do Mundo, Willian celebrou bastante a conquista mesmo do banco de reservas. Nesta semana, ele sofreu uma lesão muscular e acabou ficando fora de combate na grande decisão.

“Infelizmente não pude jogar, mas estava no banco e ajudando os companheiros. É um título muito importante. Esse grupo e essa comissão já mereciam há algum tempo e fomos coroados. A Copa América no Brasil e a final no Maracanã… Foi especial”, finalizou Willian.

Tite reforça que segue no comando da seleção brasileira

Tite segue no cargo de técnico da seleção brasileira após o título da Copa América 2019. O treinador de 58 anos reforçou, em entrevista coletiva após a conquista do título da Copa América, que pretende comandar o Brasil na Copa do Mundo de 2022, que será disputada no Catar.

Ele já tinha garantindo sua permanência na coletiva realizada no sábado (6). Entretanto, segundo Juca Kfouri, Tite estava repensando pela saída de membros importantes da comissão técnica. Edu Gaspar assumirá o cargo de diretor do Arsenal, enquanto Sylvinho e Lázaro vão assumir cargos no Lyon, da França.

“A gente fica tão mergulhado no trabalho, pensando em todo trabalho, que eu tô enrolando para dizer que não pensei ainda”, disse ao ser questionado sobre a remontagem da equipe com a saída dos integrantes da comissão.

Com o triunfo por 3 a 1 sobre o Peru neste domingo (7), no Maracanã, Tite chegou a ter 33 vitórias, sete empates e duas derrotas no comando da seleção. O aproveitamento, por enquanto, é de 84,12%.

REI DA AMÉRICA

Com a conquista, Tite se tornou o primeiro técnico a se sagrar campeão de todos os torneios da América. Em 2007, ele conquistou a Copa Sul-Americana pelo Internacional. Já em 2012, venceu a Libertadores da América e, no ano seguinte, levantou a taça da Recopa Sul-Americana – ambas pelo Corinthians.

Bolsonaro assiste jogo ao lado de Moro e entrega medalhas aos jogadores

O presidente Jair Bolsonaro esteve no Maracanã para acompanhar o título do Brasil na Copa América 2019. Após acompanhar a partida ao lado dos ministros Sergio Moro, da Justiça, e Paulo Guedes, da Economia, ele entrou no gramado ao término do jogo. Por fim, foi responsável por distribuir as medalhas de ouro aos jogadores.

Bolsonaro saiu de Brasília após o almoço e chegou ao Maracanã por volta das 15h30. Ele viu a apresentação de Anitta na cerimônia de encerramento do torneio. Para fechar, só saiu da tribuna de honra, muito escoltado, momentos antes do apito final.

Ao entrar no gramado , escutou uma sonora vaia das arquibancadas. Porém, aos poucos, as palmas se igualaram. Por fim, ainda conseguiu ouvir alguns gritos de “mito”. Na sexta-feira (5), ele tinha dito que iria medir a própria popularidade e a de Moro durante o jogo. “O povo vai dizer se estamos certos ou não”, declarou o presidente.

PÉ QUENTE

Foi a terceira vez que ele foi à competição. Bolsonaro esteve presente na estreia (vitória por 3 a 0 sobre a Bolívia) e na semifinal. Inclusive, no triunfo por 2 a 0 sobre a Argentina, o presidente foi ao campo para dar uma volta olímpica. Entretanto, não completou o ato pela falta de tempo.

bolsonaro
Foto: Wesley Santos/PressDigitall/AGB

Craque da Copa América, Daniel Alves conquista o 40.º título da carreira

Daniel Alves foi eleito o melhor jogador da Copa América 2019 e segue sendo o jogador que mais vezes foi campeão do planeta. Com a taça, o lateral direito alcançou a marca de 40 troféus conquistados. De quebra, ele também recebeu o prêmio de fair play da competição.

No entanto, essa conquista teve um sabor especial: com a ausência de Neymar, o camisa 2 foi o capitão da equipe. Ou seja, acabou levantando a taça no final.

Aos 36 anos, o jogador está sem clube. Pelo Instagram, ele anunciou sua saída do PSG durante a Copa América. Pelo clube francês, ele fez 32 partidas na última temporada. Ou seja, preparo físico não falta.

Além disso, é notório que Dani Alves mantém seu alto nível. Com a camisa amarelinha, teve uma das melhores exibições da sua carreira contra a Argentina. A Copa América feita por ele o credencia para atuar em qualquer clube do mundo.

Por fim, caso ele seja convocado para 2022, Daniel Alves será o jogador mais velho a defender o Brasil em uma Copa do Mundo. O Mundial será disputado no Catar durante os meses de novembro e dezembro.