premiação brasileirão clube flamengo santos

Premiação do Brasileirão: veja quanto cada clube faturou

Flamengo e Santos foram os dois clubes que faturaram mais de R$ 30 milhões na premiação do Campeonato Brasileiro 2019.

A CBF (Confederação Brasileira de Futebol) distribui R$ 330 milhões aos 16 clubes que permanecem na Série A, sendo que  divisão ocorre de acordo com a colocação final.

Mesmo ficando na quinta colocação, o Athletico Paranaense vai faturar menos do que os R$ 26,4 milhões previstos. Isso porque o clube paranaense assinou com a Turner para a transmissão dos jogos, o que resulta em uma queda de 20% no valor da premiação.

Com o desconto, o Furacão deve faturar perto de R$ 21,1 milhões. Ou seja, o Corinthians, que ganha R$ 21,45 milhões com a oitava posição, terá um prêmio maior do que o Athletico-PR.

Por fim, o Ceará, que se garantiu na Série A em 2020 com o empate diante o Botafogo, foi quem menos lucrou. Mesmo assim, o Vôzão embolsa nada menos do que R$ 11 milhões, quase o mesmo valor do clube carioca.

PREMIAÇÃO DO CAMPEONATO BRASILEIRO

  • Flamengo – R$ 33 milhões – campeão
  • Santos – R$ 31,35 milhões – (2º lugar)
  • Palmeiras – R$ 29,7 milhões – (3º lugar)
  • Grêmio – R$ 28 milhões – (4º lugar)
  • São Paulo – R$ 24,75 milhões – (6º lugar)
  • Internacional –  R$ 23,1 milhões – (7º lugar)
  • Corinthians – R$ 21,45 milhões – (8º lugar)
  • Athletico-PR – R$ 21,1 milhões (5º lugar)*
  • Fortaleza –  R$ 19,8 milhões – (9º lugar)
  • Goiás – R$ 18,15 milhões (10º lugar)
  • Bahia – R$ 15,5 milhões (11º lugar)
  • Vasco – R$ 14,6 milhões (12º lugar)
  • Atlético Mineiro – R$ 13,7 milhões (13º lugar)
  • Fluminense – R$ 12,8 milhões – (14º lugar)
  • Botafogo R$ 11,9 milhões – (15º lugar)
  • Ceará – R$ 11 milhões – (16º lugar)
São Paulo - Internacional - Campeonato Brasileiro

São Paulo vence Internacional e mantém disputa pela Libertadores aberta

Em noite de Antony, o São Paulo venceu o Internacional por 2 a 1, na noite desta quarta-feira (4), e manteve aberta a vaga pela última vaga na Copa Libertadores da América aberta.

O duelo válido pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro foi realizado no Morumbi, em São Paulo.

Os gols da vitória do São Paulo foram marcados por Antony e Vitor Bueno, enquanto Guilherme Parede diminuiu para o Internacional.

Com a vitória, o São Paulo segue vivo na luta pela vaga direta na Copa Libertadores da América. Para chegar com chances na última com chances, o tricolor paulista precisa que o Grêmio seja derrotado pelo Cruzeiro, nesta quinta-feira (5).

Já o Internacional chegou aos 54 pontos e está perto de conquistar sua vaga na Copa Libertadores. O Colorado precisa vencer o Atlético Mineiro no próximo domingo (8), ou apenas contar com algum tropeço do Goiás em seus dois últimos jogos no Brasileiro.

PRÓXIMOS JOGOS

As equipes encerram sua participação no Campeonato Brasileiro neste domingo (8), às 16h.

O São Paulo viaja até Maceió, para encarar o CSA, no Rei Pelé.

Já o Internacional recebe o Atlético Mineiro, no Beira-Rio, em Porto Alegre.

O JOGO

O São Paulo abriu o placar aos 15 minutos de jogo. Igor Gomes lançou Antony na pequena área e o atacante tirou de Marcelo Lomba para balançar as redes.

Nova chance do São Paulo aos 24 minutos. Em cobrança de falta da entrada da área, Daniel Alves finalizou perto do travessão.

A pressão do São Paulo continuou e a equipe quase ampliou o placar aos 30 minutos. Vitor Bueno arriscou da intermediária e Marcelo Lomba espalmou para escanteio.

O Internacional respondeu aos 38 minutos. Após receber de Edenílson, Guerrero ajeitou para Nonato, que bateu de primeira perto do poste esquerdo.

Mas ainda deu tempo do São Paulo responder aos 44 minutos. Daniel Alves roubou bola no campo de ataque e serviu Pablo na área. O atacante finalizou firme, mas Marcelo Lomba fez bela defesa.

Logo aos três minutos do segundo tempo, o São Paulo ampliou o placar. Tchê Tchê lançou Antony, que invadiu a área e rolou para Vitor Bueno finalizar para o gol aberto.

Nova chance do São Paulo aos 20 minutos. Pablo recebeu na área e cabeceou firme para o chão, a bola quicou a foi perto do poste direito.

O São Paulo ficou perto do gol novamente aos 22 minutos. Reinaldo cruzou na medida para Vitor Bueno, que escorou firme para Marcelo Lomba espalmar.

Só que foi o Internacional quem marcou aos 24 minutos. Guerrero finalizou da entrada da área, a bola desviou em Juanfran e quase enganou Tiago Volpi. O goleiro deu rebote e Guilherme Parede chegou finalizando de primeira para o fundo das redes.

No último lance do jogo, Marcelo Lomba quase conseguiu o empate para o Internacional. Após cobrança de escanteio, o goleiro ganhou da marcação e cabeceou perto do travessão.

corinthians avaí

Corinthians vence Avaí e cola no São Paulo na briga pelo G-4

Com uma vitória construída de ponta a ponta, o Corinthians venceu o Avaí por 3 a 0, na noite desta quarta-feira (27), e encostou no São Paulo na briga pela vaga direta na Copa Libertadores via Campeonato Brasileiro.

O Corinthians chegou aos 53 pontos com a vitória, apenas um abaixo do São Paulo. Apenas as quatro primeiras equipes colocadas, com exceção de Flamengo e Athletico Paranaense, garantem vaga na fase de grupos da Copa Libertadores.

Já o Avaí garantiu que irá terminar o Brasileiro na lanterna, visto que a equipe tem 18 pontos e a Chapecoense já registra 28.

O duelo válido pela 35ª rodada foi realizado na Arena Corinthians, em São Paulo.

Gustavo, Júnior Urso e Boselli marcaram os gols do Corinthians.

PRÓXIMOS JOGOS

As equipes voltam a campo no próximo domingo (1), pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O Avaí recebe o Fluminense na Ressacada, às 16h.

Enquanto o Corinthians viaja até Belo Horizonte para encarar o Atlético Mineiro no Independência, às 18h.

O JOGO

A primeira chance de perigo do jogo foi do Avaí no primeiro minuto da partida. Caio Paulista roubou bola no campo de ataque e finalizou cruzado para boa defesa de Cássio.

Caio Paulista apareceu novamente aos quatro minutos. O atacante foi lançado e finalizou firme da entrada da área para Cássio espalmar.

O Corinthians conseguiu levar perigo aos 14 minutos. Pedrinho recebeu na direita, cortou para o meio e finalizou perto do poste direito.

O Avaí respondeu aos 16 minutos. Após cobrança de falta da intermediária, Richard Franco apareceu sozinho na área e cabeceou perto do poste esquerdo.

Mas aos 21 minutos, quem abriu o placar foi o Corinthians. Clayson cobrou escanteio da esquerda na cabeça de Gustavo, que escorou firme para balançar as redes.

Aos 29 minutos, nova chance do Corinthians. Clayson aproveitou sobra da entrada da área e finalizou firme perto do travessão.

O Corinthians seguiu na pressão e quase ampliou o placar aos 32 minutos. Gustavo lançou Janderson na área e o atacante finalizou rasteiro para boa defesa de Vladimir.

Logo aos dois minutos do segundo tempo o Corinthians conseguiu ampliar o marcador. Gabriel roubou bola no ataque e lançou Pedrinho. O meia encontrou Gustavo, que aguardou a passagem de Júnior Urso para rolar para o volante bater de primeira e balançar as redes.

Júnior Urso apareceu novamente aos 11 minutos. Da intermediária, o volante arriscou o chute e Vladimir fez bela defesa. A bola sobrou para Janderson, mas o atacante finalizou por cima do gol.

Nova chance para o Corinthians aos 32 minutos. Gustavo fez o pivô para Jadson que bateu colocado no poste direito.

Só que aos 41 minutos, o Corinthians chegou ao seu terceiro gol. Fagner cruzou da direita na medida para Boselli. O argentino finalizou de peito no contrapé de Vladimir para marcar um belo gol.

corinthians botafogo campeonato brasileiro

Corinthians perde para o Botafogo, que se distancia da ZR do Campeonato Brasileiro

O Botafogo venceu o Corinthians por 1 a 0 e abriu quatro pontos de vantagem para o rival Fluminense, primeiro time a integrar a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. O duelo deste domingo (24), válido pela 34ª rodada, foi realizado no estádio Nilton Santos e definido com o gol do atacante Diego Souza.

Os 22.548 presentes viram o gol sair aos 18 minutos, apesar do Corinthians estar melhor na partida. Fernando cruzou da direita e Alex Santana errou o domínio, mas a bola sobrou para Diego bater firme, na saída de Cássio, e balançar as redes.

Os paulistas tentaram reagir, mas abusou da bola aérea. Foram mais de 30 vezes que o time, comandado por Coelho, tentou alçar a bola na área do Botafogo. Além disso, foram 10 finalizações.

CORINTHIANS ESTACIONA

Com o resultado, o Corinthians permanece com 50 pontos e fica na oitava posição. Do outro lado, o Botafogo chega aos 39 pontos e sobe para a 14ª posição.

Os dois times voltam a campo na próxima quarta-feira (27). Às 19h30, o Botafogo visita a Chapecoense na Arena Condá, em Santa Catarina. Já às 21h30, o Corinthians recebe o Avaí em Itaquera.

GOIÁS BATE O BAHIA

Jogadores do Goiás comemoram o gol de Rafael Moura. (Divulgação / Goiás)

Mais cedo, o Goiás venceu o Bahia por 4 a 3 e os times ocupam a nona e décima posição, respectivamente.

Rafael Moura, Michael, Marcelo Hermes e Marlone marcaram pelo Goiás, enquanto Gilberto, João Pedro e Fernandão anotaram os gols baianos.

Com o resultado, o Esmeraldino chega aos 46 pontos – quatro a menos que o Corinthians – e ainda sonha com uma vaga na Libertadores do ano que vem. O clube goiano ultrapassou o próprio Bahia,

Corinthians - Internacional - Campeonato Brasileiro

Corinthians e Internacional empatam em duelo direto pela Libertadores

Em jogo direto por vaga na Copa Libertadores da América do próximo ano, Corinthians e Internacional não saíram do 0 a 0, na noite deste domingo (17).

O duelo válido pela 33ª rodada foi realizado na Arena Corinthians, em São Paulo.

O empate mantém as duas equipes com 50 pontos, mas o Internacional tem mais vitórias que o Corinthians (14 a 12) e por isso fecha a zona de classificação para a Copa Libertadores da América.

PRÓXIMOS JOGOS

As equipes voltam a campo no próximo domingo (24), pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O Corinthians viaja até o Rio de Janeiro para encarar o Botafogo no Engenhão, às 16h.

Enquanto o Internacional recebe o Fortaleza no Beira-Rio, às 19h.

O JOGO

A primeira chance de gol do jogo foi do Internacional aos 17 minutos. Willian Pottker avançou e arriscou a intermediária para bela defesa de Cássio.

O Internacional teve nova chance aos 25 minutos. D’Alessandro recebeu na área e finalizou firme para defesa sem rebote de Cássio.

A pressão do Internacional seguiu aos 31 minutos. Marcelo Lomba lançou do campo de defesa, Rafael Sóbis ajeitou para Patrick e o volante chegou finalizando de primeira perto do travessão.

O internacional teve a primeira chance do segundo tempo. Willian Pottker foi lançado na área e finalizou na rede pelo lado de fora.

O Corinthians respondeu aos oito minutos. Clayson fez boa jogada pela esquerda e rolou para Júnior Urso. O volante chegou batendo de primeira e quase acertou o poste direito.

Nova chance do Internacional aos dez minutos. Willian Pottker foi lançado e invadiu a área, mas na hora da finalização foi travado por Fagner.

O Corinthians teve nova oportunidade aos 24 minutos. Após a defesa do Internacional afastar mal, Boselli invadiu a área e finalizou cruzado para bela defesa de Marcelo Lomba.

Aos 30 minutos, o Internacional criou boa chance. Nico López recebeu na esquerda e cruzou na medida para Guerrero, que cabeceou firme perto do travessão.

O Corinthians assustou novamente aos 38 minutos. Sornoza recebeu na entrada da área e finalizou para Marcelo Lomba espalmar.

No último lance do jogo, o Corinthians quase fez o gol da vitória. Clayson cruzou no segundo poste e Gustavo cabeceou perto do poste direito.

tiago nunes corinthians técnico

Corinthians anuncia Tiago Nunes oficialmente e técnico assume em 2020

O Corinthians oficializou a contratação do técnico Tiago Nunes nesta quinta-feira (7). A negociação já tinha sido noticiada desde a segunda-feira (4), mas só foi confirmada agora. Ontem (6), em entrevista coletiva em Curitiba, Tiago negou o acerto com o clube paulista.

Como foi antecipado, Tiago acertou vínculo de janeiro à dezembro de 2020, quando termina o mandado do presidente Andrés Sánchez. Enquanto isso, Dyogo Coelho será o treinador interino do Corinthians – foi ele quem comandou o time na vitória por 3 a 2 sobre o Fortaleza ontem.

Com 48 pontos, o time paulista é o sexto colocado do Campeonato Brasileiro e luta por uma vaga na Libertadores do ano que vem.

O primeiro post foi uma imagem de um cartão de embarque, que continha os títulos da Libertadores e Mundial. As iniciais TN deveriam embarcar de Curitiba para São Paulo.

Depois que uma torcedora respondeu, o clube postou a foto do técnico.

“A Fiel pede e o estagiário faz um corre para atender. ELE CHEGOU! Tiago Nunes será o comandante do Timão na temporada 2020”.

A ERA TIAGO NUNES NO ATHLETICO

Com 39 anos, Tiago Nunes rodou por vários times menores e chegou ao Athletico em 2017. Nasceu em Santa Maria, no Rio Grande do Sul, onde está descansando com a família antes de assumir o Corinthians.

Ele assumiu a equipe alternativa do Athletico em 2018, depois de ter comandado o time sub-19. Conquistou o título Paranaense do ano passado enquanto o time principal era treinado por Fernando Diniz. Contudo, o atual comandante do São Paulo foi demitido durante a parada da Copa do Mundo.

Foi aí que Tiago assumiu o time principal. Ao todo, foram 104 jogos: 54 vitórias, 25 empates e 25 derrotas, ou seja, um aproveitamento de 59,93%.

Em pouco mais de um ano, Tiago Nunes superou qualquer outro treinador da história do clube.

Além do título estadual, ele conquistou a Copa do Brasil e a Copa Sul-Americana 2018. Por fim, também ergueu a taça da Levain Cup no Japão.

O treinador conquistou uma Sul-America e uma Copa do Brasil pelo Athletico.(Geraldo Bubniak /AGB)
Corinthians - Fortaleza - Campeonato Brasileiro

Corinthians vence Fortaleza na estreia de Coelho como técnico

Em duelo movimentado, o Corinthians venceu o Fortaleza por 3 a 2, na noite desta quarta-feira (6), e coroou com vitória a estreia de Dyego Coelho no comando técnico da equipe no Campeonato Brasileiro.

O duelo válido pela 31ª rodada do Brasileirão foi realizado na Arena da Corinthians, em São Paulo.

Boselli (duas vezes) e Júnior Urso marcaram os gols do Corinthians, enquanto Romarinho e Kieza anotaram os tentos do Fortaleza.

Com a vitória, o Corinthians chega aos 48 pontos e seca o Internacional para se manter no G-6 do Brasileirão.

Já o Fortaleza fica momentaneamente na 13ª posição, mas uma combinação de resultados pode deixar a equipe apenas dois pontos acima da zona de rebaixamento.

PRÓXIMOS JOGOS

As equipes voltam a campo neste final de semana pela 32ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O Corinthians tem o Dérbi contra o Palmeiras no Allianz Parque, neste sábado (9) às 19h.

O Fortaleza também enfrenta seu maior rival na rodada, recebendo o Ceará no Castelão, neste domingo (10), às 19h.

O JOGO

O duelo começou movimentado, mas primeira chance clara foi do Fortaleza aos 31 minutos. Osvaldo lança Bruno Melo na esquerda e o meia cruza para trás. Romarinho faz o domínio e finaliza cruzado para abrir o placar.

Mas o Corinthians respondeu três minutos depois. Pedrinho avançou pela direita e tentou o chute cruzado. A bola saiu torta, mas caiu exatamente aonde Boselli estava. O atacante apenas tocou a bola para vencer Felipe Alves e empatar o jogo.

Pedrinho apareceu novamente aos 39 minutos. Após bola rebatida na entrada da área, o meia emendou de primeira e exigiu boa defesa de Felipe Alves.

Logo aos dois minutos do segundo tempo, o Corinthians buscou a virada do placar. Pedrinho lançou Janderson na esquerda e o atacante cruzou na medida para Júnior Urso finalizar no fundo das redes.

O Fortaleza respondeu aos três minutos. Osvaldo foi lançado na área e finalizou cruzado para bela defesa de Walter.

Mas aos seis minutos o Fortaleza foi buscar o empate. Romarinho bateu de fora da área, a bola desviou e Walter conseguiu espalmar. O rebote ficou com Bruno Melo que cruzou no segundo poste para Kieza cabecear para o fundo das redes.

O Fortaleza ainda teve um gol anulado aos 13 minutos. Juninho bateu falta na marca do pênalti e Kieza cabeceou para o fundo das redes. Mas a arbitragem de campo e o VAR assinalaram impedimento na jogada.

Walter teve que trabalhar novamente aos 18 minutos. Felipe recebeu na entrada da área e finalizou rasteiro para bela defesa do goleiro.

Só que aos 26 minutos, quem marcou foi o Corinthians. Clayson recebeu na esquerda e cruzou para Boselli. O atacante ganhou da marcação e cabeceou firme. A bola bateu no travessão e quicou dentro do gol de Felipe Alves.

O Corinthians ainda teve a chance de matar o jogo aos 47 minutos. Pedrinho conseguiu roubar bola na grande área, mas na saída de Felipe Alves, o meia exagerou na força e mandou a bola muito longe do gol.

corinthians fortaleza brasileirao

Sem Cássio e Fagner, Corinthians encara Fortaleza para reagir no Brasileirão

Corinthians e Fortaleza se enfrentam nesta quarta-feira (6), às 19h30, pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro. O duelo acontece na Arena Corinthians, em São Paulo – saiba onde assistir, as prováveis escalações e tudo sobre o jogo.

A partida será exibida apenas pelo Premiere (pay-per-view).

TIMÃO QUERENDO REAGIR E LEÃO EM BOM MOMENTO

Depois da demissão de Fábio Carille no último domingo, o Corinthians está perto de fazer o anúncio oficial de Tiago Nunes como técnico para 2020. Contudo, quem comanda o time nesta noite é Dyego Coelho, ex-jogador do clube.

Na tabela, o Timão precisa reagir no Campeonato Brasileiro. São oito jogos sem vitória, mas o time ainda é o oitavo lugar com 45 pontos.

Para voltar ao G6, zona de classificação à Libertadores, o clube precisa vencer o Fortaleza e torcer para tropeços de Athletico-PR e Internacional. O Furacão recebe o Cruzeiro na Arena da Baixada, enquanto o Colorado visita o Ceará no Castelão.

Do outro lado, o Fortaleza está na 12ª colocação com 36 pontos, cinco acima da zona de rebaixamento. Com duas vitórias e dois empates nos últimos quatro jogos, o time comandado por Rogério Ceni quer aumentar a série sem derrotas.

PROVÁVEIS ESCALAÇÕES

Autor de um dos gols contra o Cruzeiro, Fagner está fora do confronto contra o Fortaleza. (Anderson Lira/Brazil Photo Press/Folhapress)

Para a partida, o Corinthians conta com uma série de desfalques. O goleiro Cássio e o lateral Fágner, machucados, estão vetados pelo departamento médico. Na mesma situação, os atacantes Vagner Love e Everaldo também ficam de fora.

Com isso, Walter, Michel e Boselli devem começar jogando. Porém, Coelho deve fazer outras alterações. Ralf deve perder espaço para a entrada de Gabriel e Janderson fará uma trica ao lado de Mateus Vital e Pedrinho.

Com isso, a provável escalação é: Walter; Michel, Bruno Méndez, Gil e Danilo Avelar; Gabriel e Júnior Urso; Pedrinho, Mateus Vital e Janderson; Boselli.

Pelo lado do Fortaleza, o técnico Rogério Ceni tem a ausência de André Luís. O atacante não pode entrar em campo por questão contratual, já que pertence ao Corinthians. Por outro lado, o meia Edinho retorna ao time titular.

Com isso, a provável escalação é: Felipe Alves; Gabriel Dias, Quintero, Jackson e Carlinhos; Gabriel e Júnior Urso; Felipe, Juninho e Edinho; Romarinho, Osvaldo e Wellington Paulista.

CORINTHIANS x FORTALEZA

31ª rodada do Campeonato Brasileiro

Data, hora e local: 6 de novembro de 2019, às 19h30, na Arena Corinthians.

Onde assistir: Premiere, com narração de Milton Leite e comentários de Ricardinho.

Corinthians: Walter; Michel, Bruno Méndez, Gil e Danilo Avelar; Gabriel e Júnior Urso; Pedrinho, Mateus Vital e Janderson; Boselli. Técnico: Coelho.

Fortaleza: Felipe Alves; Gabriel Dias, Quintero, Jackson e Carlinhos; Gabriel e Júnior Urso; Felipe, Juninho e Edinho; Romarinho, Osvaldo e Wellington Paulista. Técnico: Rogério Ceni.

Arbitragem: Caio Max Augusto Vieira apita a partida. Ele será auxiliado por Alessandro Alvaro Rocha de Matos e Jean Marcio dos Santos. Por fim, o responsável pelo VAR será Adriano Milczviski.

tiago nunes corinthians athletico

Tiago Nunes nega acerto com o Corinthians e lamenta críticas do Athletico

O técnico Tiago Nunes negou o acerto com o Corinthians nesta quarta-feira (6). Em entrevista coletiva, realizada em um hotel de Curitiba,), o comandante de 39 anos também respondeu as alfinetadas que sofreu do Athletico-PR. Em nota, o clube disse que faltou gratidão por parte do treinador.

“Eu não irei trabalhar em nenhum clube em 2019, só a partir de 2020. Não chegou proposta alguma do Corinthians. Todas as especulações têm chegado ao meu agente. Por pedido meu, sempre evitei. Não conversei com nenhum dirigente ou representante do Corinthians ou de clube algum”, comentou.

Tiago confessou que teve cinco propostas para sair do Athletico – sendo uma de fora do país -, mas ressaltou que não analisou nenhuma delas. Ele vai viajar para o Rio Grande do Sul, onde moram seus pais. Só nesse período que ele vai definir seu futuro.

Contudo, mesmo com a negativa em público, a reportagem apurou que o Corinthians deve ficar com o treinador. A proposta está nas mãos do agente de Tiago e vale para 2020. Com isso, Dyego Coelho é quem termina o Campeonato Brasileiro no comando do Timão.

NOTA DO ATHLETICO

Vale lembrar que na reunião que Tiago teve com Mario Celso Petraglia, presidente rubro-negro, ele se colocou à disposição do Athletico para encerrar 2019. Entretanto, o homem-forte optou pelo desligamento imediato.

“Eu já esperava a nota naquele tom. Sei que não é um sentimento dos jogadores, da comissão e da maior parte do torcedor”, disse sobre a nota do clube.

Além disso, declarou que a posição da diretoria reflete sua vontade de não continuar. “Se existia tanto rancor, sentimento de ódio, não seria o momento de permanecer”, completou.

Tiago Nunes sai após 497 dias no Furacão: foram 54  vitórias, 24 empates e 26 derrotas, ou seja, um aproveitamento de 59,6%. Apesar disso, deixa três títulos inéditos: Copa do Brasil, Copa Sul-Americana 2018 e a Levain Cup, além do título estadual em 2018.

Além de Tiago, outros três profissionais também saem do Athletico. Os auxiliares Evandro Fornari e Kelly Guimarães, além do analista de desempenho Pedro Sotero. Contudo, ele negou que fez convite para qualquer um da comissão permanente do Furacão.

FIM DO CICLO

Tiago Nunes deixa o Athletico em quase 500 dias. (Ricardo Rímoli/Futura Press/Folhapress)

O tom de Tiago Nunes foi de um fim de ciclo. Após as conquistas e deixar o time no G6 do Campeonato Brasileiro, disse que precisa descansar antes de assumir um novo projeto.

“O que me move é o desafio. Penso que meu ciclo com o Athletico se encerra. O que vem a partir de agora, é quando vou sentar com o Luiz Paulo para ver o que temos e projetar 2020. Não pensei em nada. Só estou pensando em conseguir descansar”, revelou.

Por fim, ainda afirmo que sempre foi fiel ao Athletico. “Oportunidades vieram, financeiramente muito maiores, em clubes de muita tradição. E sempre fui muito leal ao presidente Petraglia. Eu vesti a camiseta do início ao fim, comprei o projeto e mobilizei as pessoas que estavam à minha volta”, finalizou.

ATHLETICO E CORINTHIANS EM CAMPO PELO BRASILEIRÃO

Tanto Athletico quanto o Corinthians entram em campo nesta quarta-feira (6), pela 31ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Às 19h30, o Timão, comandado por Coelho, recebe o Fortaleza em Itaquera.

A provável formação do Corinthians é: Walter; Michel, Bruno Méndez, Gil e Danilo Avelar; Gabriel e Júnior Urso; Pedrinho, Mateus Vital e Janderson; Boselli.

Já às 21h30, o Athletico encara o Cruzeiro na Arena da Baixada, em Curitiba. O técnico do Furacão será Eduardo Barros, chefe das categorias de base e auxiliar-técnico de Rafael Guanaes durante o título estadual desse ano.

O provável time para a partida é: Santos; Madson, Thiago Heleno, Léo Pereira e Márcio Azevedo; Wellington (Camacho), Bruno Guimarães e Thonny Anderson (Bruno Nazário); Nikão e Rony; Marco Ruben.

Petraglia - Athletico Paranaense - Corinthians - Tiago Nunes

Athletico alfineta Tiago Nunes e Corinthians: “Gratidão é a voz do coração”

O Athletico Paranaense se manifestou pela primeira vez sobre a demissão do técnico Tiago Nunes do comando técnico da equipe. Em nota divulgada na noite desta terça-feira (5), o Athletico alfinetou o ex-treinador e também o Corinthians, provável novo destino de Nunes.

“Nossa decepção maior foi da maneira que fomos tratados pelo Sport Club Corinthians Paulista. Sempre tivemos muito bom diálogo com sua presidência. Entretanto, neste caso, o Athletico não recebeu nenhum telefonema ou posição das intenções daquele clube. O que prevaleceu foi a força imbatível dos números”, discorre a nota.

Já para Nunes, o Athletico demonstrou no texto que o técnico teve ingratidão pelas oportunidades dadas ao profissional. “A memória é curta no futebol. Tiago Nunes esqueceu muito rápido que poucos meses atrás treinava o time Sub-19 do Furacão. Gratidão é a voz do coração”.

Com Eduardo Barros como técnico para o restante do Campeonato Brasileiro, o Athletico Paranaense entra em campo nesta quarta-feira (6), às 21h30, contra o Cruzeiro, na Arena da Baixada.

O Athletico Paranaense ocupa a sexta colocação na competição e já tem vaga garantida na Copa Libertadores da América de 2020.

Confira abaixo o pronunciamento do Athletico Paranaense:

O Club Athletico Paranaense informa que o técnico Tiago Nunes não permanecerá como treinador do Furacão em 2020.

Após longas conversas e o maior esforço já feito na história por parte do Athletico para a continuidade de um técnico no Clube, as negociações foram encerradas no dia de hoje (5) e o profissional não faz mais parte da instituição.

O técnico também convidou vários profissionais permanentes da comissão técnica. Alguns já informaram o desligamento nesta manhã.

O Athletico possui um projeto vencedor e de longo prazo, prezando sempre pela boa gestão e administração de seu patrimônio. Foi com esse pensamento que o Clube conseguiu conquistar feitos grandiosos nos últimos anos.

E não iremos parar por aqui. A ambição está em nosso DNA e seguiremos em busca de voos ainda mais altos. Maior que o orgulho das glórias do passado é a nossa vontade em continuar cravando o nosso nome na história do futebol, pois nosso projeto não depende apenas de nomes, mas de um conjunto de ações e ideias de vencedor.

Nossa decepção maior foi da maneira que fomos tratados pelo Sport Club Corinthians Paulista. Sempre tivemos muito bom diálogo com sua presidência. Entretanto, neste caso, o Athletico não recebeu nenhum telefonema ou posição das intenções daquele clube. O que prevaleceu foi a força imbatível dos números.

A memória é curta no futebol. Tiago Nunes esqueceu muito rápido que poucos meses atrás treinava o time Sub-19 do Furacão.

Gratidão é a voz do coração.