atletiba prejuizo coritiba coronavirus

Coritiba registra prejuízo superior a R$ 67 mil em Atletiba com portões fechados

O Coritiba teve um prejuízo superior a R$ 67 mil no clássico Atletiba, realizado no último domingo (15) pelo Campeonato Paranaense.

A partida foi feita com os portões fechados por determinação da Federação Paranaense de Futebol (FPF), diante do avanço da pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

Segundo o boletim financeiro divulgado pela Federação, o saldo negativo do Coxa, mandante da partida, foi de R$ 67.242,99. A maior despesa ficou por conta das operações do clube para abrir o estádio, que custaram R$ 58.845,39. Os demais gastos foram para o pagamento da arbitragem.

A determinação do fechamento dos portões não só para o Atletiba, mas também para todos os jogos da rodada, foi anunciada dois dias antes das partidas.

Até então, os ingressos para as torcidas do Coritiba e do Athletico estavam quase esgotadas.

Em campo, o Coritiba goleou o Athletico por 4 a 0 e terminou a fase do Paranaense na primeira colocação.

Já o Athletico caiu da liderança para a terceira posição. As quartas de final da competição ainda não têm datas para serem realizadas, devido a suspensão do campeonato anunciada no início da semana pela FPF.

campeonato paranaense federação

Federação suspende o Campeonato Paranaense por tempo indeterminado

O Campeonato Paranaense está suspenso por tempo indeterminado. O anúncio foi feito pela Federação Paranaense de Futebol na tarde desta segunda-feira (16), respeitando as orientações da CBF (Confederação Brasileira de Futebol) no combate ao coronavírus.

Além do Estadual no Paraná, os Campeonatos Paulista, Carioca, Mineiro e Gaúcho também já foram paralisados.

A última rodada da fase de grupo do Campeonato Paranaense aconteceu ontem (15). No maior clássico regional, o Coritiba goleou o Athletico Paranaense por 4 a 0 e conquistou a liderança da tabela, mas o estádio Couto Pereira teve portões fechados. Foi a primeira vez na história que o Atletiba foi disputado sem torcida.

Com o resultado, o Coxa enfrentaria o Paraná nas quartas de final. Enquanto isso, o Furacão teria o Londrina como adversário na próxima fase. Operário x Cianorte e FC Cascavel x Rio Branco são os outros confrontos de acordo com o regulamento do Estadual, sendo que os três últimos clubes garantiram vaga na Série D do Campeonato Brasileiro.

FUTEBOL PARA POR CAUSA DO CORONAVÍRUS

O futebol foi paralisado no mundo inteiro devido ao coronavírus. Na Europa, onde a doença já está em estágio mais avançado, as fronteiras foram fechadas por 30 dias. No âmbito esportivo, a UEFA suspendeu a Champions League e a Liga Europa, enquanto todas as ligas nacionais também foram interrompidas.

Na América do Sul, a FIFA confirmou o adiamento das Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022. O torneio iria começar no final deste mês, mas deve ser realizado apenas no final do semestre. Com isso, os jogos da seleção brasileira contra Bolívia e Peru, nos dias 27 e 31 de março, respectivamente, foram cancelados.

Por fim, a CBF já anunciou que suspendeu todas as competições de âmbito nacional. Ou seja, Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro estão paralisados.

Matheus Salles - Couto Pereira - Coritiba - Athletico Paranaense

Coritiba goleia Athletico Paranaense e fecha primeira fase do Paranaense como líder

Com um primeiro tempo arrasador, o Coritiba venceu o Athletico Paranaense por 4 a 0 na tarde deste domingo (15), encerrando a primeira fase do Campeonato Paranaense como líder.

Igor Jesus, Sabino, Matheus Salles (500° gol do Coritiba em Athletibas) e Rhodolfo marcaram os gols da vitória do Coritiba.

O duelo foi realizado em um Couto Pereira sem torcedores, após decisão da FPF (Federação Paranaense de Futebol) devido a pandemia de coronavírus. Esse foi o primeiro Athletiba disputado sem a presença de público.

O Coritiba irá encarar um novo clássico nas quartas de final do Paranaense, encontrando o Paraná Clube. No primeiro turno, a equipe alviverde venceu o rival por 1 a 0, em duelo realizado na Vila Capanema.

Já o Athletico terá pela frente o Londrina, equipe que venceu por 4 a 1 na Arena da Baixada na terceira rodada do Paranaense.

FC Cascavel contra Rio Branco e Operário contra o Cianorte fecham os confrontos das quartas de final do Campeonato Paranaense. PSTC e União Beltrão foram rebaixados.

NO AGUARDO DA FPF

A CBF confirmou neste domingo que irá paralisar todas as suas competições por tempo indeterminado, como forma de tentar evitar a concentração de pessoas e assim diminuir o contágio do coronavírus.

Mas a CBF deixou a cargo das federações estaduais a escolha da manutenção dos jogos. A tendência é que nesta segunda-feira (16) a FPF se reúna com os clubes e defina se o Paranaense será paralisado.

SEM PÚBLICO, MAS COM GOLEADA

Couto Pereira - Coritiba - Athletico Paranaense
Couto Pereira sem torcedores para evitar aglomeração e o contágio do coronavírus. (Geraldo Bubniak/AGB)

O Athletico Paranaense iniciou melhor a partida e criou duas boas chances no primeiros seis minutos. Alex Muralha evitou por duas vezes o gol aos cinco minutos, quando Khellven chutou de primeira na área e o goleiro espalmou, espalmando também a finalização de rebote de Reinaldo.

Já aos seis minutos, Reinaldo invadiu a área pela esquerda e finalizou firme, mas Alex Muralha conseguiu desviar a bola que ainda resvalou no travessão.

Mas aos dez minutos, Igor Jesus abriu o placar no Couto Pereira. Sabino lançou o atacante do campo de defesa, a dupla de zagueiros do Athletico não conseguiu fazer o corte e Igor finalizou rasteiro e Gabriel aceitou o chute.

Aos 19 minutos, Gabriel espalmou finalização de Igor Jesus. Na cobrança de escanteio, Rafinha cobrou no meio da área e Sabino testou firme para o chão e o goleiro novamente aceitou a finalização.

Ainda deu tempo de Matheus Salles marcar um belo gol aos 45 minutos. O volante recebeu na entrada da área e pegou muito forte na bola, sem dar chance para Gabriel.

O Coritiba seguiu comandando as ações na segunda etapa e Thiago Lopes quase fez um gol sem querer aos 11 minutos. Após lançamento da defesa, a bola acertou a chuteira do meia e foi em direção ao gol, mas Gabriel conseguiu defender em dois tempos.

Aos 15 minutos, foi a vez de Rafinha criar chance de perigo. O meia avançou pelo centro e da entrada da área e finalizou cruzado, com a bola passando rente do poste esquerdo.

Só que ainda faltava a “lei do ex” ser cumprida no Couto Pereira. Em seu primeiro Atletiba como jogador do Coritiba, Rhodolfo aproveitou rebote de uma cabeçada de Sabino na área e finalizou quase dentro do gol.

Briga entre torcidas organizadas do Athletico e do Coritiba em São José dos Pinhais

Torcidas organizadas do Athletico e do Coritiba brigam em São José dos Pinhais

Diversos membros de duas torcidas organizadas do Athletico Paranaense e do Coritiba brigaram no Bairro Cidade Jardim em São José dos Pinhais, região metropolitana de Curitiba, na manhã deste domingo (15).

Um torcedor do Coritiba chegou a ser atendido pelo SIATE, após ser ferido superficialmente na mão e na cabeça por uma arma branca.

Segundo o coordenador do turno da Guarda Municipal de São José dos Pinhais, Ediomar Cardoso, cerca de 50 membros de uma torcida organizada do Coritiba faziam um churrasco na região e entraram em conflito com os torcedores do Athletico que passaram na frente da residência.

“Para evitar novas ocorrências, nós fizemos a escolta desses torcedores até o Terminal Central de São José dos Pinhais e aguardamos até às 13 horas quando eles embarcaram no ônibus”, concluiu Ediomar.

Coritiba e Athletico se enfrentam neste domingo no Couto Pereira, em duelo que não irá contar com a presença de público no estádio, após determinação da FPF (Federação Paranaense de Futebol) para tentar diminuir a disseminação do coronavírus.

Veja abaixo vídeo com a briga entre os torcedores:

Athletiba do próximo domingo será realizado com portões fechados no Couto Pereira

FPF confirma Athletiba com portões fechados no Couto Pereira

Atendendo recomendação do Ministério da Saúde em não realizar eventos de massa devido a pandemia de coronavírus, a FPF (Federação Paranaense de Futebol) confirmou nesta sexta-feira (13) que o clássico entre Coritiba e Athletico Paranaense será realizado com portões fechados no Couto Pereira neste domingo (15).

Além do Athletiba, todas as outras partidas da 11ª rodada do Campeonato Paranaense também serão realizados com os portões fechados.

Em pronunciamento assinado pelo presidente da FPF, Hélio Pereira Cury, a Federação pontuou que a saúde das pessoas envolvidas e o combate ao risco de propagação da doença são os fatores que devem ser levados em consideração.

Mais cedo nesta sexta-feira (13), o Athletico Paranaense já havia se posicionado contra a realização da partida. Em nota, a equipe afirmou que lamentava a manutenção da partida com portões abertos e que recomendava aos torcedores athleticanos que não comparecessem ao Couto Pereira.

Além disso, o Athletico se colocou a disposição para devolver o dinheiro aos torcedores que já haviam comprado ingressos para o clássico. Neste sábado (14) o atendimento será realizado das 10h às 18h.

O Coritiba confirmou que o reembolso para os torcedores que já compraram as entradas será feito neste sábado, das 10h às 17h, na bilheteria do Couto Pereira. Caso os ingressos tenham sido comprados pela internet é possível pedir o cancelamento e o estorno pelo site ingressos.coritiba.com.br.

O Athletiba deste domingo provavelmente irá decidir o líder da primeira fase do Paranaense, que terá vantagem do mando de campo durante as fases mata-mata da competição.

athletico coritiba clássico federação torcida ingressos

Athletico Paranaense critica Federação por manter clássico contra o Coritiba

O Athletico Paranaense emitiu uma nota nesta sexta-feira (13) criticando a decisão da FPF (Federação Paranaense de Futebol) em manter o clássico contra o Coritiba. O duelo, que encerra a fase de grupo do Campeonato Paranaense, está marcado para o próximo domingo (15), às 16h, no estádio Couto Pereira.

“A orientação do Ministério da Saúde é de que grandes eventos sejam cancelados ou adiados. O clássico está mantido como se estivéssemos vivendo dias de normalidade!”, argumenta. Ontem (12), a FPF confirmou a manutenção de todos os jogos neste final de semana.

Além disso, o Athletico recomendou aos seus torcedores para que não compareçam ao jogo “devido ao risco de contaminação e disseminação da doença”.

Para incentivar a ausência da própria torcida, o clube ainda anunciou que os torcedores podem comparecer às bilheterias da Arena da Baixada e solicitar o reembolso do valor.

As bilheterias estarão abertas nesta sexta-feira (13) e neste sábado (14), das 10h às 18h.

O Athletico lidera o Estadual com 22 pontos, um a mais que o Coritiba. Ou seja, a vitória alviverde no Atletiba dará a liderança – e a vantagem no mata-mata do Estadual – ao clube do Alto da Glória enquanto o Furacão se garante no topo da tabela com o empate.

CORONAVÍRUS NO PARANÁ

O Paraná é o terceiro estado com maior número de casos confirmados no Brasil. Segundo o Ministério da Saúde, são seis casos confirmados da doença, sendo cinco em Curitiba e um em Cianorte.

Um novo boletim divulgado na tarde desta sexta-feira (13) pela Sesa (Secretaria de Estado da Saúde) aponta 18 novos casos suspeitos do coronavírus no Paraná. Assim, as investigações em andamento para possíveis infecções pelo Covid-19 chegam a 72. Destes, 31 estão em Curitiba.

CASOS INVESTIGADOS

  • Curitiba: 31
  • Londrina: 9
  • Ponta Grossa: 8
  • Maringá: 6
  • Foz do Iguaçu: 5
  • Cascavel: 5
  • Cianorte: 2
  • São José dos Pinhais: 1
  • Guarapuava: 1
  • Turvo: 1
  • Umuarama: 1
  • Apucarana: 1
  • Santo Antônio do Paraíso: 1
coritiba pstc paranaense

Coritiba vence PSTC no sufoco e segue na briga pela liderança do Paranaense

Coritiba derrotou o PSTC por 1 a 0 neste domingo (8) e segue na luta pela liderança do Campeonato Paranaense 2020. O gol foi anotado pelo atacante Wellissol, que saiu do banco de reservas e precisou de 15 minutos em campo para marcar.

O duelo, válido pela décima rodada, foi realizado no estádio Ubirajara Medeiros, em Cornélio Procópio. 1.371 pessoas
acompanharam a partida, que teve uma renda de R$ 18.435,00.

Caso o Coxa tivesse tropeçado, não teria mais chances de ultrapassar o Athletico Paranaense. Contudo, agora a diferença é de apenas um ponto e a última rodada será marcada pelo clássico entre os rivais.

O jogo foi ruim tecnicamente, mas os visitantes marcaram após jogada de bola parada aos 31 minutos do segundo tempo. Patrick Vieira cobrou escanteio e Wellisol testou firme para anotar seu primeiro gol com a camisa coxa-branca.

TABELA DO PARANAENSE

Com o resultado, o Coritiba segue no segundo lugar da tabela com 21 pontos, um a menos que o Athletico-PR. Além disso, o FC Cascavel, que enfrenta o Londrina às 18h, tem 17 pontos e também pode ultrapassar o Alviverde.

Do outro lado, o PSTC permanece na 11ª posição, na zona do rebaixamento, com apenas cinco pontos. O time comandado por Reginaldo Vital precisa vencer – e torcer para um tropeço do Toledo – para seguir na Primeira Divisão do Estadual.

O Coritiba se prepara agora para o clássico contra o Athletico Paranaense. O clássico Atletiba está marcado para o próximo domingo (15), às 16h, no Couto Pereira.

No mesmo dia e horário, o PSTC recebe o Cascavel CR no estádio Ubirajara Medeiros.

COXA MELHORA NO SEGUNDO TEMPO

Igor Jesus teve uma atuação ruim com a camisa coxa-branca. (Divulgação / Coritiba)

O primeiro tempo foi marcado pela dificuldade das duas equipes em criar boas chances. O atacante Grafite, do PSTC, foi quem mais buscou jogo e arrematou duas vezes, mas a bola foi nas mãos de Alex Muralha. Do lado alviverde, o melhor momento no campo ofensivo foi uma jogada pelo lado esquerdo. Igor Jesus recebeu na área e girou, mas errou o passe para Rafinha finalizar com o gol livre.

Na etapa final, o técnico Eduardo Barroca fez substituição dupla aos 19 minutos. Sabino e Wellisol entraram nos lugares de Rafael Lima e Wanderley. Dois minutos depois, Sabino arriscou de longe e assustou o goleiro Yuri. Em resposta, Grafite passou pela marcação e bateu por cima.

Contudo, o Coxa chegou ao gol aos 31 minutos, na bola parada. Patrick Vieira cobrou o escanteio na área e Wellissol completou para o fundo das redes. Depois disso, o PSTC se lançou ao ataque e abriu mais espaços, mas o Coritiba desperdiçou as oportunidades de ampliar.

coritiba pstc onde assistir paranaense

Coritiba enfrenta o PSTC fora de casa; veja a escalação e onde assistir

O Coritiba encara o PSTC, fora de casa, pela décima rodada do Campeonato Paranaense. O duelo está marcado para às 16h deste domingo (8). Confira a escalação e onde assistir!

O jogo será transmitido, com exclusividade, pelo DAZN.

COXA NO TOPO DA TABELA

O Coritiba é o segundo colocado do Paranaense 2020 com 18 pontos, quatro a menos que o Athletico-PR. Ou seja, o time precisa vencer para encostar no rival. Contudo, o triunfo será importante para o time alviverde não correr riscos de ser ultrapassado pelo FC Cascavel, que recebe o Londrina às 19h.

Do outro lado, o PSTC é o vice-lanterna do torneio regional com cinco pontos conquistados. Até agora, o time de Cornélio Procópio só venceu uma vez nas nove rodadas, mas pode sair da zona de rebaixamento caso vença hoje e o Toledo tropece contra o Operário.

Em relação ao time titular, a principal novidade alviverde é a volta do experiente meia Rafinha, que cumpriu suspensão na última rodada.

PSTC x CORITIBA

Data, hora e local: domingo (8/3), às 16h, no estádio Ubirajara Medeiros, em Cornélio Procópio.

Onde assistir: DAZN.

PSTC: Yuri; Everaldo, Barbosa, Igor e Hurtado; Lourenço e Emerson; Gerônimo, Wallace e Grafite; Gian Luca. Técnico: Reginaldo Vital

Coritiba: Alex Muralha; Patrick Vieira, Rafael Lima, Rhodolfo e William Matheus; Matheus Sales e Nathan Silva; Giovanni Augusto e Rafinha; Igor Jesus e Wanderley. Técnico: Eduardo Barroca.

Arbitragem: Felipe Gomes da Silva será auxiliado por Leandro Polli Glucoski e Flavio Augusto Alves.

Coritiba - Toledo - Campeonato Paranaense

Coritiba busca empate contra o Toledo, mas pode perder liderança do Paranaense

Em jogo fraco tecnicamente, o Coritiba buscou o empate em 1 a 1 com o Toledo na noite deste sábado (29), colocando em risco a manutenção da liderança do Campeonato Paranaense.

O duelo válido pela nona rodada do Campeonato Paranaense foi realizado no 14 de Dezembro, em Toledo.

Lucas Vieira abriu o placar para o Toledo, enquanto Rhodolfo empatou para o Coritiba.

Com o empate, o Coritiba chegou aos 18 pontos e pode perder a liderança do Campeonato Paranaense neste domingo (29). O FC Cascavel pode assumir o posto se vencer o Cianorte, enquanto o vencedor do duelo entre Athletico Paranaense e Operário também tem condições de ultrapassar a equipe alviverde.

Já o Toledo fica estacionado na décima posição com seis pontos e pode terminar a rodada na lanterna, caso o União Beltrão vença o Cascavel C.R. e o PSTC bata o Rio Branco.

PRÓXIMOS JOGOS

As equipes voltam a campo no próximo domingo (8) pela décima rodada do Campeonato Paranaense.

O Coritiba viaja para Cornélio Procópio para encarar o PSTC, no Ubirajara Medeiros, às 16h.

Já o Toledo encara o Operário em Ponta Grossa, no Germano Krüger, às 16h.

JOGO MORNO EM TOLEDO

A primeira chance da partida foi do Toledo logo no minuto inicial. Juninho cobrou falta da intermediária com efeito, a bola quicou no gramado e quase acertou o poste esquerdo.

O Coritiba respondeu também com a bola parada. Thiago Lopes cobrou escanteio no primeiro poste e Wellissol escorou por cima da meta.

O Toledo voltou a levar perigo aos 15 minutos. Após cobrança de escanteio da esquerda, Alex Muralha afastou de soco, mas a bola sobrou para Mineiro. O volante tentou cruzar e a bola foi fechada, acertando a rede acima do gol.

Thiago Lopes apareceu novamente aos 21 minutos. O meia arriscou falta direta para a meta e Diego caiu para fazer a defesa sem dar rebote.

Só que aos 23 minutos, Juninho cobrou lateral direto na área e Rhodolfo agarrou Lucas Vieira. Pênalti para o Toledo, que o próprio Lucas Vieira bateu firme no centro do gol para abrir o placar.

Aos 34 minutos, o Coritiba se aproximou do empate. Rafael Lima arriscou finalização da intermediária e a bola passou rasante ao travessão.

A pressão do Coritiba continuou e a equipe quase empatou o jogo aos 36 minutos. Matheus Galdezani encontrou Wellissol na entrada da área e o meia finalizou travado, mas a bola passou raspando o poste direito.

Na cobrança de escanteio, Thiago Lopes mandou no meio da área e Igor Jesus escorou a bola perto do travessão de Diego.

Igor Jesus ficou novamente perto de marcar aos 45 minutos. Robson avançou pela esquerda e cruzou na medida para o atacante cabecear, mas Diego foi buscar e espalmou a bola.

Logo no primeiro minuto do segundo tempo, Diego teve que aparecer para salvar o Toledo. Kazu avançou pela esquerda e tentou a finalização no primeiro poste, mas o goleiro fechou o ângulo e fez a defesa fácil.

A resposta do Toledo veio no minuto seguinte. Mineiro desarmou Thiago Lopes e avançou até a intermediária, antes de finalizar firme e obrigar Alex Muralha a voar e espalmar com a mão direita.

Novamente o chute de média distância do Toledo assustou Alex Muralha. Jeferson Prill recebeu na entrada da área e finalizou prensado, mas a bola foi perto do poste esquerdo.

Aos 17 minutos, Diego mais uma vez venceu o duelo contra Igor Jesus. Giovanni Augusto fez bom cruzamento da esquerda e o atacante pegou firme de cabeça e o goleiro caiu no canto direito e fez firme defesa.

Quando a partida já demonstrava caminhar para a vitória do Toledo, Giovanni Augusto cobrou escanteio da esquerda e Rhodolfo ganhou pelo alto para escorar firme no canto direito e empatar o jogo aos 32 minutos.

O Coritiba ficou perto da virada aos 39 minutos. Giovanni Augusto cobrou rasteiro falta da intermediária, a bola passou pela barreira e acertou o poste esquerdo.

No contra-ataque, o Toledo quase marcou seu segundo gol aos 44 minutos. Andrezinho rolou para André Bala na área, mas o atacante pegou mal na bola e mandou o chute à esquerda da meta.

Ainda deu tempo de Igor Jesus novamente perder boa chance de gol. Após cruzamento da direita de Robson, o atacante se antecipou a marcação, mas cabeceou por cima da meta.

No último minuto da partida, Dudu lançou PH, que cortou Rhodolfo e finalizou firme para Alex Muralha fazer grande defesa e salvar o Coritiba.

Rafinha - Coritiba - Cianorte - Campeonato Paranaense

Coritiba vence Cianorte e assume liderança provisória do Paranaense

Com uma grande atuação de Rafinha abaixo de forte chuva, o Coritiba bateu sem dificuldades o Cianorte por 2 a 0 na noite desta sexta-feira (21), reassumindo a liderança do Campeonato Paranaense de forma provisória.

O duelo válido pela oitava rodada do Campeonato Paranaense foi realizado no Couto Pereira, em Curitiba.

Rafinha e Robson marcaram os gols da vitória do Coritiba.

O Coritiba chegou aos 17 pontos e precisa agora torcer por ao menos um empate do FC Cascavel contra o Toledo neste sábado (22).

Já o Cianorte chegou ao quarto jogo sem vencer e com isso corre risco de ser ultrapassado pelo Cascavel C.R. e cair para a nona posição do Paranaense. A equipe do oeste do Paraná viaja para encarar o Athletico Paranaense neste sábado (22).

PRÓXIMOS JOGOS

As equipes voltam a campo no próximo final de semana pela nona rodada do Campeonato Paranaense.

O Coritiba viaja para encarar o Toledo, no 14 de Dezembro, no próximo sábado (29), às 20h.

Já o Cianorte recebe o FC Cascavel no Albino Turbay, no próximo domingo (01), às 16h.

RAFINHA BRILHA DEBAIXO D’ÁGUA

Rafinha - Coritiba - Cianorte - Campeonato Paranaense
Gol, assistência, bola no travessão e muita habilidade do meia mesmo com forte chuva no Couto Pereira. (Geraldo Bubniak/AGB)

O Coritiba criou a primeira chance de perigo do jogo, logo aos dois minutos. Thiago Lopes encontrou Sassá na área e o centroavante fez a parede para a finalização de Robson, que passou perto do poste direito.

Matheus Galdezani levou perigo a meta de Bruno aos 20 minutos. O volante arriscou da intermediária e a bola passou com perigo sobre o gol.

A pressão do Coritiba surtiu resultado e aos 33 minutos Rafinha abriu o placar. O meia cobrou falta perto da lateral da área direto ao gol, Bruno ainda tentou espalmar, mas a bola já estava dentro do gol quando o goleiro tocou nela.

Rafinha novamente foi decisivo para o Coritiba. Aos 43 minutos, o meia bateu falta lateral para a pequena área e Robson ganhou da marcação pelo alto para escorar firme para o fundo das redes.

O jogo caiu de nível do segundo tempo, mas o Coritiba continuou no controle das ações. Aos 13 minutos, Yan Couto cruzou na medida para Robson escorar com muito perigo à esquerda da meta.

O Cianorte criou sua primeira chance de perigo aos 15 minutos. Júnior Prego arriscou da intermediária e Alex Muralha teve que se esticar para dar um tapa na bola.

A dupla Rafinha e Robson quase marcou o terceiro gol do Coritiba aos 20 minutos. O meia novamente deu bom passe para o companheiro, que viu Bruno adiantado e tentou a finalização por cobertura, com a bola passando perto do travessão.

Rafinha seguiu levando perigo ao gol do Cianorte. Aos 25 minutos, o meia roubou bola já na entrada da área e tentou surpreender Bruno com um toque de cavadinha, acertando o travessão do goleiro.