Massa de ar frio já tem data para ir embora do Paraná

A região Sul terá mais um dia de frio hoje. A massa de ar frio e seco que derrubou as temperaturas no fim de semana começa a se afastar e as temperaturas começam a subir a partir de amanhã.

Ontem, a temperatura mais baixa no Paraná foi registrada em São Mateus do Sul, no sul do estado: -4,1 ºC. Segundo o Simepar (Sistema Meteorológico do Paraná), foram registradas temperaturas negativas em várias regiões, principalmente entre os Campos Gerais e o centro-sul do estado. Geadas foram observadas na região de Curitiba.

A mínima ontem na capital foi de 2 ºC. Entre as regiões leste e norte do estado, houve uma grande concentração de nuvens e as temperaturas variaram de 9 ºC a 15 ºC. A máxima registrada no estado foi de 22 ºC, na região noroeste. Para hoje, a previsão é de mínima de 2 ºC e máxima de 15 ºC em Curitiba.

A temperatura mais baixa prevista é para a região central. Em Guarapuava, a mínima deverá chegar a 1 ºC negativo. As cidades do sul do estado deverão registrar 0 ºC durante a madrugada. A FAS (Fundação de Ação Social) reforçou o atendimento a pessoas em situação de rua na quinta-feira e o trabalho será feito até a noite de hoje em Curitiba. O reforço é feito nas noites em que a temperatura é de 9ºC ou menos

frio geada neve curitiba paraná

Com chances de neve, Paraná sofre com frio no final de semana

Uma frente fria, perseguida por uma massa de ar polar, faz as temperaturas do Paraná despencarem nesta sexta-feira (2). O frio previsto será tão intenso que existe até chance até de neve na região sul, principalmente nas cidades mais geladas como Palmas e General Carneiro. A possibilidade é que o evento ocorra na noite desta sexta ou até mesmo no sábado (3), antes do frio se afastar daquela faixa do estado.

A previsão do Simepar (Sistema Meteorológico do Paraná) ainda revela que as geadas devem ser frequentes em todo o estado no domingo. Depois disso, a frente fria segue para as regiões Sudeste e Centro-Oeste e os termômetros voltam a subir.

Em Curitiba, a neve não deve marcar presença por causa do alto volume de chuva previsto. Entretanto, a precipitação abre uma pequena possibilidade de chuva congelada. O fenômeno é marcado pelas gotas da chuva se transformarem em pequenos flocos de gelo.

A meteorologista Ana Beatriz Porto, do Simepar, ressalta que é difícil ter certeza de qualquer ocorrência pela variação das condições.

“A frente fria traz a chuva e a massa de ar polar traz o frio, mas esses fenômenos dependem de muitos fatores para ocorrer. É mais favorável ter o evento de neve do que a chuva congelada na capital”, diz.

PREVISÃO DO TEMPO NESTA SEXTA

De acordo com a previsão do Simepar, Curitiba deve ter mínima de 9ºC e máxima de 19ºC nesta sexta-feira.

O frio também dá as caras no litoral, mas com menos força pela umidade. Os termômetros em Paranaguá devem girar entre 12ºC e 18ºC.

Já no norte e noroeste, as temperaturas caem nesta sexta e despencam no sábado e domingo. A mínima prevista para Londrina é de 12ºC e a máxima chega aos 26ºC nesta sexta. Já em Cascavel, a mínima será de 4ºC e a máxima de 15ºC.

Por fim, no oeste, Foz do Iguaçu deve ter algumas pancadas de chuva ao longo do dia, com as temperaturas variando entre 5ºC e 18ºC.

 

Massa de ar frio se afasta e temperaturas voltam a subir nesta semana

Várias regiões do Paraná sofreram com temperaturas negativas no final de semana. Na madrugada desta segunda-feira (8), as menores temperaturas foram registradas em General Carneiro com -5,2 °C, em São Mateus do Sul -3,4 °C e em União da Vitória -2,7 °C.

A partir de hoje o frio intenso vai perder força, segundo a previsão do Simepar. O clima começa a esquentar a partir desta terça-feira (9) com o afastamento do núcleo de massa de ar frio e seco do continente. Nas regiões Sul, Central e Campos Gerais geadas ainda estão previstas geadas.

Segundo o Simepar, em Curitiba, a mínima prevista é de 2ºC e máxima é 16ºC nesta segunda-feira e segue subindo até o final de semana. No domingo, a máxima prevista é de 22ºC e mínima de 10ºC.

Em Londrina, no Norte do Paraná, a máxima para hoje é de 19ºC e deve chegar a 24ºC no final de semana.

Situação semelhante acontece em Foz do Iguaçu, com a temperatura máxima variando entre 20ºC e 26ºC e a mínima entre 4ºC e 16ºC.

O frio deve retornar com força apenas na terceira semana de julho com a chegada de uma nova massa de ar polar.

Domingo tem geada em várias regiões do Paraná

A manhã deste domingo (07) foi gelada em todo o Paraná, com formação de geada em diversas regiões do estado.

Em Curitiba, a mínima chegou a -0,1o C, segundo o Simepar. A estação meteorológica que fica em Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba, registrou -2,2o C, entre as 07 horas e as 08 horas da manhã.

A menor temperatura do estado na manhã deste domingo foi -5,3o C, em General Carneiro e em São Mateus do Sul.

Nesta segunda-feira (08), a massa de ar frio continua atuando sobre todo o estado e tem previsão de geada em grande parte do Paraná. Em Curitiba, a mínima deve ser de 4oC e a máxima de 14oC.

 

 

Madrugada mais fria do ano tem registro de -4,8°C no PR

O Paraná amanheceu com temperaturas negativas nas regiões Oeste, Sudoeste, nos Campos Gerais e na Grande Curitiba  neste sábado. A expectativa, segundo o Simepar, é que a massa de ar frio e seco avance pelo Estado e provoque mais geadas no domingo.

Na madrugada, por volta das 2h, os termômetros registraram negativas em São Mateus do Sul -1,0 ºC, Palmas -1,7 ºC, Inácio Martins -2,2 ºC, Clevelândia -2,5 ºC, Cascavel -0,3 ºC, Pinhão -2,6 ºC, Guarapuava -1,7 ºC e Lapa -0,5 ºC.

As menores temperaturas foram registradas em Entre Rios -4,8 ºC, Guarapuava -4,4 ºC, Clevelândia -4,2 ºC e Cascavel -4,0ºC, o que marca a madrugada mais fria do ano no Paraná.

“O forte resfriamento invadiu todas as regiões paranaenses nesta madrugada e o céu sem nuvens ajudou a diminuir as temperaturas de uma forma muito expressiva, sendo a madrugada mais fria do ano até o momento”, comenta a meteorologista Ana Beatriz Porto da Silva.

Ver essa foto no Instagram

Olha como o Parque Barigui amanheceu hoje! ??? . Mande sua foto pra gente. Marque com as #camaracuritiba e #vcnacmc . . ?: @rodrigofonsecafotografo . . #pracegover: sequência de 6 fotografias que mostram como o dia amanheceu no parque Barigui. Na primeira e na segunda, um banco com superfície de gelo. Na terceira e na quinta, pessoas com frio. Na quarta, uma capivara ao lado do lago. Na sexta e na sétima, as paisagens do local. . . . #camaracuritiba #CMCnaRUA #CMC #sigacuritiba #curitiba #curitibando #cwb #curitibacult #curitibacool #curitibaturismo #curitilover #moraremctba #vcnacmc #xvcuritiba #cenacuritiba #curitiba_trip #curitiba_pmc #curitibasualinda #curitiba360 #curitibaexclusiva #visitcuritiba

Uma publicação compartilhada por Câmara Municipal de Curitiba (@camaradecuritiba) em

Previsão de geadas para as próximas 48 horas:

 

 

 

frio Paraná previsão do tempo

Cidades do Paraná registraram sensação térmica negativa nesta sexta

O Paraná teve as menores temperaturas do ano nesta sexta-feira (5) e em algumas cidades a sensação térmica foi de temperaturas negativas. Em Clevelândia, no sudoeste do estado, os termômetros registraram 4,2ºC, mas a sensação térmica foi de – 1,8ºC. Em Inácio Martins, no centro-sul, o termômetro chegou a 4,1ºC, com sensação térmica de – 1,1ºC. Os dados foram registrados pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

Segundo o Instituto Meteorológico do Paraná (Simepar), a grande cobertura de nuvens impediu um declínio mais acentuado das temperaturas. A expectativa do Simepar é que todas as regiões do Paraná sofram com geada neste sábado (6). Ou seja, quem estiver fora de casa precisará se agasalhar bastante.

“O vento vai aumentar a sensação de frio e é para dar uma acalmada no sábado. Mas é difícil estimar isso”, avaliou o Samuel Braun, meteorologista do Simepar.

Ainda segundo Braun, a tendência é que o frio permaneça até a próxima terça-feira (9). Além disso, a massa polar que chegou ao país deve atingir até os estados do norte do Brasil.

INTERIOR

Guarapuava terá a menor temperatura do Paraná no sábado. A previsão é que a máxima chegue a a 13˚C, mas a mínima será de -4˚C.

Cascavel, Apucarana, Francisco Beltrão, Pato Branco, União da Vitória, Rio Negro, Laranjeiras do Sul e Ponta Grossa também sofrerão com temperaturas negativas.

Já Foz do Iguaçu, Campo Mourão e Telêmaco Borba devem ficar a 0˚C.

Por fim, as mínimas em Londrina, Maringá e Umuarama devem girar entre 1 e 2˚C.

LITORAL

De acordo com a previsão do tempo, a costa paranaense é a região do Paraná que menos vai sofrer com o frio.

“A água do oceano tem uma capacidade térmica que a mudança da temperatura não é tão rápida. A terra resfria mais rápido que a água, que se mantém a 20 graus e as regiões mais próximas também sofre esse efeito”, explica Braun.

Com isso, Paranaguá deve ficar entre 5˚C e 17˚C no sábado. Há também o alerta da Marinha do Brasil sobre ondas de 3 a 4 metros de altura entre o litoral de Santa Catarina e do Rio de Janeiro, incluindo o litoral do Paraná.

GEADA

Quem quiser acompanhar as previsões, pode se cadastrar no serviço Alerta Geada, mantido pelo Simepar e pelo Instituto Agronômico do Paraná. O Alerta é gratuito e emite previsões com antecedência de 48 e 24 horas. Boletins são divulgados pelo Disque Geada (43) 33914500, nas redes sociais e páginas do Simpear e Iapar.

Possibilidade de geada deixa regiões cafeeiras em alerta

As regiões produtoras de café do Paraná estão em alerta com a passagem de uma frente fria pelo estado que, desde quarta-feira (3), vem derrubando as temperaturas. Com previsão de frio intenso e sol no final de semana, há condições para a formação de geada no sábado (6) e domingo (7).

A recomendação do Instituto Agronômico do Paraná (Iapar) para os plantios novos de café, com até seis meses de campo, é enterrar as mudas. Viveiros devem ser protegidos com várias camadas de cobertura plástica ou aquecimento, com a opção de adotar as duas práticas simultaneamente.

Nos dois casos (lavouras novas e viveiros), a proteção deve ser retirada logo que a massa de ar frio se afastar e cessar o risco imediato de geada.

Nas lavouras com idade entre seis meses e dois anos, a recomendação aos produtores é amontoar terra no tronco das plantas até o primeiro par de folhas. Essa proteção deve ser mantida até meados setembro, e depois retirada com as mãos.

Mais informações sobre o Alerta Geada e técnicas de proteção de cafeeiros podem ser obtidas no site do Iapar, do Simepar ou pelo disque-geada (43) 3391-4500.

A partir deste ano, o avisos de “Alerta Geada” passam a ser divulgados também pelo aplicativo Iapar Clima, que está disponível para aparelhos Android e pode ser baixado gratuitamente no Google Play.

Paraná deve registrar as menores temperaturas do ano neste final de semana

O mês de julho vai começar com as temperaturas despencando e previsão de geadas em vários estados. Uma massa de ar frio, vinda da região polar, chegou ao país pelo Sul nesta quarta-feira (3) e deve se estender pelo Sudeste e Centro-Oeste, derrubando as temperaturas em quase todo o Brasil. Seus efeitos mais intensos devem ser sentidos até a segunda-feira (8), segundo o Climatempo.

As menores temperaturas, no Paraná, devem ser atingidas no final de semana, podendo chegar a marcas negativas. O estado, neste ano, não registrou temperatura significativamente menor do que 0°C, mas ela pode chegar a -2°C em algumas cidades nos próximos dias.

Em Curitiba, as temperaturas começaram a cair nesta quarta-feira e, nesta quinta-feira (4), a previsão é de 11°C de mínima e máxima de 15°C – com o céu encoberto, a variação de temperatura diminui. Na sexta-feira (6), a mínima cai para 3°C e, no final de semana, chega a 0°C na capital. Porém, com o céu mais limpo e previsão de sol para o final de semana, a amplitude términa aumenta e as máximas ficam em 12°C, chegando a 15°C novamente no domingo (8). A partir de segunda-feira, segundo o Simepar, as temperaturas devem voltar a subir aos poucos, mas seguem abaixo dos 10°C.

O sobe e desce das temperaturas na capital acompanha a previsão para o interior do estado, com temperaturas mais amenas apenas nas regiões Norte e Litoral. Na sexta-feira, as mínimas caem para cerca de 5°C em Londrina e Maringá, para 8°C em Guaratuba e para 0°C em Guarapuava.

No sábado (7), as mínimas não passam de 6°C em todo estado – esta temperatura deve ser registrada no Litoral. As menores temperaturas estão previstas para Ponta Grossa, Guarapuava e Pato Branco, com -2°C. No domingo, a menor temperatura – de -1°C – deve ser registrada nestas mesmas cidades e na região de União da Vitória. Na segunda-feira, as mínimas previstas ficam acima de 2°C em todo o estado.

> Veja todas as previsões no site do Simepar

Previsão de geada

A chuva deve voltar apenas a partir do dia 10 de julho em todo o Paraná. Com isso, há condições para formação de geada no estado já a partir desta quinta-feira, mas de baixa intensidade, segundo previsão do Simepar. O fenômeno, neste ano, deve ocorrer de forma pontual e em baixa intensidade, especialmente na região Centro-Sul.

> LEIA TAMBÉM: Frio pode ocasionar geada em regiões produtoras de café

Quem quiser acompanhar as previsões, pode se cadastrar no serviço Alerta Geada, mantido pelo Simepar e pelo Instituto Agronômico do Paraná. O Alerta é gratuito e emite previsões com antecedência de 48 e 24 horas. Boletins são divulgados pelo Disque Geada (43) 33914500, nas redes sociais e páginas do Simpear e Iapar.

Ondas no Litoral

Também neste final de semana, há alerta da Marinha do Brasil sobre ondas de 3 a 4 metros de altura entre o litoral de Santa Catarina e do Rio de Janeiro, passando pela costa paranaense.

O aviso é válido até sábado (6). A frente fria também poderá provocar ventos com intensidade de até 62 km/h, com rajadas.

A Marinha alerta aos navegantes para que consultem as condições climáticas antes de se fazerem ao mar e lembra da importância de se verificar com antecedência as condições do barco, os sistemas de comunicação e de orientação e os equipamentos de salvamento, como boias e coletes salva-vidas.

As informações meteorológicas podem ser visualizadas na página do Serviço Meteorológico Marinho no Facebook e por meio do aplicativo “Boletim ao Mar”, disponível tanto para o sistema Android quanto para iOS.

Frio pode ocasionar geada em regiões produtoras de café

Nota divulgada pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) prevê uma massa de ar frio na Região Sul do país a partir de quarta-feira (3), avançando para a região Sudeste e parte da Região Centro-Oeste. A passagem da frente fria pode provocar ampla formação de geadas nas regiões serranas das Regiões Sul e Sudeste, alerta o instituto.

Durante o fim de semana, o ar frio vai ocasionar possíveis geadas nas regiões produtoras de café, ou seja, no norte do Paraná, sul de Minas Gerais e na região de Franca em São Paulo.

O frio deverá se prolongar ao longo do fim de semana. Os modelos de previsão de tempo do Inmet indicam que as temperaturas poderão atingir valores abaixo de zero grau Celsius (até -6°C) nas áreas serranas da Região Sul, conforme ilustra a Figura 1 da nota.

O  Inmet divulgará as previsões do ar frio, de acordo com as novas atualizações dos modelos numéricos de previsão de tempo, adianta o diretor Carlos Carvalho Gomes.

Acompanhe no site do Inmet.