assalto galeria lustoza

Dono de joalheria reage a assalto e mata o suspeito em Curitiba

Um dono de uma joalheria da Galeria Lustoza, em Curitiba, reagiu a um assalto e matou o suspeito com dois tiros. A ação aconteceu na tarde desta quarta-feira (20), por volta das 17h10.

A PM-PR (Polícia Militar do Paraná) confirmou a informação, mas não tem mais detalhes da ocorrência.

De acordo com comerciantes da região, o corpo do homem ainda está no local. Além disso, os policiais fizeram um cordão e impediram a movimentação no local.

A Galeria Lustoza fica localizada no Centro de Curitiba, ligando a Rua Barão do Rio Branco com a Rua Presidente Faria, na primeira quadra do calçadão da Rua XV de Novembro.

Mais informações em breve.

Polícia prende três homens suspeitos de assaltar joalheria

A Polícia Civil prendeu três homens suspeitos de participarem de um assalto a uma joalheria no Shopping Cidade, em Curitiba, no dia 11 de março. Dois deles foram presos em Fazenda Rio Grande durante o dia e o outro homem à noite em Piraquara.

Dois suspeitos de assalto a joalheria em shopping de Curitiba são presos
Foragido da Colônia Penal, suspeito de assaltar joalheria em Curitiba é preso

Segundo a polícia, os dois suspeitos presos em Fazenda Rio Grande estavam em um veículo roubado com placas clonadas. Quando perceberam a viatura, os suspeitos tentaram fugir mas foram capturados. Um dos homens estava com uma tornozeleira eletrônica. Os agentes também encontraram um simulacro e drogas na residência de um deles.

O outro suspeito de participar do crime foi preso no início da noite. Ele foi reconhecido pelas imagens colhidas das câmeras de monitoramento do shopping e proximidades. Com ele ainda foram apreendidos dois relógios com indícios de serem parte dos acessórios roubados da joalheria.

Bandidos invadem e assaltam joalheria do Shopping Mueller

Nos celulares dos suspeitos, a polícia encontrou várias conversas que tratam sobre o assalto, incluindo matérias veiculadas na imprensa com o retrato-falado dos assaltantes e a divisão do ouro e dos relógios roubados. Um áudio, citando um possível assalto a uma joalheria no Shopping Palladium, também na capital, foi encontrado nos aparelhos.

Todos os produtos, inclusive o veículo aprendido, estão em posse da PCPR e assim como os presos estão à disposição da Justiça. Segunda informações da PCPR, há ainda um quarto de participar do crime com mandado de prisão expedido e encontra-se foragido.

Foragido da Colônia Penal, suspeito de assaltar joalheria em Curitiba é preso

A Polícia Civil prendeu na terça-feira (19) o homem suspeito de ter assaltado uma joalheria dentro do Shopping Mueller, no Centro Cívico, em Curitiba, na última segunda-feira (18). Os policiais também prenderam um homem suspeito de receptar os objetos.

Segundo o delegado Rodrigo Brown, a polícia também recuperou parte dos objetos levados e apreendeu um veículo e roupas de alto padrão, que teriam sido compradas com o dinheiro da venda das mercadorias roubadas.

Bandidos invadem e assaltam joalheria do Shopping Mueller

“Descobrimos que o suspeito se tratava de um foragido da Colônia Penal, que respondia por roubo e receptação, por tanto já possuía mandado de prisão em aberto”, explica o delegado.

Foto: Divulgação

No celular do suspeito preso, os policiais encontraram fotos dos relógios que foram anunciados para venda, o vídeo do assalto divulgado pela imprensa e um áudio dele preocupado com sua prisão.

Como muitos objetos roubados foram vendidos, o delegado frisa que os compradores podem ser enquadrados pelo crime de receptação e devem procurar a Delegacia de Furtos e Roubos para entregar os objetos.

“Quem, por ventura, adquiriu que nos procure de boa fé para não ser responsabilizado futuramente por uma participação na quadrilha do suspeito preso”.

O assalto

Ao menos três pessoas teriam participado do assalto registrado na joalheria Dalitz, em Curitiba. O estabelecimento fica no piso L3 do Shopping Mueller, no bairro Centro Cívico. Toda a movimentação dos criminosos foi gravada por câmeras de segurança. A ação dos bandidos foi rápida e o grupo fugiu a pé pela rua Mateus Leme em direção ao Largo da Ordem.

Na saída, os bandidos saíram ameaçando os clientes do shopping com simulacros de armas.

Em nota, a assessoria de imprensa do Shopping Mueller afirma que, apesar do roubo, não houve prejuízo direto aos clientes.

Veja:

Polícia prende suspeito de participar de roubo a joalheria em Curitiba

O Centro de Operações Policiais Especiais (Cope) da Polícia Civil prendeu, na tarde de segunda-feira (23), um homem, de 20 anos, suspeito de participação no assalto a uma joalheria em Curitiba. O crime aconteceu no mês passado. Ele foi preso em sua residência no bairro Parolin após a Justiça expedir um mandado de prisão temporária.

De acordo com a polícia, as investigações tiveram início logo após a notificação do roubo. Na ocasião, três homens armados levaram cerca de R$ 80 mil em joias de uma loja no centro de Curitiba. Segundo o delegado do Cope, Rodrigo Brown, o suspeito preso é quem auxiliou na fuga dos ladrões.

“Conseguimos localizar algumas testemunhas, que relataram que os três indivíduos armados teriam entrado em um veículo Peugeot que deu fuga para aos marginais. Com essas informações, nós começamos a buscar câmeras de segurança e com intenso trabalho identificamos o veículo. O rapaz preso era o motorista que conduzia o veículo no momento roubo”, contou o delegado. O homem não esboçou reação no momento da prisão e nega o envolvimento no assalto.

O suspeito possui histórico de crime de roubo e agora responderá pelo crime de roubo majorado. Ele permanece preso à disposição do Poder Judiciário. As investigações seguem para identificar e prender os demais envolvidos no crime.

Joalheria promove descontos de até 50% em Curitiba

A joalheria Viccenza promove a campanha “abril pela metade” em suas duas lojas de Curitiba até o dia 25 deste mês. A loja promove a campanha de descontos em peças de ouro amarelo e gemas coloridas há mais de 10 anos.

A empresária Tania Vicenzi reforça que a campanha é uma ótima oportunidade para garantir joias com condições especiais. “Todos os anos fazemos uma cuidadosa curadoria para trazer as nossas clientes opções modernas e sofisticadas, de acordo com as últimas tendências, por valores atrativos”, complementa.

Entre as peças da campanha, é possível encontrar brincos com gemas que levam a tonalidade do ano, Ultra Violet, e outras cores que estão em alta, como o verde. Além disso, diversas joias em ouro amarelo e branco integram as opções.

Serviço:
Abril pela metade Viccenza
Local: Park Shopping Barigui e Pátio Batel
Data: de 5 a 25 de abril

Homem é preso após roubar joalheria no litoral

Um homem foi preso, no início da tarde desta quarta-feira (27), após roubar uma joalheria na região central de Matinhos, no Litoral do Paraná. O rapaz de 23 anos levou dinheiro e joias de prata, totalizando aproximadamente R$ 1 mil. Em menos de duas horas a Polícia Militar (PM) localizou o suspeito e efetuou a prisão.

No momento do roubo, o rapaz fez menção de estar armado, mas, segundo a PM, nenhum artefato foi encontrado com ele. “Fomos informados que a joalheria tinha sido roubada então fomos até as proximidades já com as características pessoais do suspeito, e durante o patrulhamento encontramos um homem que era semelhante ao autor do crime e procedemos a abordagem”, contou o soldado Ermany Villa Real Laurentino, do 17º Batalhão.

Durante a revista pessoal foram encontradas pulseiras, correntes e outras joias de prata, além de cerca de R$ 180,00 em dinheiro, materiais que seriam do estabelecimento roubado. Não foi encontrada arma de fogo com o rapaz. Ele foi conduzido à Delegacia de Polícia de Matinhos (PR) para a lavratura do Boletim de Ocorrência. A vítima foi contatada e também compareceu à delegacia para prestar depoimento.

Roubo a joalheria termina com dois presos e mais de 400 peças de joias recuperadas em Curitiba

 

Dois homens, de 31 e 41 anos, foram presos na tarde desta segunda-feira (13/02) depois de assaltarem a joalheria de um shopping no bairro Hauer, em Curitiba. Eles foram surpreendidos pelos policiais quando tentavam fugir do local com as joias. Aproximadamente 400 peças foram recuperadas, além de ser apreendida uma arma de fogo e um carro. Um dos presos já tinha passagem pela polícia.

Dentro da sacola foram encontrados os objetos roubados (cerca de 400 anéis, pulseiras, correntes, colares, alianças e pingentes). O montante recuperado passa de R$ 500 mil.

Top Ana Beatriz Barros estrela campanha de joias

A modelo mineira Ana Beatriz Barros é o novo rosto da joalheria dinamarquesa Pandora. Na campanha internacionalmente lançada nesta semana aparecem em destaque as cores e pedras que representam cada mês do ano, com significados especiais.

BIRTH17_January_CMYK_cropped

Janeiro é representado pela Granada vermelha; Fevereiro pela Ametista roxa; Março pela Água Marinha; Abril pelo transparente Cristal de Rocha; Maio pelo Cristal Verde; Junho pela misteriosa Pedra da Lua; Julho pelo vermelho vivo do Rubi; Agosto pelo verde-amarelado do Perídoto; Setembro pelo azul da Safira; Outubro pelo opalescente Cristal Rosa; Novembro pelo vibrante amarelo do Citrino; e finalmente, o Cristal Azul traz um marinho profundo e intenso para Dezembro.

O lançamento se inspira nas gotas de orvalho que resplandecem nas arredondadas e delicadas formas das pedras de cada mês e suas tonalidades, através de anéis, brincos e pendentes para colar que misturam a excentricidade do tema com a inovação da alta joalheria.

As cores desta temporada apresentam uma série de significados, trazendo a força, animação, mistério, carinho, amor, confiança e muitos outros.Com esse universo emocionante de cores, as mulheres podem expressar sua singularidade em diferentes estilos, capazes de combinar as joias de inúmeras formas para seus looks.

Com uma campanha global, a Joalheira Dinamarquesa escolheu a top brasileira Ana Beatriz Barros para representar a diversidade e toda a vibração que as cores trazem. A coleção chegou às lojas do Brasil nesta semana.

A Pandora está presente em mais de 100 países nos seis continentes, com aproximadamente 10.000 pontos de venda, incluindo 1.800 lojas conceito, além das vendas por meio de seu e-commerce.

BIRTH17_12rings_CMYK_cropped

No Brasil desde 2009, finalizou o ano de 2014 com 35 lojas e em 2015 praticamente dobrou este número, fechando o ano com 69 lojas conceito. Em 2017 contempla seu plano de expansão começando o ano com 89 lojas.Em Curitiba, há lojas nos shoppings Mueller, Pátio Batel e ParkShoppingBarigüi.

www.pandorajoias.com.br

 

HIGH_CMYK_290690ACZ_RGB

HIGH_CMYK_791871P_RGB

Tiffany & Co. recebe curitibanas em grande estilo !!

Por Mariana Guerra

O Natal é uma das datas mais esperadas do ano e a tradicional joalheria Tiffany & Co. do shopping Pátio Batel, recebe as paranaenses , com uma linda mesa de doces, além de uma decoração encantadora !! As clientes vão poder fazer sua wish list e deixar na caixa postal da marca e esperar a chegada do “Papai Noel”.

The Blue Box!
The Blue Box!

Em Los Angeles , Reese Witherspoon, foi flagrada saindo da loja , a atriz queridinha dos filmes de comédia romântica, também aproveitou para fazer sua wish list !!

 Reese Witherspoon /Créditos: Michael Simon
Reese Witherspoon   /Créditos: Michael Simon

Mídias Sociais:

www.tiffany.con.br

@tiffanyandco

Pânico em shopping de Curitiba: bandidos tentam assaltar joalheria

Os clientes e funcionários de uma joalheria no Shopping Total, em Curitiba, passaram por momentos de terror na tarde desta quarta-feira (13). Vários bandidos armados invadiram o estabelecimento e renderam quem estava no local.

Quem presenciou a ação dos bandidos relatou o pânico.”Cena de terror hoje no shopping Total! Assalto em uma joalheria, gritos, desespero, tivemos que ficar trancados na loja da frente presenciando a cena dos marginais! Graças a Deus ninguém saiu ferido, só os vagabundos que apanharam muito dos policiais! Vamos alimentar mais três vagabundos na cadeia! Parabéns a Polícia Militar, Rone e Rotam pela rapidez da ação evitando o pior”, escreveu uma testemunha.

Os assaltantes não conseguiram levar nenhum produto. Na fuga, três bandidos foram presos. A Polícia Militar fez buscas na região do Bairro Portão para tentar localizar os demais integrantes da quadrilha. Ninguém ficou ferido.

Em nota, o Shopping Total explicou que tentativa de assalto foi impedida pela rápida ação conjunta entre o sistema de monitoramento interno do estabelecimento e as Polícias Civil e Militar.

“Os funcionários do estabelecimento e seguranças que estavam no local não sofreram nenhum tipo de ferimento e estão bem, assim como a loja não sofreu nenhum dano, ou seja, nenhum objeto foi levado. O Shopping Total está tomando todas as precauções para continuar garantindo a segurança de seus clientes, prezando pela rápida ação e pelo contato constante com o sistema policial da comunidade”, disse o shopping.

Onda de assaltos a joalherias

Esse foi o sétimo assalto a joalherias de Curitiba e região desde o início do ano.

Em maio, três homens armados invadiram o Shopping Cidade, na Vila Hauer, e assaltaram a joalheria  Big Ben. Houve pânico entre os clientes, perseguição e tiroteio. Pelo menos 55 relógios, um par de alianças e outros objetos que haviam sido roubados foram recuperados.

Em abril, três homens armados invadiram o ParkShopping Barigui, no bairro Ecoville, em Curitiba, e estouraram as vitrines da joalheria Bergerson, que fica no térreo do prédio, usando barras de ferro. Eles recolheram diversos relógios e joias. A ação durou menos de dez minutos. Os seguranças tentaram seguir os marginais, que quebraram a cancela e fugiram.