Guarani - Operário - Campeonato Brasileiro Série B

Operário perde do Guarani e não tem mais chances de acesso na Série B

As chances de acesso do Operário que eram baixas se tornaram nulas, após a derrota da equipe por 1 a 0 contra o Guarani, na tarde deste sábado (16).

O duelo válido pela 36ª rodada da Série B foi realizado no Brinco de Ouro da Princesa, em Campinas.

O gol da vitória do Guarani foi marcado por Diego Cardoso.

A vitória deixa o Guarani na 11ª posição com 44 pontos, já sem chances de rebaixamento. A equipe campineira passou 18 rodadas da competição no grupo dos quatro últimos.

Enquanto o Operário fica na nona posição com 49 pontos, apenas cumprindo tabela nas duas últimas rodadas da competição.

PRÓXIMOS JOGOS

As duas equipes voltam a campo na próxima semana, pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

O Operário recebe o Vitória no Germano Krüger, nesta terça-feira (19), às 21h30.

Já o Guarani recebe o América Mineiro no Brinco de Ouro da Princesa, nesta sexta-feira (22), às 21h30.

O JOGO

A primeira chance da partida foi do Operário aos três minutos. Índio foi lançado na área e finalizou para boa defesa com as pernas de Jefferson Paulino.

Nova chance para o Operário aos seis minutos. Rafael Chorão recebeu na entrada da área e livre de marcação mandou por cima do gol.

O Guarani respondeu aos oito minutos. Diego Cardoso foi lançado e bateu cruzado perto do poste esquerdo.

Mas o Operário seguiu na pressão e quase abriu o placar aos dez minutos. Marcelo aproveitou o erro na saída de bola da defesa do Guarani e bateu por cobertura, obrigando Paulino a se esticar para mandar para escanteio.

A resposta campineira veio no minuto seguinte. Lenon cruzou e Arthur escorou firme para boa defesa de Rodrigo Viana.

Novamente a jogada aérea aproximou o Guarani do gol. Rondinelly cruzou e Luiz Gustavo cabeceou firme, só que Jardel em cima da linha salvou o Operário.

Só que aos 32 minutos, Rondinelly invadiu a área e foi derrubado por André Luiz (Rodrigo Viana saiu do jogo por um problema muscular). A arbitragem assinalou penalidade.

Diego Cardoso bateu firme no canto esquerdo, André Luiz chegou a tocar na bola, mas não evitou o gol.

A primeira chance do segundo tempo foi do Operário aos 18 minutos. Maílson pegou firme da entrada da área e Paulino espalmou.

O Guarani quase ampliou o placar aos 42 minutos. Thallyson puxou contra-ataque e bateu colocado para boa defesa de André Luiz.

William Matheus - Coritiba - Oeste - Campeonato Brasileiro Série B

Coritiba vence Oeste e se aproxima do retorno a Série A do Brasilleiro

Com um gol no início e defesa firme para segurar a pressão, o Coritiba bateu o Oeste por 1 a 0, na tarde deste sábado (16), e ficou perto de garantir seu retorno a elite do Campeonato Brasileiro.

O duelo válido pela 36ª rodada da Série B foi realizado no Couto Pereira, em Curitiba, para um público de 22.349.

O gol da vitória do Coritiba foi marcado por William Matheus.

A vitória deixa o Coritiba na terceira posição com 60 pontos, tendo vantagem sobre o Atlético Goianiense no número de vitórias (16 a 15) e de dois pontos sobre o América Mineiro, primeira equipe fora do G-4 da Série B.

Já o Oeste fica na 15ª posição com 40 pontos e pode ver sua vantagem para a zona de rebaixamento diminuir para apenas dois pontos, caso o Londrina vença o Botafogo-SP neste sábado.

PRÓXIMOS JOGOS

Coritiba - Oeste - Campeonato Brasileiro Série B
22.349 coxas-brancas foram ao Couto Pereira no feriado. Geraldo Bubniak/AGB

As duas equipes voltam a campo na próxima semana, pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

O Oeste viaja para Goiânia para encarar o Vila Nova em um duelo direto contra o rebaixamento, nesta quarta-feira (20), às 19h15.

Já o Coritiba recebe o Bragantino no Couto Pereira, no próximo domingo (24), às 16h.

O JOGO

O Coritiba abriu o placar ais 14 minutos Giovanni deu belo lançamento para William Matheus, que na saída de Matheus Cavichioli, mandou para o fundo das redes.

No minuto seguinte o Coritiba quase ampliou o placar. Rodrigão foi lançado, driblou Cavichioli, mas não conseguiu manter o domínio da bola e perdeu ótima oportunidade.

O Oeste respondeu aos 35 minutos. Élvis cobrou escanteio rasteiro na entrada da área e Mazinho bateu de primeira perto do travessão.

Rodrigão apareceu novamente aos 41 minutos. Giovanni bateu escanteio no primeiro poste e Rodrigão escorou para trás perto do travessão.

A primeira chance do segundo tempo foi do Oeste. Roberto foi lançado na área e finalizou firme para boa defesa de Alex Muralha.

O Coritiba respondeu aos 19 minutos com a bola parada. Giovanni bateu falta da entrada da área perto do travessão.

Mas o Oeste seguiu perigoso e quase empatou o jogo aos 23 minutos. Matheus Oliveira arriscou da intermediária, a bola desviou na marcação e quase acertou o poste direito.

Novamente a resposta do Coritiba veio na bola parada. Primeiro Giovanni bateu falta lateral e Nathan cabeceou no canto direito para bela defesa de Cavichioli.

No escanteio seguinte, Giovanni bateu no primeiro poste, Nathan escorou para a segunda trave e William Matheus cabeceou perto do poste esquerdo.

Paraná Clube - Atlético Goianiense - Campeonato Brasileiro Série B

Paraná Clube perde para Atlético Goianiense e fica longe do acesso

Sob muita chuva em Goiânia, o Paraná Clube perdeu por 1 a 0 para o Atlético Goianiense, na noite desta sexta-feira (15), e ficou muito distante das chances de acesso no Campeonato Brasileiro da Série B.

O duelo válido pela 36ª rodada da Série B foi realizado na Antônio Accioly, em Goiânia.

O gol da vitória do Atlético Goianiense foi marcado por Matheuzinho.

A vitória deixa momentaneamente o Atlético Goianiense na terceira posição com 60 pontos, três acima do América Mineiro e do Coritiba, que ainda entra em campo nesta rodada.

Já o Paraná Clube fica na sexta posição com 54 pontos. Caso o Coritiba vença o Oeste neste sábado (16), a equipe ficará a seis pontos abaixo do G-4 da Série B, com apenas duas rodadas restantes na competição.

PRÓXIMOS JOGOS

As duas equipes voltam a campo na próxima semana, pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B.

O Paraná Clube viaja para encarar o Criciúma no Heriberto Hülse, nesta terça-feira (19), às 19h15.

Já o Atlético Goianiense viaja até Pelotas para enfrentar o Brasil de Pelotas, nesta quinta-feira (21), às 21h30.

O JOGO

A primeira chance de gol da partida foi do Atlético Goianiense aos 14 minutos. Aylon recebeu na entrada da área e finalizou firme para boa defesa de Alisson.

Nova chance do Atlético Goianiense aos 29 minutos. Nicolas foi lançado na esquerda e cruzou na medida para Pedro Raul. O atacante cabeceou firme e Alisson fez grande defesa.

O Paraná Clube respondeu aos 42 minutos. Bruno Rodrigues arriscou da intermediária e Mauricio Kozlinski foi buscar e fez a defesa em dois tempos.

Antes do intervalo, o Paraná Clube ainda teve mais uma chance de gol. Matheus Anjos cruzou na medida para Jenison e o atacante cabeceou firme para boa defesa de Mauricio Kozlinski.

Com menos de um minuto do segundo tempo o Paraná Clube quase abriu o placar. Bruno Rodrigues foi lançado na área e finalizou para defesa de Mauricio Kozlinski.

A resposta do Atlético Goianiense veio no minutos seguinte. Pedro Raul recebeu na entrada da área e fez o pivô para Moacir, que chegou batendo perto do travessão.

Nova chance do Atlético Goianiense aos 13 minutos. Jorginho avançou pela esquerda, fintou Éder Sciola e finalizou firme no travessão.

Mas a melhor chance do Atlético Goianiense até então saiu aos 23 minutos. Pedro Raul novamente fez o pivô e de calcanhar rolou para Matheuzinho. O atacante invadiu a área e foi calçado por Éder Sciola. O árbitro Luiz Flávio de Oliveira assinalou a penalidade.

Pedro Raul foi para a cobrança e bateu firme no canto direito para bela defesa de Alisson.

Na cobrança de escanteio, novamente Pedro Raul teve a chance de abrir o placar. O atacante recebeu sozinho na área e finalizou perto do travessão.

Só que aos 32 minutos, a bola do Atlético Goianiense entrou. Após escanteio do Paraná, Mauricio Kozlinski lançou rápido para Jorginho. O meia avançou até a entrada da área e rolou para Matheuzinho bater firme para vencer Alisson e marcar o gol.

O Paraná Clube teve sua última chance aos 45 minutos. João Pedro bateu escanteio na cabeça de Rodolfo, mas o zagueiro cabeceou muito alto e perdeu boa oportunidade.

coritiba série b vila nova

Com gol de falta nos acréscimos, Coritiba arranca empate com o Vila Nova

Na raça, o Coritiba arrancou o empate por 2 a 2 com o Vila Nova neste sábado (19) e se manteve, provisoriamente, no G4 da Série B.

O atacante Gustavo Henrique e o meio campista Ramon abriram pelos goianos no primeiro tempo. Entretanto, o Coxa lutou na etapa final e igualou tudo com gols de Sabino e Giovanni, em cobrança de falta, aos 47 minutos.

O duelo, válido pela 30ª rodada, aconteceu no estádio Serra Dourada, em Goiânia.

Foi o primeiro empate do time sob o comando do técnico Jorginho. Desde que ele assumiu, o Coxa venceu quatro jogos (América-MG, Guarani, Criciúma e São Bento) e tinha perdido apenas no clássico contra o Paraná.

Além disso, o time alviverde não emplacou a quarta vitória seguida. O Coritiba não conquista esse feito desde abril de 2016, ou seja, há mais de três anos.

TABELA DA SÉRIE B

Apesar da vitória por 1 a 0 do América-MG sobre o Oeste, o Coxa se manteve na quarta posição. Os paranaenses e mineiros ficam com 47 pontos, mas o Coritiba leva vantagem nos gols-pró: 36 a 33.

Entretanto, caso o Paraná Clube vença o Figueirense na Vila Capanema – o jogo está marcado para às 19h, o Coxa sai do G4.

Do outro lado, o Vila Nova amargou um péssimo resultado na estreia do técnico Itamar Schulle. Além de aumentar o jejum de vitórias para cinco rodadas, o time fica com 31 pontos e segue na 17ª posição da tabela.

PRÓXIMOS JOGOS

O Coritiba se prepara agora para encarar o Operário. O duelo regional, válido pela 31ª rodada da Série B, está marcado para a próxima quinta-feira (24), às 21h30, no Couto Pereira.

No mesmo horário, só que na sexta-feira (25), o Vila enfrenta o Bragantino, líder isolado da Segundona, no estádio Nabi Abi Chedid.

O JOGO

O Vila Nova não teve dificuldades para encaminhar a vitória no primeiro tempo. Aos 9 minutos, Alan Mineiro cobrou falta e Gustavo Henrique cabeceou firme, no canto, para abrir o placar.

O segundo saiu aos 35. Vitor Carvalho vacilou na saída de bola e viu Ramon desarmou o coxa-branca e bateu firme para ampliar.

Na etapa final, o Coxa empatou aos 35. William Matheus cobrou falta e Sabino subiu mais que todo mundo para testar firme.

Já nos acréscimos, Robson sofreu falta perto da área. Giovanni foi para a cobrança e soltou uma bomba para igualar tudo no marcador.

Gustavo Henrique abriu o placar no Serra Dourada. (Reprodução / Twitter Vila Nova)