Calma, estamos todos perdidos, luis henrique pellanda, livro, crônicas

“Calma, estamos perdidos” é o novo livro do escritor paranaense Luís Henrique Pellanda

Calma, estamos perdidos” é o  quarto livro de crônicas do escritor Luís Henrique Pellanda e  a primeira antologia, que marca os 10 anos de carreira do também jornalista e músico.

A obra reúne 58 crônicas urbanas que falam falam sobre todas as grandes metrópoles. “Acredito que a cidade, enquanto invenção humana, enquanto produto da criatividade do animal engenhoso que somos, foi um de nossos maiores sucessos, e nos fez prosperar enquanto espécie, mas, por outro lado, as cidades que inventamos para nos proteger da natureza, de onde aos poucos fomos nos retirando, se tornaram perigosas também para nós. E agora somos esse bicho que se sente perdido e inseguro na própria casa e já não pode retornar à natureza”, reflete Pellanda.

O autor discute a questão da alteridade a partir da convivência nas cidades. “Para se conviver com o outro, é preciso sobretudo respeitá-lo, considerá-lo em sua subjetividade, e aprender a ler aquilo que nos rodeia a todos, seja gente, bicho, árvore, automóvel, asfalto ou prédio. Tudo à nossa volta pode ser lido. Sou pedestre e leitor desde menino. E é a partir dessa experiência que faço minhas releituras de mundo”, relata.

No próximo dia 17 de dezembro, a Editora Positivo faz o lançamento do livro que tem ilustrações de Raro de Oliveira.

Sobre o autor

Luís Henrique Pellanda nasceu em Curitiba, em 1973. Escritor, jornalista e músico, é autor dos livros de crônicas Nós passaremos em branco (2011), finalista do Prêmio Jabuti 2012, Asa de sereia (2012) e Detetive à deriva (2016); e dos livros de contos O macaco ornamental (2009) e A fada sem cabeça (2018). Também organizou os dois volumes da antologia de entrevistas As melhores entrevistas do Rascunho (2010 e 2012). O autor trabalhou na Gazeta do Povo e na revista Veja. Foi subeditor e colunista de Rascunho (jornal literário), coeditor e cronista do site de crônicas e ilustrações Vida Breve.

Sobre o ilustrador

Raro de Oliveira nasceu no Rio de Janeiro em 1968 e vive há 28 anos em Curitiba. Estudou Comunicação Visual na Escola de Belas Artes da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Em 2014, entrou no movimento de desenho de rua (Urban Sketchers), que existe em diversas cidades do mundo. É coautor do livro Sketchers do Brasil (2016). Ilustrou livros de poesia e realizou uma série de desenhos para a exposição Volta ao Centro Histórico em 80 dias, em 2019.

Serviço

Lançamento do livro “Calma, estamos perdidos”

Autor: Luís Henrique Pellanda

Ilustrador: Raro de Oliveira

Data: 17 de dezembro de 2019, às 19h.

Local: Livraria da Vila (Shopping Pátio Batel, Av. Batel 1868, Loja 314), em Curitiba.

Escritor - Curitiba - Desenvolviemnto Sustentável - Crianças

Escritor de Curitiba lança livro infantil sobre desenvolvimento sustentável

O desenvolvimento sustentável é um conjunto de práticas que permite maior bem-estar social em conjunto com o meio ambiente. E um escritor de Curitiba tem como objetivo levar esses conceitos para a sociedade por meio das crianças.

Rodrigo Titon irá lançar em Curitiba nesta sexta-feira (13), o livro “O Menino Hiper Ativo em: O que são as ODS?”. A publicação será a segunda com o personagem que Titon criou inspirado em seu filho de quatro anos.

“Ano passado eu fiz um livro em homenagem ao meu filho e dei o nome do livro de ‘O Menino Hiper Ativo’. Na época ele tinha três anos e era uma pessoa muito ativa, embora não tenha o transtorno de hiperatividade”, explicou o escritor.

O que são as ODS?

Titon é um dos participantes do programa ODS (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável) da ONU (Organização das Nações Unidas), Ao todo são 17 propostas que pregam não somente a proteção ao meio ambiente, mas também maior igualdade social.

A ONU lançou o projeto em 2015, com objetivo de cumprir todas as metas até o ano de 2030. Titon decidiu auxiliar o projeto com sua obra esse e explicar com linguagem e práticas acessíveis para o público infantil a importância da conscientização sobre o desenvolvimento sustentável.

“A sustentabilidade acaba sendo um conceito tão abrangente que na prática fica difícil você definir o que ela é. Falar do ODS para o público infantil, possibilita que as crianças disseminem esse conhecimento dentro de casa e também na escola ou em outros núcleos que ela participe”, analisou Titon.

As aventuras de Pedro Titon, o menino hiper ativo, já conseguiram boa impressão da crítica. A primeira publicação do escritor foi indicada ao Prêmio Jabuti. principal premiação da literatura brasileira. O resultado dos finalistas desta edição será divulgado no mês de novembro.

“A paz e a erradicação da pobreza são alguns temas dentro da sustentabilidade que muitas vezes não ganham a atenção que merecem. Quando falamos em pobreza, olhamos normalmente para fora e esquecemos do olhar para o nosso local, como por exemplo a Caximba, aqui em Curitiba”, finalizou Titon.

Serviço

Livro: O Menino Hiper Ativo em: O que são as ODS?;

Autor: Rodrigo Titon;

Ilustrações: Marcelo Bittencourt;

Editora: Verso;

Páginas: 22;

Lançamento: 13 de setembro (sexta-feira), das 19h às 21h30;

Endereço: Shopping Pátio Batel, Livraria da Vila. Avenida do Batel, 1868 – Loja 314, Batel, Curitiba, Paraná.

Tarde de autógrafos badalada no Pátio Batel

Com uma movimentada tarde de autógrafos, a consultora de imagem Juliana Bacellar lançou seu primeiro livro nesta terça-feira (12), na Livraria da Vila, no Pátio Batel, em Curitiba.

“Multiplique o Seu Guarda-Roupa” é um guia prático sobre como combinar as peças de roupa, criando dezenas de looks diferentes e novos a partir das peças que as mulheres já possuem.

Créditos fotos: Bruno Tomasoni

Juliana com a colega consultora de moda Dani Amorim.
Juliana com a colega consultora de moda Dani Amorim.
LIVRO-81
Juliana com Loriane Brotto.

 

 

Colunista do Paraná Portal, Ruy Barrozo publica livro com frases ícones de suas colunas

 

Resultado de um trabalho de 37 anos de jornalismo e colunismo diário,  Ruy Barrozo lança sua primeira obra no próximo dia 9 de novembro, pela editora InVerso, o livro “Palavras de Bolso”. O evento ocorre a partir das 19 horas, na Livraria da Vila, no Pátio Batel, em Curitiba.

Palavras de Bolso é a primeira obra do jornalista e colunista Ruy Barrozo (divulgação)

Conhecido dos leitores por suas colunas jornalísticas e sociais em diversos veículos de comunicação do Paraná e do Brasil, Ruy Barrozo fez uma coletânea de frases que se transformaram em sua marca registrada.

Desde a minha primeira coluna, as frases de impacto sempre estiveram presentes”, comenta o jornalista. “Hoje em dia, em tempos de mídias sociais, as frases postadas diariamente pelo autor são muito compartilhadas. Às vezes é uma frase com cunho motivacional, outras com contexto político, que fazem com que as pessoas se identifiquem”, completa Ruy.

Em formato de livro de bolso, a obra tem um acabamento diferenciado tornando-o fácil de carregar para uma leitura rápida diária. O evento de lançamento é gratuito e contará com a presença de autoridades, sociedade em geral e imprensa.


Sobre o autor – Nascido em família notória responsável por grandes veículos de comunicação do Estado, desde criança Ruy vive a imprensa paranaense. Hoje é o mais tradicional colunista social de Curitiba e um dos mais respeitados e lidos pelos formadores de opinião, políticos e sociáveis. Ruy já escreveu colunas para mais de 25 veículos do Paraná, sendo lido em todas as regiões do Estado. Já esteve no Jornal do Estado, nos tempos em que o jornal era um dos principais veículos impressos do Paraná – atualmente, denominado Bem Paraná, também escreveu para Folha de Londrina/Folha do Paraná, Gazeta do Paraná (como diretor de redação), Revista Quem, Revista Curitiba É, Revista Diva, Diário do Paraná, Diário Indústria & Comércio, Curitiba Metrópole, Revista TopView, Semana no Litoral, Plus Magazine (EUA, como correspondente), Jornal do Batel, Correio Paranaense, Paraná Portal entre outros. Na rádio e na TV já ancorou o programa Social Light (Transamérica Light) e como colunista social e de eventos no programa de Ogier Buchi (Rede Mercosul). Foi nomeado a Secretário de Imprensa do Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR) e assim, assumiu a comunicação jurídica do Estado. Também atuou dirigindo a comunicação de áreas estatais como Provopar Paraná e Secretaria do Planejamento e Coordenação Geral – SEPL. Sua experiência em assessoria de imprensa levou a atender grandes nomes corporativos empresariais de Curitiba e a vários prêmios como Comunicador Social Destaque no Paraná pelo SENAP.

Palavras de Bolso
Autor:
Ruy Barrozo
Editora: InVerso
Valor: R$25.
Serviço:
Lançamento do livro Palavras de Bolso – Por Ruy Barrozo.
Local: Livraria da Vila – Pátio Batel (Av. do Batel, 1868 – Batel | Curitiba).
Data: 9/11/2017 – Quinta-Feira
Horário: 19 horas.
Evento gratuito
www.editorainverso.com.br

Leni Akcelrud lança romance vivido durante a ditadura militar

Com Metro Jornal

A professora e doutora Leni Akcelrud lança nesta terça (24) o livro “Coração Sem Endereço”, um romance que retrata tramas brasileiras.

Estreando na literatura, a autora e doutora em química elaborou em 5 anos de trajeto ao seu laboratório, personagens que deram vida à obra “Coração Sem Endereço”, ambientada no Rio de Janeiro, no auge da ditadura militar.

O livro conta a história de uma família nordestina, um médico nazista, um professor gaúcho e uma criança em risco de vida que precisa de um transplante, que moram no mesmo prédio.

Em meio a falcatruas e preconceitos raciais, o livro traz descrições minuciosas das personagens e das suas vidas, envolvendo o leitor com chantagens, segredos, doenças, subornos e morte.

Com tensões e trapaças, os personagens começam a se relacionar à medida que passam a conviver no mesmo imóvel, ponto em que a história vai tomando forma.

O lançamento é nesta terça (24) às 18h30 na Livraria da Vila do Shopping Pátio Batel.

Psicólogo lança livro de contos inspirados em conversas com pacientes

A enorme e rica bagagem dos anos atendendo em consultório serviu de inspiração para o psicólogo Akim Rohula Neto lançar o livro “Psicoterapia em Gotas 2 – Emoções à Flor da Pele”.

O título, que será lançado na próxima quinta-feira, 04 de maio, na Livraria da Vila, no Shopping Pátio Batel, traz contos inspirando nas conversas do psicólogo com seus pacientes e retrata a poesia das emoções que permeiam o dia a dia.

O evento acontece a partir das 18h30min.

Livraria da Vila / Shopping Pátio Batel – Av. do Batel, 1868 – Loja 314 – Batel.

 

Ex-preparador de Ayrton Senna lança “O Músculo da Alma – A chave para a sabedoria corporal”

 

Por que a maioria das pessoas não encontra motivação na atividade física? O modelo atual é uma forma inclusiva e sustentável de treinamento? Como a “indústria do corpo” se tornou uma aliada da obesidade e do sedentarismo, por mais paradoxal que isso possa parecer? Especialista em treinamento integral aliado à qualidade de vida,  traz neste que é seu primeiro livro as respostas para essas e outras perguntas.

Descubra porque o “fast training” não é indicado para mais de 90% da população. Neste sistema, o treinamento foi empacotado e formatado, dentro de uma lógica comercial e vendável de curto prazo. O treinamento se transformou em uma área estética, em que o foco é ganhar músculos e perder peso no menor tempo possível. Mesmo que à custa de uma destruição metódica do corpo.

Este livro é um alerta sobre o que a sociedade de consumo fez com o nosso corpo. Estrategicamente, ele foi transformado em um bem de consumo, uma “roupa” que usamos como forma de aumentar o poder de sedução e o status social. É possível pensar a cultura do corpo como uma “cultura do narcisismo”, em que os indivíduos estão obcecados por ilusões de perfeição física, esmagados pela proliferação de imagens e pelo consumismo.

Esse modelo alimenta diversos segmentos, como a indústria do emagrecimento, dos suplementos, das clínicas de estética, das técnicas cirúrgicas milagrosas, além da indústria farmacêutica e da própria indústria do fitness. Juntas, elas representam um grande problema de saúde pública na atualidade.

O corpo do qual o método Nuno Cobra fala é de outra ordem: um corpo sagrado, natural, equilibrado e profundo. Um corpo intimamente ligado à mente, às emoções e ao espírito, e que se transforma no principal agente de liberdade e sabedoria. O corpo é a forma mais simples e genial de se acalmar a mente, o “eu”, responsável por nossos desequilíbrios e angústias.

Em O Músculo da Alma – A chave para a sabedoria corporal, Nuno Cobra Jr. propõe uma ruptura com os métodos atuais de treinamento, considerados por ele ultrapassados, levantando a bandeira do “treinamento integral”, que une corpo, mente, emoção e espírito. Um treinamento que contempla todos os tipos físicos e respeita os limites corporais de cada um.

O Músculo da Alma – A chave para a sabedoria corporal

Lançamento com o autor Nuno Cobra Jr

Data: 15/12, às 19horas

Local: Livraria da Vila – Piso L3 do Pátio Batel – Av. do Batel, 1868