A história do Porto de Paranaguá

 

Veja neste vídeo a história do Porto de Paranaguá, e a sua importância para o crescimento do estado.

E clique aqui para encontrar um grupo sobre a memória paranaense no Facebook, criado por esta coluna.

Aqui está o grupo de memória de Paranaguá. E aqui está o grupo “Memória da Navegação no Brasil”.

 

 

 

Clique aqui para encontrar outras publicações desta coluna.

 

Contato com José Wille.

 

 

Tribunal nega recurso de ação popular e autoriza construção de porto em Pontal do Paraná

O Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) negou recurso de uma ação popular que que suspendia a obra de construção de um porto em Pontal do Paraná, no Litoral do Estado. Segundo a decisão, a condição imposta pelo juízo de primeiro grau para a liberação, que era a apresentação do componente indígena do estudo de impacto ambiental, foi cumprida.

A ação popular foi movida por moradores que solicitaram a suspensão da licença de instalação do empreendimento até que a comunidade indígena do entorno da obra tivesse participação analisada pelo Estudo de Impacto Ambiental da Funai. A fundação deveria, portanto, realizar um exame da presença do componente indígena no Plano Básico Ambiental do porto.

No tribunal, o relator do caso, desembargador federal Cândido Alfredo Silva Leal Junior, seguiu o entendimento da primeira instância. “A liminar discutida se limitou a suspender os efeitos da licença de instalação até a análise conclusiva do componente indígena do Estudo de Impacto Ambiental (EIA) pela FUNAI. Como essa análise já foi feita, a liminar realmente se esgotou, não havendo reparos a fazer à decisão agravada, que considerou exaurida a tutela deferida”, afirmou o magistrado.

O desembargador ainda ressaltou que uma nova liminar pode ser protocolada durante o processo de licitações.

“Se o autor-agravante, a FUNAI e o Ministério Público discordam da proteção que foi outorgada pelo juízo por meio dessa liminar e entendem que a licença de instalação e o processo de licenciamento deveriam permanecer suspensos até a análise do Plano Básico Ambiental (PBA) ou, além disso, deveriam ter recorrido. Como não o fizeram, a decisão está preclusa. Este agravo de instrumento não é a via adequada para discutir o acerto da liminar, nem para obter provimento jurisdicional mais abrangente, considerando que a parte agravante pediu somente o restabelecimento daquela liminar que já deixou de produzir efeitos, e não o deferimento de nova tutela de urgência”, concluiu o relator.

Porto em Pontal do Paraná

A construção de um Porto na cidade de Pontal do Paraná tem gerado muita polêmica ao longo dos últimos anos devido aos impactos ambientais na região. O Porto de Pontal do Paraná ficará na chamada Ponta do Poço. Para atender a demanda depois que o porto começar a funcionar, está prevista a implantação da chamada faixa de Infraestrutura, que compreende a construção da PR-809, uma nova rodovia com quase 20 quilômetros de extensão, paralela à PR-412, entre a PR-407 e Pontal do Sul.

A licitação ainda prevê implantação e melhorias de quatro acessos rodoviários entre as PRs 809 e 412, nos balneários Santa Terezinha, Ipanema, Shangri-lá e Atami; execução de cinco viadutos e quatro pontes, além da readequação e ampliação do canal de macrodrenagem, com mais de 15 quilômetros.

navio cruzeiro litoral paraná

Navios de cruzeiro podem retornar ao litoral do Paraná

Está em andamento um estudo que prevê a possibilidade de tornar o litoral do Paraná um ponto de parada para navios de cruzeiro turísticos. O assunto é debatido pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo, junto a entidades de classe interessadas. O estudo ainda está em estágio inicial e avalia questões de logística e operação, além dos atrativos turísticos que podem ser explorados no litoral.

Nesta quarta-feira (29), uma reunião levou representantes da Paraná Turismo, MS Eco Cruises, Prefeitura de Antonina e diretoria dos Portos do Paraná até a sede da Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (APPA), em Paranaguá.

“O turismo náutico no Litoral passa a ser uma grande porta de entrada para o desenvolvimento em todo o Estado”, diz o secretário Márcio Nunes. “A reunião foi muito importante para que todas as partes entendam a logística dessa operação”, afirmou.

Segundo ele, o objetivo dessa primeira reunião é estruturar o melhor local de parada dos navios de cruzeiro e não ser apenas uma escala, mas sim uma possibilidade de embarque e desembarque de passageiros.

O superintendente dos Portos do Paraná, Luiz Fernando Garcia, diz que o desafio é grande, porque são anos sem receber navios cruzeiros. “São projetos importantes e o que o Porto irá buscar é dar apoio operacional para isso”, afirmou.

Ainda não há previsão para novas reuniões sobre o tema.

Receita Federal apreende carga de cocaína avaliada em R$ 8 milhões no Porto de Paranaguá

Uma carga de cocaína, avaliada em R$ 8 milhões, foi apreendida no Porto de Paranaguá, na madrugada desta sexta-feira (17). Foram 304 quilos da droga, que estavam escondidos em uma carga de sucatas, que iria para Rotterdam, na Holanda. Esta é a decima apreensão realizada apenas em 2019 – até agora, foram 6.700 quilos de cocaína apreendidos no terminal.

Na ação, o entorpecente foi encontrado com a ajuda do scanner, da Receita Federal, em uma operação de rotina no Terminal de Contêineres. Ninguém foi preso. A droga foi encaminhada à Polícia Federal.

Liverpool goleia o Porto e encara o Barcelona na semifinal da Liga dos Campeões

O Liverpool goleou o Porto por 4 a 1 nesta quarta-feira (17), no Estádio do Dragão, e confirmou vaga na semifinal da Liga dos Campeões 18/19.

Mané, Salah, Firmino e Van Dijk marcaram pelos visitantes, enquanto o brasileiro Éder Militão descontou pelos portugueses.

No duelo de ida, os Reds tinham construído a vantagem por 2 a 0.

Agora, os ingleses se preparam para enfrentar o Barcelona, que eliminou o Manchester United ontem (16).

LEIA TAMBÉM: Manchester City faz 4 a 3 no Tottenham e é eliminado da Liga dos Campeões

O JOGO

Precisando do resultado, o Porto começou pressionando. Foram 13 arremates ao gol dos Reds, mas foram os visitantes quem abriram o placar aos 26 minutos. Salah chutou mascado e Mané, rápido na jogada, ganhou na zaga para completar para as redes. A defesa lusitana ainda pediu impedimento do camisa 10, mas o árbitro de vídeo (VAR) confirmou a abertura do placar.

No segundo tempo, Marega quase empatou numa cabeçada aos seis minutos, mas viu a vantagem inglesa aumentar. Aos 19 minutos, Salah ficou cara a cara com Casillas e deslocou o goleiro para fazer 2 a 0.

Três minutos mais tarde, o brasileiro Éder Militão aproveitou o cruzamento e testou firme para marcar o gol de honra dos Dragões. Também de cabeça, Roberto Firmino ampliou aos 31 e Van Dijk fechou a conta aos 38. No placar agregado, o Liverpool goleou por 6 a 1.

Foto: Divulgação UEFA / Twitter

 

Manchester City x Tottenham e Porto x Liverpool: onde assistir e escalações

Manchester City x Tottenham e Porto x Liverpool completam as quartas de final da Liga dos Campeões 18/19. Ambos acontecem nesta quarta-feira (17), às 16h (horário de Brasília). Confira onde assistir:

No Etihad Stadium, na Inglaterra, os Citizens enfrentam os Spurs. A partida será exibida pelo Facebook do Esporte Interativo.

Já no Estádio do Dragão, em Portugal, os Dragões encaram os Reds. O embate será transmitido na TV fechada, no canal TNT.

O vencedor do primeiro duelo irá enfrentar o Ajax, que eliminou a Juventus de Cristiano Ronaldo.

O classificado entre Porto e Liverpool vai jogar contra Barcelona na próxima fase, já que os catalães superaram o Manchester United.

CITIZENS x SPURS

Em 157 jogos oficiais, os dois clubes somam 61 vitórias além de 35 empates. Os números comprovam o equilíbrio do duelo.

A dúvida no time titular deve ser a presença de Fernandinho. O brasileiro é o ponto de equilíbrio dos Citizens e pode ser peça fundamental para voltar à semifinal da Champions League. Caso isso aconteça, será a segunda vez na história que o City ficará entre os quatro melhores clubes da competição – a primeira foi na temporada 2015/2016.

O time titular do City está escalado com: Ederson; Walker, Kompany, Laporte e Mendy; Gündogan, De Bruyne e David Silva; Bernardo Silva, Sterling e Agüero.

Já o time de Londres, treinado por Maurício Pocchetino, não poderá contar com o artilheiro Harry Kane, que saiu com uma lesão no tornozelo no primeiro jogo. Apesar de ter as mesmas características de referência no ataque, o espanhol Fernando Llorente não superou a concorrência e o comandante dos Spurs preferiu atuar com Son adiantado, tendo o trio de meias Eriksen, Dele Alli e Lucas Moura atrás.

O time do Tottenham está escalado com: Lloris; Trippier, Alderweireld, Vertonghen e Danny Rose; Sissoko, Wanyama; Eriksen, Dele Alli e Lucas Moura; Son.

Lucas Moura marcou três dos quatro gols do Tottenham na goleada sobre o Huddersfield no último sábado, pela Premier League. Foto: Divulgação Tottenham / Twitter

PORTO x LIVERPOOL

Se existe equilíbrio no outro confronto, o Liverpool sobra contra o Porto. Em sete jogos, são quatro triunfos ingleses e três empates.

Para tentar conquistar a vaga na semifinal, o técnico Sérgio Conceição terá seu artilheiro em campo. Esperança de gols, o atacante Marega já anotou seis gols nos oito jogos que disputou e é o maior goleador do clube neste torneio.

O provável Porto deve ter: Casillas; Éder Militão, Pepe, Felipe e Alex Telles; Danilo, Herrera e Otávio; Brahimi, Marega e Soares.

Do outro lado, os Reds contam com a presença de Van Dijk na defesa para não passarem nenhum sufoco. Já no ataque, a artilharia é dividida: Salah, Mané e Firmino têm três gols cada e podem decidir a qualquer momento.

A provável escalação do Liverpool é: Alison; Alexander-Arnold, Fabinho, Van Dijk e Robertson; Henderson, Keïta e Milner; Salah, Sadio Mané e Roberto Firmino.

Mané e Firmino são duas das principais armas do Liverpool para o confronto. Foto: Divulgação Liverpool / Twitter

Liverpool bate Porto e abre vantagem nas quartas da Liga dos Campeões

O Liverpool venceu o Porto por 2 a 0 nesta terça-feira (9) e largou na frente pelo duelo das quartas de final da Liga dos Campeões. O meia Keita e o atacante brasileiro Roberto Firmino garantiram a vitória dos Reds no Anfield ainda no primeiro tempo.

O jogo da volta está marcado para a quarta-feira (17) da semana que vem. Às 16h (horário de Brasília), o Porto vai tentar reverter a vantagem dos ingleses com o apoio da sua torcida no Estádio do Dragão.

O jogo

O Liverpool começou o jogo a todo vapor e chegou ao primeiro gol logo aos quatro minutos. Mané encontrou Firmino dentro da área e o brasileiro viu Keita na entrada da área. O guineano bateu firme e contou com o desvio do marcador para inaugurar o marcador.

Aos 17 minutos, Salah arrematou de fora da área, mas Iker Casillas conseguiu fazer a defesa. O embate entre o egípcio e o espanhol voltou a acontecer quatro minutos mais tarde, quando o camisa 11 saiu cara a cara com o goleiro, mas bateu para fora.

Se Salah errou nas suas oportunidades, Firmino mostrou eficiência aos 26. Ele iniciou a jogada e tocou para Henderson e o meio campista inglês acionou Alexander Arnold na ponta direita. O lateral cruzou rasteiro e o atacante brasileiro, livre de marcação, completou para o fundo das redes.

O bom entrosamento entre Firmino e Henderson apareceu aos 33, mas o brasileiro finalizou por cima do gol após o cruzamento do capitão do Liverpool.

Na etapa final, o Liverpool seguiu criando mais até os 25 minutos, quando Salah e Mané desperdiçaram bons arremates. Depois disso, o ritmo do jogo caiu até o apito final.

Um dos principais nomes dos Reds nessa Liga dos Campeões, Mané passou em branco. Foto: Divulgação / Twitter Liverpool

Jogos das quartas de final da Liga dos Campeões são definidos; veja os duelos

Aconteceu na manhã desta sexta-feira (15) o sorteio para as quartas de final da Liga dos Campeões da Europa. Destaque para os duelos entre Manchester United e Barcelona e Ajax contra Juventus. Os confrontos entre Tottenham x Manchester City e Liverpool x Porto completam a fase.

O sorteio também deixou definido o caminho até a decisão do torneio, que acontece no dia 1º de junho, em Madri (Espanha), no estádio Wanda Metropolitano. Barcelona ou United pega quem ganhar o confronto entre Liverpool e Porto na semifinal. Já classificado do duelo entre Tottenham e City encara Ajax ou Juventus.

Por decisão das autoridades inglesas, City e United não podem jogar em Manchester no mesmo dia ou em noites consecutivas. Assim, os “Diabos Vermelhos” jogam a primeira partida contra o Barcelona em casa. Nos outros confrontos, Ajax, Tottenham e Liverpool fazem a primeira partida em seus domínios.

As partidas de ida acontecem nos dias 9 e 10 de abril. Os retornos estão programados para 16 e 17 do mesmo mês. Os clubes da Inglaterra são maioria nas quartas. O último inglês campeão foi o Chelsea, em 2011/12.

Confira todos os confrontos da Liga dos Campeões (os times à esquerda fazem o primeiro jogo em casa):

Ajax (HOL) x Juventus (ITA)
Tottenham Hotspur (ING) x Manchester City (ING)
Liverpool (ING) x Porto (POR)
Manchester United (ING) x Barcelona (ESP)

Alex Telles converte pênalti na prorrogação e Porto elimina a Roma

O Porto despachou a Roma da Liga dos Campeões nesta quarta-feira (6), no estádio do Dragão. No tempo normal, os portugueses venceram por 2 a 1, mesmo placar do jogo da ida. Os gols dos donos da casa foram marcados pelos atacantes Soares e Marega. O volante De Rossi descontou pelos italianos em cobrança de pênalti.

Já na prorrogação, o lateral esquerdo brasileiro Alex Telles acertou a cobrança de pênalti marcado com o uso do VAR (árbitro de vídeo) e selou a vaga dos portugueses nas quartas de final, algo que não acontecia há três temporadas.

O Porto é o quarto time a se classificar para as quartas de final da Liga dos Campeões. Ajax, Tottenham e Manchester United também aguardam o sorteio dos duelos da próxima fase, marcado para a outra sexta-feira (15).

Exportações paranaenses de caminhões crescem 244% em janeiro

As exportações de caminhões de carga produzidos no Paraná somaram US$ 47,2 milhões em janeiro deste ano, alta de 244% em relação ao mesmo mês de 2018 (US$ 13,7 milhões). Foi a maior variação entre os dez principais itens da pauta de exportações do Estado, segundo dados do Ministério da Economia, tabulados pelo Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social.

“É o melhor resultado para o mês de janeiro na série histórica iniciada em 1997”, destaca Julio Suzuki, diretor de pesquisa do Ipardes. Até então, o recorde era o de 2008: US$ 26,7 milhões. Este salto, diz Suzuki, se reflete em bons indicadores sociais.

“O crescimento das exportações paranaenses de caminhões impacta diretamente sobre o nível da produção, que, por sua vez, garante um maior nível de emprego em um setor que é caracterizado pelas ocupações mais qualificadas”, ressalta ele.

O aumento expressivo foi alavancado pelas vendas de caminhões pesados. “Está diretamente relacionado à recuperação do mercado externo e também reflete a atuação proativa dos fabricantes de caminhões de carga para compensar as limitações existentes no mercado interno, que retraiu muito durante a recente crise brasileira”, analisa Suzuki.

POSIÇÃO NACIONAL 

O valor exportado no mês passado coloca o Estado na segunda posição do ranking nacional, atrás apenas de São Paulo, superando estados que abrigam grandes fabricantes de caminhões de carga, como Rio de Janeiro e Minas Gerais. Entre os países importadores dos veículos paranaenses, destacaram-se a Argentina e o México, cujas compras alcançaram US$ 20,6 milhões e US$ 13,9 milhões, respectivamente, em janeiro de 2019.

CONTRAMÃO 

O desempenho das exportações do segmento no Paraná está na contramão do País. Conforme as estatísticas do Ministério da Economia, as vendas externas brasileiras de caminhões de carga recuaram 6,4% no primeiro mês de 2019 em comparação com janeiro de 2018, de US$ 124,5 milhões para US$ 116,5 milhões. O recorde nacional do setor em janeiro foi verificado em 2017: US$ 169,7 milhões.