novos-binarios-curitiba-bairro-hauer-e-portao

Novos binários alteram trânsito nos bairros Hauer e Portão, em Curitiba; confira!

Nesta semana, dois novos binários de trânsito começam a funcionar em Curitiba. As mudanças ocorrem em ruas dos bairros Portão e Hauer, para melhorar a fluidez e diminuir congestionamentos.

A primeira mudança é realizada nesta terça-feira (25), no bairro Hauer. A partir das 11h, equipes da Setran começam a alterar a sinalização em duas ruas paralelas que passarão a ter sentido único: João Soares Barcelos e Oliveira Viana.

De acordo com a Superintendência de Trânsito (Setran), binários contribuem para facilitar a travessia, pois reduzem o conflito com os carros que seguem apenas em um sentido de circulação.

NOVO BINÁRIO MUDA SENTIDO DE DUAS RUAS NO HAUER

A partir das 11h, equipes técnicas da Setran começam a alterar a sinalização em duas ruas paralelas que passarão a ter sentido único: João Soares Barcelos e Oliveira Viana.

“Será um prolongamento do binário já existente entre essas duas ruas, no trecho de uma quadra”, informa o secretário da Defesa Social e Trânsito, Guilherme Rangel.

O motorista que estiver na Rua João Soares Barcelos, na quadra entre a Waldemar Kost e a Alcino Guanabara, poderá seguir apenas no sentido Parolin.

Já a alteração na Oliveira Viana será entre a Waldemar Kost e a Irmã Flávia Borlet e o motorista poderá seguir apenas no sentido Alto Boqueirão.

novo binário curitiba no bairro hauer
Novo binário no bairro Hauer

RUA JOÃO BETTEGA TERÁ SENTIDO ÚNICO EM DIREÇÃO À CIC

Nesta quarta-feira (25), no bairro Portão, a mudança será na Rua João Bettega, que fará binário com a Rua Luiz Parigot de Souza, pela extensão de 800 metros.

Com a alteração, a João Bettega terá sentido único em direção à CIC, a partir da Rua Doutor João Tobias Pinto Rebelo até a Professor Manoel de Abreu.

A Luiz Parigot de Souza, que completa o binário, já possui sentido único em direção ao Terminal Portão.

novo binário curitiba no bairro portão
Novo binário no bairro Portão

Com a alteração de trânsito na João Bettega, algumas linhas de ônibus sofrerão mudanças:
 050 – Interbairros V (alteração de itinerário sentido Terminal Portão);
– 612 – Portão/CIC (alteração de itinerário sentido Terminal Portão);
– 614 – Fazendinha/PUC (alteração de itinerário sentido Terminal Portão);
– 615 – Uberlândia (alteração de itinerário sentido Terminal Portão);
– 674 – Nsa.Sra.da Luz (alteração de itinerário sentido Centro).

As alterações de itinerários das linhas se darão pela Rua Luiz Parigot de Souza, sentido do Terminal Portão, que compõe o novo binário com a Rua João Bettega, no sentido CIC.

veiculo-apreendido-com-multa-

Motorista bêbado é flagrado com carro com mais de R$ 120 mil em débitos, em Curitiba

Um carro que estava com mais de R$ 120 mil em débitos atrasados foi apreendido na noite desta quarta-feira (19), no centro de Curitiba. O dono do automóvel, com placas de Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba, foi autuado.

MOTORISTA DE CARRO COM MAIS DE R$ 120 MIL EM DÉBITOS NÃO TINHA CNH

No início da noite, o motorista foi abordado na Rua Ubaldino do Amaral por uma equipe da GM (Guarda Municipal). Ao pedir a documentação, os guardas descobriram que o veículo tinha mais de R$ 97 mil em multas. Além disso, o proprietário nunca havia pago o Imposto sobre a IPVA (Propriedade de Veículos Automotores) e outras taxas.

Somando todas as despesas, o carro, da KIA, tinha mais de R$ 120 mil em débitos. Além disso, o motorista foi encaminhado para à DEDETRAN (Delegacia de Delitos de Trânsito) por dirigir alcoolizado e por não ter CNH (Carteira Nacional de Habilitação).

OUTRO AUTOMÓVEL FOI APREENDIDO NA MESMA NOITE

Na mesma noite, um veículo da marca Fiat foi autuado e removido em uma blitz no bairro Barreirinha, realizada por agentes da Setran (Secretaria Municipal de Defesa Social e Trânsito de Curitiba). Depois de analisar a documentação contatou-se que o veículo, também com placa de Colombo, tinha mais de R$ 30 mil em débitos.

Os carros apreendidos foram encaminhados para o pátio da Setran.

carnaval curitiba marechal deodoro

Arquibancada para o Carnaval começa a ser montada e afeta o trânsito de Curitiba

As arquibancadas usadas para o Carnaval de Curitiba, na Rua Marechal Deodoro, no Centro, começam a ser instaladas neste sábado (15). Por causa disso, a Setran (Superintendência de Trânsito) bloqueará parcialmente a rua entre 8h e 22h até a próxima quinta-feira (20).

A Setran afirma que agentes estarão no local para orientar os motoristas. As arquibancadas do Carnaval ficarão entre a Rua Barão do Rio Branco e a Avenida Marechal Floriano Peixoto.

Até a conclusão da instalação, a faixa de estacionamento da Marechal Deodoro e uma das faixas de rolamento do lado esquerdo serão bloqueadas.

CARNAVAL EM CURITIBA

Além dos diversos blocos, as escolas de samba de Curitiba vão fazer o desfile de Carnaval no próximo final de semana. O ensaio técnico será realizado na sexta-feira (21), das 20h às 22h, na Rua Marechal Deodoro.

Já os desfiles acontecem no sábado (22) e domingo (23).

Confira a programação:

Sábado (22/2)

  • Das 12h às 15h: Carnaval Nerd. A concentração será na Praça Santos Andrade, enquanto o percurso passará pelas Ruas João Negrão e Marechal Deodoro. Por fim, a dispersão será na Praça Zacarias.
  • Das 15h às 17h: Baile público carnavalesco infantil (matinê). Tudo será feito na Rua Marechal Deodoro.
  • Das 18h às 4h: Desfile das Escolas de Samba Grupo Especial e Blocos Carnavalescos. Tudo será feito na Rua Marechal Deodoro.

Domingo (23/2)

  • Das 18h às 4h: Desfile das Escolas de Samba Grupo Acesso e Blocos Carnavalescos. Tudo será feito na Rua Marechal Deodoro.
Avenida Visconde de Guarapuava - Curitiba - obras - motoristas

Obras impactam trânsito na Visconde de Guarapuava a partir desta segunda-feira

Os motoristas que trafegam diariamente pela Avenida Visconde de Guarapuava, em Curitiba, precisam ficar atentos. A partir desta segunda-feira (10), a Prefeitura de Curitiba irá realizar obras no asfalto no trecho entre as ruas General Carneiro e Cândido Xavier.

Ao todo, a extensão das obras é de 3.760 metros, sendo realizadas nas duas faixas da direita da avenida. Dessa forma, as outras quatro faixas estarão liberadas normalmente para o tráfego dos veículos.

Segundo a Prefeitura de Curitiba, as obras serão realizadas das 9h às 17h, de segunda a sexta-feira, e das 8h às 13h, aos sábados. Ainda não há prazo para o término da restrição da via.

Para auxiliar os motoristas, a Setran (Superintendência de Trânsito de Curitiba) fará um esquema especial de orientação dos motoristas, com agentes e também placas de sinalização nos acessos à Avenida Visconde de Guarapuava. Além disso, aplicativos de localização como Waze e Google Maps já irão informar as obras em seus trajetos.

A Setran também orientou os motoristas a pegarem caminhos alternativos para evitar o congestionamento na Visconde de Guarapuava. Por exemplo, quem vem do Alto da XV pelas ruas Ubaldino do Amaral e Almirante Tamandaré podem entrar diretamente na Avenida Marechal Deodoro via Rua Comendador Macedo, indo até a Rua Tibagi para acessar novamente a Visconde ou ir direto para as avenidas Iguaçu e Sete de Setembro.

Já para quem quer acessar a Visconde no sentido Centro, é possível utilizar a Avenida Presidente Affonso Camargo e depois a Avenida Sete de Setembro. Outro caminho é para quem vem pelo Jardim Botânico pela Avenida Prefeito Omar Sabbag, indo pelo Centro via Avenida Engenheiros Rebouças.

shopping - Curitiba - Shopping Curitiba - asfalto - Setran

Asfalto cede na frente de shopping e quadra é bloqueada em Curitiba

Um trecho de asfalto na frente do Shopping Curitiba, localizado no Centro da capital paranaense, cedeu devido a uma erosão na noite desta sexta-feira (27). Equipes da Setran (Superintendência de Trânsito) estão trabalhando no local neste sábado (28) para o conserto da via.

O trânsito no local conta com bloqueio na pista da esquerda sentido Batel na quadra da Avenida Visconde de Guarapuava entre a Rua Desembargador Motta e a Rua Brigadeiro Franco.

A erosão ocorreu por volta das 21h desta sexta, quando um ônibus de turismo estava estacionado na frente do shopping. Como a roda do veículo ficou presa na cratera, equipes da Prefeitura de Curitiba tiveram que guinchar o ônibus antes de retirá-lo.

Segundo a Prefeitura, o incidente foi causado devido ao deslocamento de tubos de concreto – com diâmetro de 0,60 metros, da galeria de águas pluviais, gerando a erosão no asfalto.

As obras foram encerradas na noite deste sábado e na próxima segunda-feira (30), as equipe retornam ao local para recolocar o asfalto na pista.

paraná assembleia transito greve servidores curitiba

VÍDEO: em greve, servidores ocupam a Assembleia Legislativa do Paraná

Os servidores do Paraná ocuparam a Alep (Assembleia Legislativa do Paraná), em Curitiba, na tarde desta terça-feira (3). A ação teve tumulto: a PMPR (Polícia Militar do Paraná) usou bombas de gás de pimenta, enquanto os funcionários públicos, em greve desde ontem (2), arremessaram pedras e algumas grades. A sessão, que estava prevista para começar às 14h30, foi suspensa pelo presidente Ademar Traiano após o confronto.

Por enquanto, não há informações de feridos.

Os servidores protestam contra as mudanças da Previdência Estadual propostas pelo governador Ratinho Junior. Entre as alterações, estão o aumento da contribuição dos servidores de 11% para 14% e o estabelecimento de idade mínima para aposentadoria de 65 anos para homens e de 62 anos para mulheres.

 

Veja o vídeo do início da ocupação dos servidores. O registro foi feito pelo jornalista Gustavo Vidal, que autorizou o uso das imagens na matéria.

Centenas servidores estavam em uma fila para realizar o cadastro e ter acesso à sessão – marcada inicialmente para às 14h30, mas o plenário só receberia 250 pessoas.

De acordo com a APP Sindicato, cerca de 5 mil servidores estavam na Praça Nossa Senhora do Salete, localizada em frente ao prédio da Alep. Durante a manhã, os manifestantes saíram da Praça 19 de Dezembro e marcharam até o local.

Para evitar possíveis intrusos, o portão principal, usado para a entrada de veículos esteve fechado. Além disso, a Rotam (Rondas Ostensivas Tático Móvel) fez um cordão de isolamento. Contudo, os servidores conseguiram entrar por uma entrada lateral.

A intenção dos deputados era que os servidores ocupassem o segundo balcão do plenário durante a sessão.

Depois, a categoria deve se reunir em uma assembleia, em frente ao Palácio Iguaçu, para avaliar os próximos passos da greve.

TRÂNSITO EM CURITIBA SOFRE COM TRÁFEGO INTENSO

Trânsito no Centro Cívico está sobrecarregado. (Francielly Azevedo)

A PMPR (Polícia Militar do Paraná) reforçou o policiamento na região e bloqueou o início da Avenida Cândido de Abreu. A região é marcada por abrigar o Palácio Iguaçu, sede do governo estadual, e à Alep (Assembleia Legislativa do Paraná).

Durante a manhã, os funcionários públicos, em sua maioria professores e funcionários de escolas públicas, saíram da Praça 19 de Dezembro e marcharam até a Praça Nossa Senhora do Salete. Desde então, as vias no entorno do local já estavam com tráfego intenso de carros. A Rua Deputado Mário de Barros e a Rua Campos Sales, que sai na Cândido de Abreu, tiveram congestionamento desde às 10h.

MUDANÇAS DA PREVIDÊNCIA NO PARANÁ

paraná assembleia transito greve servidores curitiba
Rotam tinha feito um cordão de isolamento. (Francielly Azevedo)

O pacote que propõe alterações na Previdência estadual – e resultou na greve – tramita em regime de urgência na Assembleia. As propostas seguem os mesmos moldes da reforma da previdência já aprovada no Congresso Federal, com aumento da idade mínima e do tempo de serviço para aposentadoria do funcionalismo estadual. A emenda altera os artigos 35 e 129 da Constituição do Estado.

Entre as mudanças previstas estão o aumento da contribuição dos servidores de 11% para 14% e o estabelecimento de idade mínima para aposentadoria de 65 anos para homens e de 62 anos para mulheres.

A última vez que o governo estadual promoveu mudanças na previdência paranaense foi em 2015, na gestão do ex-governador Beto Richa (PSDB). Na ocasião, a alteração no fundo de aposentadoria e pensão do funcionalismo terminou com mais de 200 feridos durante um confronto entre os servidores em greve e policiais militares, no dia 29 de abril daquele ano.

Por meio de nota, o Governo do Paraná explica que “a nova previdência do servidor público do Paraná segue rigorosamente a legislação aprovada no Congresso Nacional, após ampla discussão com os mais diversos setores da sociedade. O Governo afirma que não se trata, portanto, de uma decisão casuística e sim de cumprir a obrigação de atualizar o marco legal dos regimes próprios de previdência dos Estados, adotando o novo preceito constitucional brasileiro.

Além disso, afirma que a medida contribui para estancar o crescimento do deficit já existente para o pagamento de aposentadorias e pensões no Paraná. Conforme os dados da administração estadual, a insuficiência financeira do sistema será de R$ 6,3 bilhões. O valor é superior ao orçamento do Estado para a área de saúde.

A expectativa é que a proposta capitalize e fortaleça o Fundo de Previdência. As projeções, segundo o Executivo, mostram que em cinco anos o fundo vai retomar a capacidade financeira e em até 30 anos será autossuficiente. Com isso, ficam plenamente assegurados os pagamentos dos benefícios aos servidores.

Por fim, o governo salienta que o projeto de reforma da previdência cumprirá todo o rito legal na Assembleia Legislativa, fórum adequado para o debate a respeito da proposta, conforme já demonstrado na tramitação da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) no âmbito federal.

pedreira curitiba trânsito show

Show gospel na Pedreira afeta trânsito em Curitiba; veja as alterações

O show do grupo gospel Hillsong United vai afetar o trânsito na região da Pedreira Paulo Leminski, em Curitiba. A apresentação está marcada para às 19h desta sexta-feira (8), mas bloqueios feitos pela Setran (Superitendência de Trânsito) devem acontecer a partir das 10h, dependendo da movimentação do público.

Agentes de trânsito e monitores vão auxiliar os motoristas que passarem pela região desde às 7h. Além disso, a estimativa é que as mudanças no trânsito sigam até a meia-noite.

Além do horário das 18h ser conhecido pelo trânsito com um maior fluxo de carros, vale lembrar que uma saída do Colégio Marista Santa Maria fica na Rua João Gava, uma das vias que será bloqueada – veja a lista completa abaixo.

Confira as ruas de Curitiba que serão bloqueadas por causa do show na Pedreira. Os bairros São Lourenço, Abranches e Taboão serão afetados.

  •  Eugênio Flor (entre as ruas Nilo Peçanha e Desembargador José Carlos Ribeiro Ribas)
  • Manoel dos Santos da Silva (no cruzamento com a João Gava)
  • Antônio Krainski (entre a Nilo Peçanha e a Benedito Correia de Freitas)
  • João Gava (entre a Manoel dos Santos da Silva e a Nilo Peçanha)

Por fim, os portões da Pedreira vão ser abertos às 18h, uma hora antes do show do Hillsong United.

trânsito curitiba

Visita da princesa da Dinamarca afeta o trânsito de Curitiba nesta quarta-feira

A visita da princesa Benedikte Astrid Ingeborg Ingrid, da Dinamarca, vai afetar o trânsito de Curitiba nesta quarta-feira (23).

Ela inaugurou o orfanato do Instituto Princesa Benedikte (IPB) hoje, mas permanece na capital paranaense para participar de um evento no Memorial de Curitiba.

Com isso, ruas do Centro e do bairro São Francisco terão bloqueios durante a manhã, a partir das 9h30, até às 12h.

Os desvios serão organizados por agentes de trânsito (Setran) e guardas municipais.

Confira todas as mudanças do trânsito de Curitiba:

  • Bloqueio na Mateus Leme com a Rua Treze de Maio;
  • Bloqueios na Rua Claudino dos Santos e na Rua do Rosário, ambas no cruzamento com a Travessa Nestor de Castro;
  • Proibição de estacionamento a partir das 7h na Rua do Rosário (trecho entre a Nestor de Castro e a Claudino dos Santos) e na Rua Duque de Caxias (entre a Claudino dos Santos e a Treze de Maio).
ex-militar paraná

Ex-militar tem surto, faz mãe de 99 anos como refém e efetua mais de 60 tiros dentro de casa

Um senhor de 74 anos, ex-militar, teve um surto psicótico na noite desta segunda-feira (7) e causou pânico aos moradores do bairro Mercês, em Curitiba. Ele efetuou mais de 60 disparos dentro do apartamento onde mora e exigiu uma operação de cinco horas da polícia. Além disso, fez sua própria mãe, de 99 anos, e a enfermeira dela, de 50 anos, como reféns.

As duas foram liberadas após três horas de negociação com o suspeito, mas o caso só foi resolvido quando o homem se jogou da janela, uma altura de três metros, após a polícia jogar duas bombas de gás lacrimogênio no apartamento do segundo andar. Além disso, o idoso ainda foi baleado – com bala de borracha – na perna, mas passa bem após ser encaminhado ao Hospital Evangélico, onde ainda está internado.

De acordo com a assessoria do hospital, ele vai passar por avaliação da psiquiatria, psicologia e ortopedia. Por enquanto, ele apresenta um quadro estável e não tem previsão de alta.

“Diante do risco de uma pessoa em surto psicótico, que estava bem armado, com muita munição disponível, o encerramento dessa situação foi a melhor possível, pois não houve feridos e o causador do evento crítico foi contido sem ferimentos graves causados pela PM”, explicou o tenente-coronel Anderson Teixeira.

No total, foram apreendidas três armas, um colete balístico e 386 munições – 274 de calibre .38 e 112 de calibre .12. Além disso, o suspeito ainda tinha 3.390 espoletas e uma máquina de recarga de munições.

O SUSPEITO

Conforme as informações da PMPR (Polícia Militar do Paraná), Luiz Carlos de Campos era ex-militar, já trabalhou como professor de francês em Curitiba e não tinha antecedentes criminais. Além disso, tinha registro de quatro armas de fogo.

“O local que ele estava confinado, fez várias barricadas. Ele não respondeu à negociação e efetuou vários disparos. Foram vistas duas armas longas, uma calibre 12 e uma espingarda winchester, e também um revólver calibre 38”, conta o coronel Hudson Teixeira.

“Nós optamos por não fazer o uso do sniper para preservar a vida dele e fazer com que ele saísse com a utilização do gás lacrimogênio. Ele pulou de uma altura de três metros e foi atingido por munição não letal. Primeiro ele jogou um machado para tentar arrebentar a parede e depois usou para arrebentar a janela. No momento que ele pulou, estava desarmado”, completa o coronel.

CASO ATRAPALHAM O TRÂNSITO

Duas quadras da Rua Martim Afonso (entre a Alameda Prudente Moraes e a Rua Visconde do Rio Branco) acabaram sendo bloqueadas em Curitiba. Além do isolamento da área, a PMPR também evacuou as residências no apartamento onde o ex-militar estava.

Com a ocorrência, que durou cinco horas, o congestionamento foi grande e o fluxo de carros ficou carregado na região.

trânsito curitiba ex-militar surto
Trânsito ficou pesado em Curitiba após surto de ex-militar. (Colaboração)