Copa Sul-Americana - Vasco - Oriente Petrolero

Vasco segura pressão do Oriente Petrolero e avança na Sul-Americana

Com uma bola no travessão aos 50 minutos do segundo tempo, o Vasco segurou empate sem gols contra o Oriente Petrolero na noite desta quarta-feira (19), garantindo sua classificação na Copa Sul-Americana.

O Cruz-Maltino havia vencido o jogo da ida por 1 a 0, garantindo pelo placar agregado sua vaga na segunda fase da competição.

O duelo foi realizado na Estádio Ramón Tahuichi Aguilera, em Santa Cruz de la Sierra, na Bolívia.

O Vasco aguarda agora novo sorteio da Conmebol para conhecer seu próximo adversário na Copa Sul-Americana. O melhor resultado do Cruz-Maltino na competição foi em 2011, quando chegou até as semifinais e foi eliminado pela Universidad de Chile de Jorge Sampaoli.

TEMPO DE TREINO PARA ABEL BRAGA

Sem a vaga na final da Taça Guanabara, o Vasco terá mais de duas semanas para que o técnico Abel Braga possa colocar o time em melhor ritmo para a disputa da Taça Rio.

O Vasco fará sua estreia na Taça Rio contra o Resende, no Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, no dia 29 (sábado).

Na mesma semana, o Vasco terá compromisso pela segunda rodada da Copa do Brasil, quando recebe o ABC, em São Januário, no dia 5 de março (quinta-feira).

CLASSIFICAÇÃO GARANTIDA PELO TRAVESSÃO

A primeira jogada de perigo do jogo foi do Oriente Petrolero aos oito minutos. Montenegro recebeu na lateral da área e finalizou cruzado, mas Rojas chegou atrasado e perdeu grande chance para abrir o placar.

Aos 19 minutos, foi Carreño quem quase marcou o primeiro gol da partida. O volante arriscou falta da entrada da área e a bola passou perto do poste esquerdo.

O Vasco criou sua primeira chance de perigo aos 37 minutos. Yago Pikachu serviu Talles Magno, que buscou a finalização de cobertura e acertou o travessão.

Ainda deu tempo de Germán Cano criar boa chance. Aos 47 minutos, o atacante recebeu bom passe de Marcos Júnior, fintou Saucedo e bateu rasteiro perto do poste direito.

Fernando Miguel quase facilitou a tarefa do Oriente Petrolero aos cinco minutos do segundo tempo. Após cobrança de falta de Carreño, o goleiro bateu roupa e Salinas ficou livre para marcar, mas mandou a bola por cima da meta.

O Vasco respondeu com duas chegadas seguidas aos 22 e 23 minutos. Primeiro, Germán Cano cruzou rasteiro para Marrony, que pegou de primeira para Banegas espalmar.

Na sequência, Raul bateu escanteio, Banegas saiu mal da meta e Marcos Júnior rolou para Marrony finalizar para o gol, mas o atacante pegou muito embaixo da bola e perdeu grande chance.

O Oriente Petrolero voltou a assustar aos 34 minutos. Castillo lançou Zoch na área e o atacante finalizou à esquerda da meta.

Ribamar quase abriu o placar aos 42 minutos. O atacante recebeu na entrada da área e soltou a bomba para Banegas espalmar.

No minuto seguinte, Saucedo fez boa jogada pela direita e cruzou na medida para Bueno, que cabeceou perto do travessão de Fernando Miguel.

Bueno teve grande chance aos 50 minutos. Novamente Saucedo colocou a bola nos pés do atacante, que recebeu livre, cortou para o meio e acertou em cheio o travessão.

Lucas Silva - Flamengo - Vasco - Campeonato Carioca

Flamengo bate o Vasco e vence a primeira no Campeonato Carioca

Em um clássico recheado de garotos, o Flamengo venceu o Vasco por 1 a 0 nesta quarta-feira (22), conquistando sua primeira vitória no Campeonato Carioca.

A partida marcou o reencontro de Abel Braga com a torcida do Flamengo. O técnico comandou o rubro-negro no início da última temporada e foi campeão carioca com a equipe, antes de ser demitido e dar lugar para Jorge Jesus.

O duelo válido pela segunda rodada do Campeonato Carioca foi realizado no Maracanã, que recebeu 25.738 torcedores.

O gol da vitória do Flamengo foi marcado por Lucas Silva.

A vitória deixa o Flamengo com quatro pontos ganhos, enquanto o Vasco fica estacionado com apenas um tento conquistado.

PRÓXIMOS JOGOS

As equipes voltam a campo neste sábado (25), pela terceira rodada do Campeonato Carioca.

O Flamengo recebe o Volta Redonda no Maracanã, às 18h.

Já o Vasco viaja até Cariacica, no Espírito Santo, para enfrentar o Boavista, às 19h.

O JOGO

O Vasco quase abriu o placar do jogo logo no primeiro minuto. Após dividida na entrada da área, Tiago Reis finalizou e Gabriel Batista bateu roupa. Ribamar quase marcou o gol, mas o árbitro assinalou impedimento.

Ribamar realmente não teve sorte com o impedimento no duelo. No minuto seguinte, Tiago Reis cruzou da esquerda, Dantas não conseguiu cortar e Ribamar finalizou por cima de Gabriel Batista. Mas o VAR constatou que o atacante estava em posição irregular e anulou o gol.

O atacante ainda perderia grande chance aos seis minutos. Tiago Reis encontrou Juninho com passe de calcanhar e o meia serviu Ribamar, que errou a finalização e desperdiçou oportunidade clara de gol na pequena área.

O Flamengo conseguiu responder apenas aos 26 minutos. Yuri César encontra Ramon, que cruza na medida para Luiz Henrique finalizar no travessão.

Mas no minuto seguinte, o Lucas Silva não desperdiçou a chance e abriu o placar para o Flamengo. Em novo cruzamento de Ramon, o atacante recebeu livre na área e só tirou de Jordi para balançar as redes.

O Vasco respondeu aos 37 minutos com Andrey. Em cobrança de falta na risca da área, o volante bateu firme e Gabriel Batista fez boa intervenção.

Antes do intervalo, Lucas Silva ainda perderia grande chance para ampliar o placar. Miranda chutou em cima de Alexandre e a bola sobrou para Vitor Gabriel. O meia serviu o atacante -que livre de marcação, pegou muito embaixo da bola e mandou longe do gol.

A primeira chance de gol do segundo tempo foi do Flamengo aos 13 minutos. Vitor Gabriel arriscou de fora da área e Jordi quase se complicou para fazer a defesa em dois tempos.

O Vasco respondeu aos 34 minutos. João Pedro lançou Ribamar, que chutou cruzado, mas a bola resvalou na defesa e não chegou em Pec, que estava livre no segundo poste.

O Cruz-Maltino ainda teve uma última chance aos 43 minutos. Miranda lançou Vinicius na esquerda e o meia cruzou para Pec na pequena área. O atacante finalizou mascado, mas a bola passou perto do poste direito.

Flamengo - Palmeiras - Internacional - Corinthians - Santos - São Paulo - Grêmio - Copa Libertadores da América - Athletico Paranaense

Athletico Paranaense encara Penãrol e Colo Colo na Libertadores

A Conmebol realizou o sorteio da primeira fase da Copa Libertadores na noite desta terça-feira (17). As sete equipes brasileiras que irão participar da competição conheceram seus adversários.

Os brasileiros desta edição serão o Athletico Paranaense, Corinthians, Flamengo, Grêmio, Internacional, Palmeiras, Santos e São Paulo.

Corinthians e Internacional entram na competição na segunda fase e ainda não sabem seus adversários. Os paulistas aguardam o duelo da primeira fase entre Guarani (PAR) e o quarto selecionado do Campeonato Boliviano. Já os gaúchos enfrentam a quarta equipe do Campeonato Chileno.

Caso avancem dessa fase, o Corinthians encara o vencedor do duelo entre Cerro (URU) e Palestino (CHI), enquanto o Internacional mede forças contra o ganhador da partida de Macará (EQU) e Deportes Tolima (COL).

As duas equipes brasileiras decidem em casa em ambos os confrontos.

Na fase de grupos, o Athletico Paranaense ficou no Grupo C, ao lado do Peñarol (URU), do Colo Colo (CHI) e do segundo colocado do Campeonato Boliviano.

O Flamengo ficou balizado no Grupo A e encara o atual campeão da Sul-Americana, Independiente del Valle (EQU), o Junior Barranquilla (COL) e um classificado das fases prévias entre Cerro Porteño (PAR), Sporting Cristal (PER), Carabobo (VEN), Universitário (PER), Progresso (URU) e Barcelona de Guayaquil (EQU).

O Palmeiras é o cabeça de chave do Grupo B e irá medir forças contra o Bolívar (BOL), Tigre (ARG) e um classificado das fases prévias e que pode ser o Corinthians.

O Grupo D será a casa do São Paulo, que irá encarar o atual vice-campeão da Libertadores, River Plate (ARG), a LDU (EQU) e o estreante Binacional (PER).

O Grêmio é o cabeça de chave do Grupo E e encara o América de Cali (COL), a Universidade Católica (CHI) e uma equipe das fases prévia e que pode ser o Internacional.

O Santos caiu no Grupo G ao lado do Olímpia (PAR), do Defensa y Justicia (ARG) e o Delfín (EQU).

As três primeiras fases serão disputados em sistema de mata-mata. Não há critério de gols qualificados, por isso, em caso de empate no placar ao final dos dois jogos, as partidas serão decididas nas penalidades.

Quatro equipes irão sair das fases eliminatórias e se juntam aos outros 28 times divididos por oito grupos com quatro times cada. Os dois primeiros de cada chave avançam até as oitavas de final, enquanto os terceiros colocados vão para a Copa Sul-Americana.

PRIMEIRA FASE

SEGUNDA FASE E TERCEIRA FASE

FASE DE GRUPOS

CALENDÁRIO DA COPA LIBERTADORES

A Copa Sul-Americana começa em janeiro de 202o, com sua final sendo realizada no Maracanã, no Rio de janeiro, dia 21 de novembro de 2020.

  • Primeira fase: ida – 21 a 23 de janeiro de 2020 -> jogos da volta: 28 a 30 de janeiro.
  • Segunda fase: ida – 4 a 6 de fevereiro de 2020 -> jogos da volta: 11 a 13 de fevereiro.
  • Terceira fase: ida – 18 a 20 de fevereiro de 2020 -> jogos da volta: 25 a 27 de fevereiro.
  • Fase de Grupos: 1ª rodada – 3 a 5 de março de 2020; 2ª rodada – 10 a 12 de março de 2020; 3ª rodada – 17 a 19 de março de 2020; 4ª rodada – 7 a 9 de abril de 2020; 5ª rodada – 21 a 23 de abril de 2020; 6ª rodada – 5 a 7 de maio de 2020.
  • Oitavas de final: ida – 21 a 23 de julho -> jogos da volta: 28 e 30 de julho.
  • Quartas de final: ida – 18 a 20 de agosto -> jogos da volta: 25 e 27 de agosto.
  • Semifinal: ida – 22 a 24 de setembro -> jogos da volta: 29 de setembro e 1º de outubro.
  • Final: 21 de novembro
Copa Sul-Americana - Vasco - Fluminense - Bahia - Fortaleza - Goiás - Atlético Mineiro

Copa Sul-Americana define caminho de brasileiros na primeira fase

A Conmebol realizou o sorteio da primeira fase da Copa Sul-Americana na noite desta terça-feira (17). Seis equipes brasileiras irão participar da competição e conheceram seus adversários.

O Atlético Mineiro irá medir forças contra Unión de Santa Fé (ARG), o Bahia contra o Nacional (PAR), o Fortaleza contra o Independiente, o Fluminense contra Unión La Calera (CHI), o Goiás contra o Sol de América (PAR) e o Vasco aguarda o quarto colocado do Campeonato Boliviano.

Dentro desses jogos, Vasco, Bahia e Fluminense decidem em casa a vaga, enquanto Atlético Mineiro, Goiás e Fortaleza farão o segundo jogo fora de seus estádios.

Os jogos serão disputados em sistema de mata-mata. Não há critério de gols qualificados, por isso, em caso de empate no placar ao final dos dois jogos, as partidas serão decididas nas penalidades.

As 22 equipes classificadas se juntam as duas melhores seleções com melhor ranking eliminadas na terceira fase da Copa Libertadores, além dos oito times que ficarem na terceira posição dos oito grupos da Libertadores.

CONFRONTOS DA PRIMEIRA FASE

CALENDÁRIO DA COPA SUL-AMERICANA

A Copa Sul-Americana começa em fevereiro de 202o, com sua final sendo realizada no Estádio Mario Alberto Kempes, em Córdoba, na Argentina, dia 7 de novembro de 2020.

  • Primeira fase: ida – 4 a 6 de fevereiro de 2020 -> jogos da volta: 11 a 13 de fevereiro.
  • Segunda fase: ida – 19 a 21 de maio de 2020 -> jogos da volta: 26 a 28 de fevereiro.
  • Oitavas de final: ida – 21 a 23 de julho -> jogos da volta: 28 e 30 de julho.
  • Quartas de final: ida – 18 a 20 de agosto -> jogos da volta: 25 e 27 de agosto.
  • Semifinal: ida – 22 a 24 de setembro -> jogos da volta: 29 de setembro e 1º de outubro.
  • Final: 7 de novembro
copa do brasil jogos primeira fase fluminense vasco

Copa do Brasil 2020: confira os jogos da primeira fase

Os jogos da primeira fase da Copa do Brasil 2020 foram sorteados nesta quinta-feira (12), ou seja, os 80 clubes que entram na primeira fase já sabem com quem vão duelar. O evento aconteceu na sede da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), no Rio de Janeiro e definiu o chaveamento das equipes, como Cruzeiro, Fluminense e Vasco, para as quatro primeiras fases da competição.

O Paraná Portal selecionou os jogos dos 10 times da Série A:

O Fluminense e o Vasco vão viajar ao Nordeste: o Tricolor vai encarar o Moto Club no Maranhão, enquanto o Cruzmaltino visita o Altos, do Piauí. Quem também vai para a região é o Atlético Mineiro, que enfrenta o Campinense na Paraíba.

Já o Botafogo vai ao Rio Grande do Sul duelar com o Caxias.

Quem percorrerá a maior distância será o Coritiba. O clube do Paraná vai ao Amazonas para enfrentar o Manaus. Ou seja, serão mais de 4 mil quilômetros percorridos, enquanto o Goiás vai viajar 3,2 mil km para jogar contra o Fast Club. Quem vai viajar a mesma distância dos goianos será o Sport, que encara o Brusque em Santa Catarina.

Já o Atlético Goianiense encara o União, do Mato Grosso. Por fim, o Bahia enfrenta o River do Piauí, enquanto o Ceará visita o Bragantino do Pará.

Vale lembrar que os times que jogam fora de casa têm a vantagem do empate. Ou seja, só não avançam à segunda fase do torneio caso percam o duelo.

A competição terá início em fevereiro, enquanto a final será disputada em setembro.

COPA DO BRASIL 2020: JOGOS DA PRIMEIRA FASE

CHAVE 1

  • River-PI x Bahia
  • São Luís x América-RN
  • Coruripe x Juventudes
  • XV de Piracicaba x Londrina

CHAVE 2 

  • Caxias x Botafogo
  • Toledo x Náutico
  • Palmas-TO x Paraná Clube
  • Bahia de Feira-BA x Luverdense

CHAVE 3

  • Brusque-SC x Sport Recife
  • Frei Paulistano-SP x Remo-PR
  • Manaus x Coritiba
  • Gama-DF x  Brasil de Pelotas

CHAVE 4

  • São Raimundo-RO x Cruzeiro
  • Vilenense x Boa Esporte-MG
  • Brasiliense-DF x Paysandu
  • Independente-PA x CRB

CHAVE 5

  • Moto Club-MA x Fluminense
  • Atlético-BA x Botafogo-PB
  • Novo Horizontino x Figueirense
  • Vitória-ES x CSA

CHAVE 6

  • Boa Vista-RJ x Chapecoense
  • Caucaia-CE x São José-RS
  • União-MT x Atlético Goianiense
  • Operário x Santa Cruz

CHAVE 7

  • Imperatriz x Vitória-BA
  • Lagarto-SE x Volta Redonda
  • Bragantino-PA x Ceará
  • Bangu-RJ x Oeste-SP

CHAVE 8 

  • Campinense-PB x Atlético Mineiro
  • Afogados-PE x Atlético-AC
  • Novo Hamburgo x Ponte Preta
  • Galvez-AC x Vila Nova

CHAVE 9

  • Altos-PI x Vasco da Gama
  • Aquidauanense-MT x ABC-RN
  • Fast Club x Goiás
  • Santo André x Criciúma

CHAVE 10

  • Santos-AP x América-MG
  • Barbalha-CE x Operário-PR
  • Ferroviária x Avaí
  • Águia Negra-MS x Sampaio Correa
Cruzeiro - Vasco - Campeonato Brasieiro

Cruzeiro perde do Vasco e pode ser rebaixado na próxima rodada

Na estreia de Adilson Batista, o Cruzeiro seguiu demonstrando nervosismo e pouca qualidade e foi derrotado pelo Vasco por 1 a 0, na noite desta segunda-feira (2), e pode ser rebaixado já na próxima rodada do Campeonato Brasileiro.

A derrota deixa o Cruzeiro com 36 pontos, dois abaixo do Ceará, primeira equipe fora da zona de rebaixamento. Nesse cenário, a equipe mineira precisa vencer seus próximos dois jogos e torcer para os cearenses somarem no máximo três pontos, isso porque o alvinegro tem dez vitórias contra sete do rival.

Já o Vasco chegou a 12ª posição com 47 pontos e apenas cumpre tabela nas duas últimas rodadas do Brasileiro.

O duelo válido pela 36ª rodada foi realizado em São Januário, no Rio de Janeiro.

Guarín marcou o gol da vitória do Vasco.

PRÓXIMOS JOGOS

As equipes já voltam a campo nesta quinta-feira (5) pela 37ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O Cruzeiro viaja para Porto Alegre encarar o Grêmio na Arena do Grêmio, às 19h15.

Enquanto o Vasco vai para Salvador encarar o Bahia na Arena Fonte Nova, às 19h15.

O JOGO

O Vasco reclamou um pênalti não marcado aos quatro minutos de jogo. Orejuela saiu jogando errado e Marrony roubou a bola, já lançando Rossi na área. Egídio chegou pelas costas e derrubou o atacante, mas a arbitragem mandou o lance seguir.

Mas aos nove minutos, o Vasco abriu o placar. Andrey avança e encontra Guarín na entrada da área. O volante bate colocado no canto esquerdo e balança as redes.

Aos 25 minutos, novo lance duvidoso envolvendo o Vasco. Guarín lançou Marrony na área e Cacá se enrolou com o atacante. No primeiro momento, Wilton Pereira Sampaio anotou o pênalti, mas chamado pelo VAR, voltou atrás e mandou o jogo seguir.

O Cruzeiro respondeu aos 34 minutos. Éderson recebeu na lateral da área e finalizou cruzado. Joel chegou atrasado na bola e perdeu ótima chance.

Nova chance do Cruzeiro aos 40 minutos. Egídio bateu escanteio no primeiro poste e Ariel Cabral cabeceou perto do travessão.

A primeira chance do segundo tempo foi do Cruzeiro. David cruzou da esquerda na cabeça de Fred, que escorou para bela defesa de Fernando Miguel.

Egídio ficou muito perto do gol aos 20 minutos. O lateral bateu falta da entrada da área e mirou o ângulo esquerdo, mas a bola passou raspando a trave.

O Vasco respondeu aos 26 minutos. Marrony fez bela jogada no ataque e cruzou rasteiro para Tiago Reis, mas Léo se antecipou e fez o corte antes da finalização.

O Cruzeiro quase anotou o gol aos 40 minutos. Fred recebeu no pivô, rolou para Marquinhos Gabriel, que sozinho na pequena área, mandou para fora e perdeu chance incrível.

São Paulo - Vasco - Campeonato Brasileiro

São Paulo vence Vasco e abre vantagem por vaga direta na Libertadores

Com gol no início e vitória garantido em na mão direita de Tiago Volpi, o São Paulo venceu o Vasco por 1 a 0, na noite desta quinta-feira (28), e abriu vantagem na briga pela vaga na fase de grupos da Copa Libertadores via Campeonato Brasileiro.

O duelo válido pela 35ª rodada foi realizado no Morumbi, em São Paulo.

Antony marcou o gol da vitória do São Paulo.

A vitória deixa o São Paulo na sexta posição com 57 pontos, quatro acima do Corinthians, primeira equipe fora da zona de classificação com vaga direta na fase de grupos da Copa Libertadores da América.

Já o Vasco fica na 12ª posição com 44 pontos ganhos, precisando ainda de mais uma vitória para se livrar de vez do perigo do rebaixamento no Brasileiro.

PRÓXIMOS JOGOS

As equipes voltam a campo na próxima semana pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro.

O São Paulo viaja para Porto Alegre para encarar o Grêmio na Arena do Grêmio, neste domingo (1), às 19h.

Enquanto o Vasco recebe o Cruzeiro em São Januário, nesta segunda-feira (2), às 20h.

O JOGO

O São Paulo abriu o placar logo aos cinco minutos. Após cobrança de lateral de Reinaldo, Oswaldo Henríquez escorou para o alto e Pablo ajeitou para Antony, que bateu colocado no canto direito para balançar as redes.

Reinaldo perdeu grande chance aos 38 minutos. Vitor Bueno achou o lateral sozinho na área, que pegou muito embaixo da bola e mandou a redonda longe do gol.

Nova chance do São Paulo aos 41 minutos. Juanfran cruzou na medida para Vitor Bueno, que cabeceou perto do travessão.

A primeira chance de gol do segundo tempo foi do Vasco aos três minutos. Guarín lançou Ribamar, mas o atacante errou o domínio e Tiago Volpi saiu do gol e fez a defesa.

Tiago Volpi apareceu bem novamente aos 11 minutos. Henrique fez bom cruzamento para Marrony que cabeceou firme para grande intervenção com uma mão do goleiro.

O São Paulo respondeu aos 33 minutos. Após cobrança de escanteio, Arboleda finalizou a bola bateu na marcação e voltou para o zagueiro, que bateu de primeira e Oswaldo Henríquez salvou o gol em cima da linha.

Nova chance do São Paulo aos 37 minutos. Reinaldo finalizou firme da entrada da área e Fernando Miguel fez grande defesa.

internacional vasco tumor

Vanderlei Luxemburgo passa por cirurgia para retirada de tumor no nariz

O técnico Vanderlei Luxemburgo, do Vasco, foi submetido a uma cirurgia nesta terça-feira (26) para a retirada de um tumor na região do nariz.

O treinador tratou de tranquilizar torcedores, amigos e familiares. “As notícias são boas, como a situação foi resolvida ainda no começo, houve sucesso total no procedimento e agora é focar na recuperação”, escreveu em postagem no Instagram.

Além disso, garantiu que estará à beira do campo para a partida de sua equipe nesta quinta-feira (28), contra o São Paulo, no Morumbi.

Como o procedimento foi feito na capital paulista, ele encontrará a delegação já no local da partida. A preparação da equipe, entre segunda e quarta (27), ficou sob responsabilidade do auxiliar Mauricio Copertino.

Luxemburgo havia realizado uma biópsia em três sinais do nariz, e um deles foi diagnosticado como maligno.

Entretanto, na operação, o tumor se mostrou pequeno e sequer foi preciso mexer na cartilagem.

luxemburgo vasco câncer

Vanderlei Luxemburgo, técnico do Vasco, está com câncer de pele

Vanderlei Luxemburgo, atual técnico do Vasco, está com câncer de pele. O diagnóstico foi feito nesta semana, quando o comandante de 67 anos retirou três pintas no nariz para biópsia. O resultado identificou um deles como maligno. A informação é do repórter Bruno Giufrida, do site Globoesporte.com.

De acordo com a matéria, Luxemburgo ainda não sabe se vai fazer a raspagem antes do término do Campeonato Brasileiro. Contudo, a recomendação médica é que o procedimento seja feito em até três meses. A operação é considerada simples, mas pode fazer com que o Vanderlei tenha que perder alguns treinos do time vascaíno se for realizado agora.

O Vasco só entra em campo na próxima quinta-feira (28), às 20h30, quando enfrenta o São Paulo. O duelo, válido pela 35ª rodada do Brasileirão, será realizado no Morumbi, em São Paulo.

Vale lembrar que o clube não joga nesse final de semana porque o clássico contra o Flamengo foi antecipado. O Rubro-Negro disputa a final da Libertadores contra o River Plate neste sábado (23), em Lima, no Peru.

Com contrato até o fim de 2019, Luxemburgo ainda negocia a sua renovação para o ano que vem. Vale lembrar que, sob seu comando, a equipe deixou a zona de rebaixamento e está em 10° lugar, com 43 pontos.

Vasco - Goiás - Campeonato Brasileiro - Guarín

Vasco e Goiás empatam e perdem chance de brigar por Libertadores

Em duelo equilibrado, o Goiás buscou empate no último lance em 1 a 1 contra o Vasco, na noite desta segunda-feira (18), e ambos perderam chance de se aproximar da briga por vaga na próxima edição da Copa Libertadores da América.

O duelo válido pela 33ª rodada foi realizado em São Januário, no Rio de Janeiro.

Guarín marcou o gol do Vasco, enquanto Oswaldo Henríquez (contra) empatou para o Goiás.

O empate deixa o Vasco na nona posição com 44 pontos, sua melhor colocação nesta edição do Brasileiro. A equipe ficou a seis pontos atrás do Internacional, última equipe classificada para a Libertadores neste momento.

Vale lembrar que o Vasco tem um jogo a mais que as demais equipes, por já ter atuado pela 34ª rodada.

Já o Goiás sobe na 11ª posição com 43 pontos e precisa de mais três pontos para garantir a permanência na primeira divisão do Brasileiro.

PRÓXIMOS JOGOS

O Goiás volta a campo no próximo domingo (24), pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro.

A equipe recebe o Bahia no Serra Dourada, às 16h.

Já o Vasco volta a campo apenas no dia 28 (quinta-feira), quando viaja para encarar o São Paulo no Morumbi às 20h30.

O JOGO

Logo no segundo minuto da partida, o Goiás quase abriu o placar. Rafael Moura avançou pela esquerda e cruzou rasteiro no primeiro poste. Leandro Barcia ganhou da marcação e finalizou de primeira para bela defesa de Fernando Miguel.

O Goiás quase conseguiu abrir o placar com um gol olímpico aos dez minutos. Thlles bateu escanteio fechado da direita e Fernando Miguel teve que se jogar para evitar o gol.

Fernando Miguel apareceu bem novamente aos 11 minutos. Thalles cobrou escanteio no primeiro poste e Gilberto escorou no canto esquerdo para outra grande intervenção do goleiro..

O goleiro vascaíno seguiu salvando a equipe. Aos 12 minutos, Leandro Barcia foi lançado e Fernando Miguel saiu do gol e se antecipou ao atacante.

A bola parada do Goiás seguiu perigosa e aos 18 minutos a equipe criou nova chance. Rafael Vaz arriscou falta da intermediária e Fernando Miguel se esticou para mandar para escanteio.

O Vasco conseguiu responder apenas aos 31 minutos. Rossi lançou Cáceres na direita e o lateral cruzou rasteiro para Guarín. O volante pegou de primeira e mandou longe do gol.

Nova chance do Goiás aos 32 minutos. Rafinha recebeu na esquerda, puxou para dentro e bateu com efeito no travessão.

Mas quem marcou primeiro aos 34 minutos foi o Vasco. Após dividida pelo alto, a bola sobrou para Guarín e o volante chutou cruzado, a bola bateu na trave e entrou no gol.

A primeira chance do segundo tempo foi do Vasco aos cinco minutos. Após cruzamento de Cáceres, Marrony furou e a bola sobrou limpa para Guarín pegar de primeira. A bola passou raspando o poste esquerdo.

Novamente Guarín apareceu bem no ataque do Vasco aos 16 minutos. Cáceres cruzou na medida para o volante que bateu firme para bela defesa de Tadeu.

O Goiás chegou a ter um gol anulado com o auxílio do VAR aos 24 minutos. Após bola dividida pelo alto, Rafael Moura e Guarín dividiram e a bola sobrou para Fábio Sanches mandar para o gol. Após consulta ao árbitro de vídeo, foi assinalada falta do atacante do Goiás em cima do volante do Vasco.

O Vasco ainda teve a chance de ampliar o marcador aos 48 minutos. Raul cruzou na medida para Marrony e o atacante pegou de primeira. A bola passou raspando o travessão.

Mas o Goiás não desistiu e conseguiu buscar o empate aos 51 minutos. Após escanteio, Tadeu tentou a finalização de voleio e furou, só que Richard errou o desarme e mandou a bola para o alto. Rafael Moura escorou e Oswaldo Henríquez escorou para a própria meta.