Boletim aponta para temporada com menos casos de dengue no Paraná

Narley Resende


O boletim epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde do Paraná (Sesa) mostra um número menor de casos de dengue no Estado em relação ao boletim do mesmo período do ano passado. Neste ano, de agosto até agora, o Paraná teve 174 casos confirmados em 49 municípios com notificação. O boletim do período anterior (25/11/2015) apontava 518 casos confirmados em 87 cidades.

Neste ano, 5.417 casos foram notificados em 229 municípios com notificação. O novo boletim com os números atualizados de casos de dengue, zika e chikungunya no Paraná foi publicado nessa terça-feira (23), às 17h.

Até esta semana epidemiológica, Paranaguá, com seis casos, é município paranaense com maior número de confirmações. Foram 362 notificados de agosto até agora.

Com a proximidade do verão, o acompanhamento começa a ser intensificado. Já houve aumento de 23,4% dos casos confirmados em relação ao boletim do dia 8 de agosto, que mostrava 141 casos de dengue confirmados em 44 municípios desde agosto. Na semana passada, o boletim não saiu por causa do feriado.

Apesar do cuidado permanente, o surto neste ano deve ser menor do que no ano passado.

O coordenador da sala de situação da dengue da Sesa, Raul Bely avalia o impacto da 1ª dose da vacina aplicada em 200 mil paranaenses de 30 cidades com epidemia de dengue. “Nós analisamos uma série histórica, tem ano que você tem ‘boom’, mas não temos um padrão. Esperamos um impacto de diminuição do números de casos. Contudo, no momento, é muito cedo para afirmar”, disse.

Zika e chikungunya

Entre os casos notificados de chikungunya, o Estado teve 151 notificações, com 24 em Maringá e 11 em Cascavel, os dois municípios com maior número. Pinhais, na região Metropolitana de Curitiba, é o terceiro, com 11 casos notificados. Apenas quatro foram confirmados de agosto até agora – três são pacientes que contraíram na própria cidade.

O único caso autóctone de chikungunya foi em Mercedes, município que faz fronteira com o Paraguai.

De agosto até agora, o Paraná tem 362 casos de zika vírus notificados e nenhum confirmado. O município com maior número de notificações é Cascavel, com 21 casos. Em seguida vem Maringá com 11.

Surto

O último período epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), de agosto do ano passado a julho deste ano, foi o que mais teve casos confirmados na história, com 56.351 casos, e 61 mortes relacionadas à dengue, que representou mais de 90% dos casos infecciosos do mosquito no Paraná.

Desde o ano passado, o governo instituiu o dia 9 de cada mês como o ‘Dia D de combate ao mosquito’, sendo o principal em dezembro.

Neste ano, o Paraná teve o primeiro caso confirmado de microcefalia ligado ao zika vírus. Um bebê, filho de uma mulher que teve a doença, nasceu com a má formação em agosto, em Cascavel, no Oeste do Estado. Há ainda a preocupação com a febre do Mayaro, vírus já conhecido, mas recentemente ligado ao mosquito Aedes aegypti.

No fim do ano há um aumento natural do número de casos das doenças ligadas ao mosquito e os cuidados necessários para limitar a transmissão devem ser redobrados.

Segundo dados técnicos de pesquisas de campo da Secretaria da Saúde, 70% dos criadouros do mosquito se encontram em depósitos de lixo doméstico. A recomendação é simples: dedicar de 15 a 30 minutos por semana para fazer uma inspeção completa na casa, olhar o quintal e as calhas.

O último período epidemiológico da Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), de agosto do ano passado a julho deste ano, foi o que mais teve casos confirmados (56.351) e mortes (61) relacionadas à dengue, que representou mais de 90% dos casos infecciosos do mosquito no Paraná.

Para este ‘novo ciclo’, os trabalhos de combate – que nunca foram paralisados – novamente serão intensificados, mas a expectativa é de redução dos casos.

Atualmente, a incidência no Estado é de 1,37 casos por 100 mil habitantes. O Ministério da Saúde classifica como baixa incidência quando o número de casos autóctones for menor do que cem casos por 100 mil habitantes.

Previous ArticleNext Article
[post_explorer post_id="398962" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]