Projeto oferece ajuda online e gratuita para vestibulandos de escola pública

BandNews FM Curitiba

vestibulandos de escola pública, projeto, salvaguarda, usp, paraná

Para ajudar vestibulandos de escola pública, um projeto oferece serviços de correção de redação, organização de estudos, monitoria e auxílio na escolha profissional gratuitamente. Via aplicativo de mensagens, o Projeto Salvaguarda atua desde 2017 e está com vagas abertas para o Paraná. Ao todo, mais de 30 mil alunos já foram beneficiados.

O fundador do projeto, Vinícius de Andrade, conta que a ideia surgiu quando ele começou a estudar na USP (Universidade de São Paulo). Vindo de escola pública, ele ficou surpreendido com a estrutura do campus e queria que outros estudantes também tivessem essa oportunidade.

“O Salvaguarda nasceu como uma tentativa de aproximar universidades de estudantes de escolas públicas, para democratizar o acesso à informação e possibilitar à esses alunos um conhecimento sobre as possibilidades de escolha e de quais caminhos seguir após o ensino médio. Se o aluno não quiser fazer o ensino superior, tudo bem, desde que ele tenha conhecimento de seus direitos, saiba que existem universidades públicas, possibilidades de intercâmbio, bolsa de pesquisa, auxílio alimentação, moradia. São ferramentas que o Estado muitas vezes não oferece, é uma luz no fim do túnel”, afirma Vinicius de Andrade.

Até o início do ano, o projeto era feito presencialmente em parceria com escolas, mas com a pandemia ele foi adaptado para o meio virtual e a chegou em outros estados, como no Paraná.

“Com a pandemia veio a mudança e a reformulação do modelo para que fosse possível trabalhar no formato on-line. São quatro ferramentas disponíveis para o estudante: correção da redação do Enem, auxílio na escolha profissional, tutores para ajudar na organização dos estudos e grupos de monitoria de todas as disciplinas que servem como um canal direto entre o aluno e os monitores dessas disciplinas, que estão dispostos a ajudar e sanar dúvidas”, explica.

O único requisito para receber a ajuda é ser estudante da rede pública, mas as vagas são ilimitadas. Até o momento, o Paraná conta com 15 voluntários e 10 alunos no projeto. Para participar, basta entrar em contato informando nome completo, cidade e escola em que estudou. Depois, os alunos são redirecionados para uma triagem.

A inscrição deve ser feita por whatsapp pelo número (16) 99390-7355

Leia também: Ex-prefeito e ex-secretário de Mallet devem devolver mais de R$ 70 mil ao município

Previous ArticleNext Article
em 20 minutos tudo pode mudar
[post_explorer post_id="719116" target="#post-wrapper" type="infinite" loader="standard" scroll_distance="0" taxonomy="category" transition="fade:350" scroll="false:0:0"]