Coritiba escala time ofensivo em vitória sobre o Rio Branco e projeta mais testes

Coritiba começou a partida contra o Rio Branco com o quinteto Robinho, recuado como segundo volante, Régis, Alef Manga, Igor Paixão e Léo Gamalho

Pedro Melo - 03 de fevereiro de 2022, 17:22

(Geraldo Bubniak/AGB)
(Geraldo Bubniak/AGB)

O Coritiba venceu o Rio Branco por 2 a 0 com uma escalação bem ofensiva. Robinho, normalmente acostumado a jogar de meia, foi recuado para segundo volante, enquanto o quarteto ofensivo teve o meia Régis e os atacantes Igor Paixão, Alef Manga e Léo Gamalho.

Em entrevista após a partida, o técnico Gustavo Morínigo confirmou que o momento é de testar jogadores e formações e elogiou a atuação de Robinho, que atuou fora da posição original. "Estamos provando formações táticas, jogadores diferentes. Estamos na etapa de provar. Jogamos com dois volantes, mas um deles está acostumado a ser meia, o que nos deu mais qualidade na saída. Um jogo sacrificado dele e por isso o tiramos aos 25 minutos do segundo tempo.

"As formações vamos trabalhar em alguns momentos, quando tivemos todos os jogadores, vamos ver a melhor maneira e implantar a tática de acordo com o rival", acrescentou o treinador coxa-branca.

A formação mais ofensiva surtiu efeito e com a participação direta de três deles nos dois gols da vitória do Coritiba. Igor Paixão tabelou com Régis e marcou o primeiro, além de dar a assistência para o gol de cabeça de Léo Gamalho.

Igor Paixão, inclusive, vem sendo o grande destaque do Coritiba no início da temporada. O atacante marcou três gols em quatro partidas, assumindo a artilharia isolada do Campeonato Paranaense, e deu duas assistências.

"Ele está evoluindo e procurando a cada dia consagrar-se na posição. Ele foi bastante bem novamente e esperamos que mantenha. Não o deixaremos relaxar", destacou Morínigo.

O Coritiba volta a campo no próximo sábado (05), às 16h, para enfrentar o Independente São Joseense, no estádio Cilmar Pedro Goergen, em São José dos Pinhais.

AGENDA DO CORITIBA

  • São Joseense: sábado (05), às 16h, no estádio Cilmar Pedro Goergen
  • Londrina: quarta-feira (09), às 19h, no estádio do Café
  • FC Cascavel: domingo (13), às 18h30, no Couto Pereira
  • Athletico: quarta-feira (16), às 20h, no Couto Pereira
  • Paraná Clube: domingo (20), às 16h, na Vila Capanema